• A+
  • A-
Fechar
Parceria Brasil – Portugal traz revistas históricas do movimento modernista digitalizadas e disponibilizadas pela USP

Parceria Brasil – Portugal traz revistas históricas do movimento modernista digitalizadas e disponibilizadas pela USP

Comunicação - PRCEU - 23/06/2022

Acordo entre a Biblioteca Brasiliana da USP e a Universidade Nova de Lisboa resgata publicações que se tornaram ícones do movimento modernista da década de 1920

Por Tiago Cesquim
23/6/2022 17h02

Na próxima quarta-feira, 29 de junho, às 14 horas, a Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM) da USP promove na Sala Villa Lobos o evento de lançamento do site Revistas de Ideias e Cultura. A iniciativa, resultado da colaboração entre a BBM e o Centro de Humanidades da Universidade Nova de Lisboa, realiza ainda mesas de debates compostas pelos autores do projeto e por especialistas convidados, que versarão sobre o legado das revistas 100 anos após seu lançamento. A entrada é gratuita.

O acervo, composto por 53 volumes de seis revistas, de origens paulista, carioca e mineira, ficará disponível na internet em reproduções fac-símiles. As publicações incorporam as atuais técnicas de edição digital, permitindo a consulta por oito índices: autores, conceitos, assuntos, nomes e obras citados e lugares. A pesquisa poderá ainda ser feita de forma individual, por título da revista, ou de forma agregada, com resultados para todas as coleções. O portal apresenta ainda numerosos documentos, testemunhos e estudos sobre cada tema, além de dados estatísticos sobre o material publicado.

“A parceria foi resultado de um convite do professor Luís Andrade (Universidade Nova Lisboa – Portugal) para participarmos do projeto Revistas Modernistas, cuja versão original tinha como foco as revistas portuguesas. Sob a liderança dele e o trabalho dos pesquisadores Tânia de Lucca, Antonio Dimas, Leticia Pedruzzi Fonseca e Ana Luiza Martins, a Biblioteca Mindlin pode participar oferecendo a digitalização de seis revistas brasileiras”, explica o professor Alexandre Macchione Saes, diretor da BBM. “Tivemos uma cuidadosa curadoria sobre um material bastante rico da nossa história brasileira. Mais do que o material digital, o portal oferece um caminho para pesquisadores e interessados ingressarem no ambiente modernista”, completa Saes.

À esquerda, contracapa da Revista Klaxon com gravura A obsessão do sábio e, à direita, capa da Klaxon número 3 com texto Klaxon mensário de arte moderna

Primeira revista modernista do Brasil, a Klaxon foi publicada mensalmente de maio de 1922 a janeiro de 1923

Referência para os estudos de história da arte e das letras contemporâneas, as famosas publicações ganharam ao longo dos anos o status de representantes do movimento e fonte de estudos imprescindível para pesquisadores e aficionados do tema. Por meio das revistas artísticas, os autores do modernismo brasileiro encontraram um meio eficaz para divulgar suas obras e teorias sobre a arte moderna, publicando poemas, trechos de contos e romances, além de avisos sobre os eventos artísticos.

“As revistas modernistas foram os compères (cúmplices) afamados da Semana de Arte Moderna de 22. Os títulos Klaxon, Estética, A Revista, Terra Roxa e Outras Terras, Verde e Revista de Antropofagia tornaram-se os órgãos do modernismo que firmaram uma cultura nova e viva, sabiamente nacional e cosmopolita”, conta o professor Luís Manuel Crespo Andrade, líder do projeto e diretor da Coleção de Revistas de Ideias e Cultura (RIC) (www.ric.slhi.pt).

Imagem ilustrativa da diagramação da Revista de Antropofagia, em preto e branco, com diversos tipos de letras, textos longos e desenho em alusão ao Abaporu de Tarsila do Amaral

Idealizada por Oswald de Andrade e Raul Bopp, a Revista de Antropofagia caracterizou-se pelo espírito irreverente, pelas idéias combativas, pela tomada de posições radicais, envolvendo principalmente experiência estética e cultural

Conforme explica Andrade, “o mapeamento sistemático do teor de cada revista representa um poderoso instrumento hermenêutico e heurístico quer para os investigadores quer para o público em geral. Reúne os dispersos de um mesmo autor (mesmo quando recorre a pseudónimo), define tábuas de assuntos, constelações conceptuais e dados de recepção”.

Cartaz Apresentacao FinalOutro aspecto inovador apontado pelo diretor do RIC é proporcionar informações quantitativas sobre o tema. “Contêm as primeiras formulações de análise qualitativa das bases de dados quantitativas implícitas, que se espera virem a ser desenvolvidas e disponibilizadas aos utilizadores como ferramentas informáticas. Por exemplo, as distribuições estatísticas da cadência de publicação de um autor, o uso de um conceito ou referência a uma obra”, aponta.

Parte do material já possuía edições anteriores em acesso aberto. No entanto, o avanço nas pesquisas sobre o tema e as novas técnicas de edição digital permitiram uma ampliação dos recursos disponíveis. A intenção é renovar o interesse sobre esse material essencial do movimento modernista, no âmbito das comemorações de seu centenário, simbolizado pela Semana de Arte Moderna de 1922.

Duas mesas compõem o evento de lançamento do site. A primeira, às 14h, tratará da apresentação do projeto, com a presença de seus idealizadores e realizadores: Luís Crespo Andrade (Universidade Nova de Lisboa), Tânia de Lucca (Unesp), Leticia Pedruzzi Fonseca (Universidade Federal do Espírito Santo), Ana Luiza Martins (Condephaat) e Antonio Dimas (IEB/USP). A partir das 15h30, acontece um debate sobre o legado das revistas modernistas brasileiras 100 anos após sua publicação original, com a participação de Marcos Moraes (IEB/USP) e Elias Thomé Saliba (FFLCH/USP).

Serviço

Revistas Modernistas Brasileiras

Lançamento dos portais de Revistas do Modernismo brasileiro – BBM e Universidade Nova de Lisboa

Quando | 29 de junho, das 14 às 17 horas

Onde | Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin da USP – Sala Villa-Lobos

Rua da Biblioteca, 21, Butantã, São Paulo

Quanto | Gratuito

URL: http://br.revistasdeideias.net/

Contato e mais informações | 11 2648 0316 ou mediacaobbm@usp.br

 

 

Lançamento dos portais de Revistas do Modernismo brasileiro – BBM e Universidade Nova de Lisboa
    
Não há Comentários :(
 
Atenção! Não escreva dúvidas ou perguntas. Utilize o canal específico Fale Conosco.