Engenharia Elétrica (ênfase em energia e automação elétricas) – São Paulo

Descrição do Curso

O aluno ingressa na engenharia elétrica e cursa o ciclo básico durante os dois primeiros anos e faz a opção ao final do 2º ano, podendo escolher entre as ênfases Energia e Automação, Telecomunicações, Sistemas Eletrônicos e Automação e Controle. A partir do 3º ano, o aluno começa a ter disciplinas especificas da ênfase Energia e Automação.
O objetivo principal do curso é formar engenheiros que atuem não só no planejamento e concepção de processos industriais específicos, mas também em atividades sistêmicas relacionadas a projetos multidisciplinares de engenharia que envolvam soluções energéticas técnica economicamente sustentáveis.
O aluno da ênfase Energia e Automação recebe uma formação generalista e uma visão ampla dos princípios de funcionamento da cadeia da energia elétrica, desde as fontes primárias de energia renováveis e não renováveis, suas formas de transformação, o transporte e a distribuição para os centros de consumo, bem como o uso da energia elétrica. Também são abordados os sistemas de controle, automação e proteção envolvidos nos processos que constituem esta cadeia. O curso permite que o aluno conheça os princípios de funcionamento e as aplicações dos principais equipamentos utilizados nos sistemas de produção, transmissão, distribuição e uso da energia elétrica.
Durante o curso, o aluno pode realizar atividades de iniciação científica ou estágio junto aos grupos de pesquisa da Escola Politécnica da USP (Epusp) ou em empresas do setor. Os convênios da Epusp com diversas Universidades de outros países permitem que o aluno curse disciplinas no exterior e possibilitam a obtenção de um duplo diploma.

Infraestrutura

A Escola Politécnica da USP tem uma das melhores bibliotecas de engenharia do país com um grande acervo de livros e periódicos e acesso fácil à base de dados de revistas, teses e livros digitais. A Escola tem uma ótima infraestrutura de salas de informática e de laboratórios didáticos e de pesquisa. Realiza ainda a escola inúmeros eventos científicos como congressos, seminários e simpósios de nível nacional, regional e internacional.

Inserção Profissional

Os alunos formados no curso de Engenharia Elétrica com ênfase em Energia e Automação da Epusp podem atuar em empresas públicas do setor de energia, em indústrias de equipamentos elétricos, em empresas de consultoria e em empresas de pesquisa e desenvolvimento e inovação. Eles também podem seguir a carreira acadêmica em programas de pós-graduação de mestrado e doutorado e se tornar docentes de ensino superior.

Onde estudar?

  • POLI - Escola Politécnica
    integral 188 vagas bacharelado
    Os alunos ingressarão no curso de Engenharia Elétrica e cursarão um ciclo comum da estrutura curricular até o final do 3º ano, no qual farão a opção por uma das habilitações, com base nas notas obtidas nas disciplinas obrigatórias, constantes dessa estrutura, a contar do ano de ingresso do aluno - duração: 10 semestres *vagas para ingressar em Engenharia Elétrica