Última mostra do ano do Cinema da USP tem o palhaço como protagonista

Ria, palhaço!, que entra em cartaz no dia 4 de dezembro, traz produções nacionais e internacionais de diretores como Ingmar Bergman, Federico Fellini e Selton Mello

O Cinema da USP (CINUSP) apresenta, de 4 a 20 de dezembro, a mostra gratuita Ria, palhaço!, em parceira com o coletivo CIRCUSP. As atrações incluem filmes brasileiros e internacionais de diversos estilos e épocas, em que o palhaço é representado no circo (com ou sem lona), na rua ou na estrada, além de mesas de debate.

Tem palhaço que trabalha em circo fixo. É o caso do palhaço Chocolat, que saiu do anonimato para atuar nas grandes apresentações do Nouveau Cirque de Paris, renomada casa de espetáculos do final do século XIX. Chocolat foi um dos primeiros palhaços negros da França e, juntamente com Foottit, foi pioneiro na apresentação da dupla composta por um palhaço negro e um palhaço branco. No dia 12, às 19h, haverá exibição do filme seguida do debate “Palhaço, educação e racismo”, com a participação da palhaça, filósofa e pesquisadora em pedagogia das máscaras Cida Almeida; do palhaço, professor e coordenador da Escola de Jovens Artistas do Doutores da Alegria Heraldo Firmino; e da palhaça e mestranda em Artes Cênicas pela ECA-USP Mariá Guedes.

Mas o circo não precisa do luxo do Nouveau Cirque de Paris para existir. O menino Jonas, de apenas 13 anos, mostra que é possível improvisar um circo no quintal de casa e fazer a felicidade da criançada do bairro. Essa história é contada no brasileiro Jonas e o circo sem lona, de Paula Gomes. O filme foi exibido em vários países e recebeu o Prêmio do Público no Festival de Toulouse, na França, entre outros.

Tem palhaço que faz o circo na rua mesmo. No documentário Se essa rua fosse minha, palhaços e outros artistas de rua contam suas experiências e fazem seu trabalho com muita alegria, apesar dos preconceitos que sofrem frequentemente. No dia 6, às 19h, haverá exibição do filme seguida de debate com a fotógrafa, produtora audiovisual e diretora do filme Júlia Piccolo Von Zeidler, e com o palhaço Pixuxu, artista circense de rua e fundador e palhaço na companhia Circo Bem Bolado de São Bernardo do Campo.

Tem palhaço que está sempre em movimento. Deserto, estreia do ator Guilherme Weber como diretor, traz uma trupe itinerante de velhos comediantes. Livremente inspirado na obra Santa Maria do Circo, do mexicano David Toscana, o filme adapta a realidade dos desertos do México para o sertão da Paraíba. Palhaços e outros artistas também se deslocam constantemente de uma cidade a outra em Noites de circo, de Ingmar Bergman, e no premiado A estrada da vida, de Federico Fellini.

E tem até mesmo palhaço sagrado! Para os índios Krahôs, do norte do Tocantins, riso é coisa muito importante. Hotxuá é o nome que se dá ao sacerdote do riso designado pelos Krahôs para fortalecer e unir o grupo através da alegria, do abraço e da conversa. É um índio que brinca, faz rir e é responsável pela harmonia da aldeia. O filme foi premiado no Festival de Cuiabá e no FestCine Amazônia e exibido no Festival de Toulouse, na França.

Apesar das diferenças, o que todo palhaço tem em comum é o riso. O palhaço ri e faz os outros rirem, independentemente da situação. O palhaço triste deixa de lado suas amarguras e decepções na hora do espetáculo para despertar a gargalhada geral. É o que ensinam os palhaços de O palhaço, de Selton Mello, e Ridi, pagliacci!, filme silencioso de 1928.

A mostra conta também com o curta-metragem Click, de Elias Mingoni, Monstros, de Tod Browning, e o clássico Dumbo, no qual o pequeno elefante, alvo de risos por suas orelhas enormes, acaba sendo integrado ao número de palhaços no circo e revela seu grande talento.

Programação

04/12 | segunda
16h00  NOITES DE CIRCO + CLICK
19h00  DUMBO

05/12 | terça
16h00  JONAS E O CIRCO SEM LONA
19h00  HOTXUÁ

06/12 | quarta
16h00  A ESTRADA DA VIDA
19h00  SE ESSA RUA FOSSE MINHA + DEBATE

07/12 | quinta
16h00  MONSTROS
19h00  NOITES DE CIRCO + CLICK

08/12 | sexta
16h00  DESERTO
19h00  RIDI, PAGLIACCI! + CLICK

11/12 | segunda
16h00  HOTXUÁ
19h00  MONSTROS

12/12 | terça
16h00  O PALHAÇO
19h00  CHOCOLATE + DEBATE

13/12 | quarta
16h00  DUMBO
19h00  JONAS E O CIRCO SEM LONA

14/12 | quinta
16h00  RIDI, PAGLIACCI! + CLICK
19h00  DESERTO

15/12 | sexta
16h00  A ESTRADA DA VIDA
19h00  O PALHAÇO

18/12 | segunda
16h00  JONAS E O CIRCO SEM LONA
19h00  A ESTRADA DA VIDA

19/12 | terça
16h00  SE ESSA RUA FOSSE MINHA
19h00  NOITES DE CIRCO + CLICK

20/12 | quarta
16h00  CHOCOLATE
19h00  HOTXUÁ

Serviço

Ria, Palhaço!
Quando | 4 a 20 de dezembro | Sessões de segunda a sexta-feira, às 16h e 19h
Onde | CINUSP – Rua do Anfiteatro, 181, Colmeia – Favo 04, Cidade Universitária, São Paulo – SP
Quanto | Gratuito

Por Comunicação Institucional - PRCEU

Mostra Ria, Palhaço!
  • CINUSP
    • de Segunda a Sexta
    • A partir das 19:00.
    • Rua do Anfiteatro, 181, Colmeia - Favo 04, Cidade UniversitáriaRua do Anfiteatro, 181, Colmeia - Favo 04, Cidade UniversitáriaRua do Anfiteatro, 181, Colmeia - Favo 04, Cidade Universitária
    • São Paulo - SP