Cultura popular brasileira é apresentada em eventos no Bixiga

Em dois domingos desse mês, Casa de D. Yayá receberá apresentação de música nordestina e um sarau caipira

Crédito da foto: Daiane Martins

No mês de junho, a programação Domingo na Yayá, realizada pelo CPC – Centro de Preservação Cultural da USP (Casa de Dona Yayá) celebra a cultura popular brasileira. Dia11 de junho, a banda Dona Crô, formada por estudantes da Escola de Comunicações e Artes da USP, faz uma apresentação de música regional nordestina no local. Já no dia 25 de junho, é a vez do grupo Ô De Casa, constituído por moradores da Comunidade de Vila Sabrina, localizada na Zona Norte de São Paulo, promover um sarau caipira no CPC. Ambas as apresentações são gratuitas e acontecem nos dois domingos às 11h.

A banda Dona Crô tem como proposta retomar canções tradicionais do repertório nordestino com arranjos diferenciados, agregando elementos de ritmos tradicionais, como baião, xote, xaxado, maracatu e coco. A apresentação, dia 11, em que a banda homenageia Luiz Gonzaga,  incluirá canções de compositores fundamentais da cultura musical nordestina no sudeste do Brasil, como Dominguinhos, Sivuca, Hermeto Pascoal, Gerson Filho e Guerra-Peixe. Fazem parte do grupo Ailson Junior (voz e percussão), Chico Bahia (violino), Iuri Galati (voz e violão), Jhonatan Pereira (escaleta), Rommel Monteiro (percussão) e Taio Nascimento (percussão).

No Sarau Caipira, dia 25, o grupo Ô de Casa apresentará canções e poemas de origem e circulação popular. Clássicos da música brasileira, como Penas do tiê, Romaria, Tristeza do Jeca e Couro de boi serão intercaladas por declamações e “contação de causos”. A proposta do grupo, que há vários anos se apresenta em diversos eventos da capital e do interior, como a tradicional Festa do Divino Espírito Santo de São Luiz do Paraitinga, é ressaltar a pertinência e a continuidade da cultura popular brasileira atualmente.

Para Marcos Silva, integrante do grupo e professor da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP , “ser caipira é cultivar saberes em diálogo com outros saberes, porque as culturas quase nunca se mantêm num estado de pureza absoluta. O Sarau Caipira é um tributo a todos os que batalham pela cultura  popular  no  Brasil e pelo convívio entre as diferenças.” A cultura caipira, segundo ele, abrange a produção material da vida, como trabalho, alimentação, higiene e moradia, assim como as diferentes formas simbólicas de que se revestem todas essas atividades, incluindo as artes.  

Serviço

Dona Crô no CPC
Quando | 11 de junho (domingo), às 11h
Onde | R. Maj. Diogo, 353 – Bela Vista, São Paulo – SP
Quanto | Gratuito
Mais informações | cpcpublic@usp.br ou (11) 2648-1501

Ô de Casa no CPC
Quando | 25 de junho (domingo), às 11h
Onde | R. Maj. Diogo, 353 – Bela Vista, São Paulo – SP
Quanto | Gratuito
Mais informações | cpcpublic@usp.br ou (11) 2648-1501

Por Comunicação Institucional - PRCEU

Música nordestina e Sarau caipira na Casa de D. Yayá
  • Centro de Preservação Cultural da USP
    • Domingo
    • A partir das 11:00.
    • R. Maj. Diogo, 353 - Bela Vista
    • São Paulo - SP - SP
    • tel: (11) 2648-1501
    • e-mail: cpcpublic@usp.br
    • obs: Gratuito