Trabalhos online ativos – lista

#ECAemCasa: Comunicação, Cultura e Artes em tempos de pandemia

Relato de experiência e resultados preliminares do projeto #ECAemCasa, iniciativa do Laboratório Agência de Comunicação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo para dar visibilidade à produção científica e artística da ECA-USP durante a pandemia de Covid-19.

 

 

397 DIAS EM SILÊNCIO: TÍTULO PROVISÓRIO

“397 Dias em Silêncio: Título Provisório” é uma criação cênica a partir do texto Lesados, de Rafael Martins com direção de Otacílio Alacran (Agente cultural do TUSP) que finaliza a primeira edição do curso Teatro TUSP 60+ vinculado ao programa USP 60+ da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP numa experiência teatral online voltada ao público acima de 60 anos.

 

 

A Aquaponia como ferramenta de ensino de sustentabilidade nas escolas: uma ação de extensão à educadores da Educação Básica

Este trabalho discute os resultados do curso A Aquaponia como ferramenta de ensino de sustentabilidade nas Escolas, ofertado a educadores da Educação Básica (EB), na modalidade on-line no edisciplinas USP (plataforma Moodle PRCEU).

 

 

A Atuação da Extensão na Formação Contínua e no Suporte ao Ensino Remoto Emergencial em Tempos de Pandemia

A Semana de Geografia é um projeto de extensão que, desde 2003, atua na aproximação entre a universidade pública e a escola pública, principalmente pelo desenvolvimento de projetos e pela formação contínua de docentes.

 

 

A Botânica “Tá on” Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na promoção de Conhecimento, Encantamento e Conservação da Biodiversidade Vegetal

A equipe do grupo de pesquisa BotEd (Botânica na Educação) desenvolve e participa, a 13 anos, de um conjunto de iniciativas de extensão mediadas pelas Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação visando aproximar a Sociedade em geral, e os educadores/professores como foco mais específico, da ciência Botânica, buscando a mitigação do analfabetismo e da cegueira botânica e, em última instância, contribuir para a conservação da biodiversidade vegetal e sustentabilidade do planeta.

 

 

A Coleção de Plantas Aquáticas e Palustres da ESALQ como ferramenta transdisciplinar no ambiente da universidade

O projeto “O uso das plantas aquáticas e palustres como ferramenta transdisciplinar de ensino e extensão” foi desenvolvido durante sete./2020 a ago./2021, dentro do grupo de extensão Hidrofitotério-ESALQ, vinculado ao departamento de Ciências Biológicas da ESALQ/USP, cujo principal objetivo foi manter a relação de pesquisa, ensino e extensão por meio de plantas aquáticas e palustres.

 

 

A Competição USP de Conhecimentos: um projeto de extensão que aproxima alunos de escolas públicas da Universidade de São Paulo

O objetivo deste trabalho é apresentar os resultados da Competição USP de Conhecimentos (CUCo) quanto ao alcance de sua missão, aproximar alunos do Ensino Médio (EM) de escolas públicas do Estado de São Paulo, bem como a comunidade escolar, da USP.

 

 

A Criação do Centro de Estudos para a Paz, como Núcleo de Apoio à Cultura e Extensão Universitária GLIP-USP

A alvorada do novo milênio torna a aproximação da Universidade à sociedade mais essencial a cada dia. Destarte, observa-se a necessidade da criação de atividades de extensão universitária próximas ao dinamismo da evolução social e tecnológica. Há uma profunda demanda de inclusão e diversidade, em sua plena magnitude, rumo a patamares capazes de contribuir à paz mundial.

 

 

A difusão dos Estudos Japoneses na seara virtualizada: resultados e experiências do Curso de inverno Pluralidades artísticas no Japão: manifestações literárias, visuais e sonoras

O presente trabalho é o desdobramento da experiência obtida ao oferecer o curso de inverno intitulado Pluralidades artísticas no Japão: expressões literárias, visuais e sonoras, por meio do Serviço de Cultura e Extensão da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.

 

 

A extensão universitária como ferramenta para estimular as meninas nas carreiras de “STEM”

Este trabalho possui dois objetivos principais, um é estimular meninas a seguir as carreiras das áreas de ciências, tecnologia, engenharia e matemática (STEM) e o outro objetivo é promover as habilidades de ensino, comunicação e gestão das estudantes de graduação da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) e do Instituto de Química de São Carlos (IQSC),

 

 

A Importância da Compostagem no Mundo Contemporâneo

O projeto “Compostando na Creche, uma experiência para toda a família” é desenvolvido há 18 anos no Centro de Convivência Infantil “Ermelinda Ottoni de Souza Queiroz” (CCIn), vinculado à Divisão de Atendimento a Comunidade, pertencentes à Prefeitura do Campus USP “Luiz de Queiroz”, na cidade de Piracicaba.

 

 

A importância da conscientização dos alunos do Ensino Fundamental I sobre qualidade de vida para um envelhecimento saudável

O objetivo do presente estudo é levar até os alunos entre 7 a 11 anos das escolas públicas do Ensino Fundamental I da região de Ribeirão  Preto-SP informações a respeito, principalmente, sobre a importância de  exposição adequada à luz solar, obtenção de uma dieta equilibrada, prática de  exercícios físicos e, como estes fatores refletem positivamente para melhora da qualidade de vida, podendo favorecer um envelhecimento saudável.

 

 

A OSUSP em números: as programações da orquestra de 1976-2019

Esta pesquisa apresenta uma série de dados coletados sobre programações musicais da Orquestra Sinfônica da Universidade de São Paulo (OSUSP). Esta investigação objetivou compreender tendências curatoriais da orquestra, entender a ação da OSUSP no cenário brasileiro e produzir metadados para suas ações futuras.

 

 

A PREVALÊNCIA DOS NEUROMITOS EM PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA

Este estudo investigou a prevalência de neuromitos em professores da rede básica e procurou possíveis preditores à adesão aos mitos, como o tempo de atuação profissional e número de cursos de neurociências cursados. Foram selecionados 50 participantes inscritos no curso online Ciências da Vida na Escola (CVE) oferecido pelo laboratório de Neuropsicofarmacologia dos Distúrbios do Movimento e pelo Laboratório de Pesquisa e Integração em Psicologia, Educação e Tecnologia, ligados à FFCLRP. Realizou-se análises descritivas e uma matriz de correlações (p-valor = 0,05%). Avaliou-se as taxas de acertos e possíveis correlações com os dados sociodemográficos.

 

 

A PSICOLOGIA NO ENFRENTAMENTO DAS OPRESSÕES DE GÊNERO: UM ESTUDO A PARTIR DAS EXPERIÊNCIAS NO NÚCLEO DE EXPRESSÃO FEMININA DA FACULDADE DE DIREITO DA USP

O Núcleo de Expressão Feminina, atividade de extensão da Faculdade de Direito da USP, foi fundado em 2019 no sentido de atuar em relação às disparidades entre os gêneros observadas dentro da universidade, visando agir sobre o silenciamento feminino e potencializar a expressão das estudantes.

 

 

A Química ao alcance de muitos – divulgando a ciência para alunos, professores e público em geral

Neste trabalho apresentamos algumas ações que o grupo vem realizando, já há alguns anos, visando à divulgação científica. Nossos objetivos envolvem contribuir para uma compreensão do papel da Ciência e da Tecnologia na vida individual e na sociedade, um melhor entendimento e tomada de decisão informada sobre questões de natureza sócio científica. Visamos contribuir para a melhoria do ensino de ciências, proporcionando a professores e alunos uma visão da Ciência que engloba aspectos social, econômico, político; e aproximar as escolas públicas da Universidade, oferecendo espaço de discussões, convívio e pesquisa.

 

 

A relação com o corpo e com a alimentação na dança profissional

A dança, muitas vezes cultua e valoriza o corpo magro mesmo não havendo dados científicos que comprovem a necessidade de um corpo magro para sua prática.

 

 

A salvaguarda do patrimônio imaterial paulistano na extensão, ensino e pesquisa da USP

O Centro de Preservação Cultural (CPC/USP), em articulação com vários grupos de teatro atuantes na cidade de São Paulo e coletivos de pesquisa vem elaborando, desde maio de 2021, o Plano de Salvaguarda do Teatro de Grupo. Trata-se de uma iniciativa pioneira na cidade de São Paulo, de elaboração de importante ação de proteção do patrimônio imaterial realizada em conjunto com aqueles que são seus detentores.

 

 

A trajetória do Time Enactus Campus São Carlos no desenvolvimento de projetos socioambientais: dificuldades, situação atual e perspectivas futuras

O Time Enactus Campus São Carlos iniciou suas atividades em 2013 e, nesta trajetória, contou com a participação de 353 alunos, sendo de 14 cursos de graduação e 3 de pós-graduação. Oito projetos foram desenvolvidos e três estão em andamento, em áreas de atuação e grupos sociais diferenciados, impactando mais de 2000 pessoas. Os projetos contaram com apoio da rede Enactus Brasil, editais da USP, empresas privadas e eventos organizados pelo grupo.

 

 

A Universidade e as Redes Locais – Extensão e Redes no Butantã

Nos últimos vinte anos a Universidade estabeleceu uma relação sinérgica com a vizinhança através de programas que se envolveram no desenvolvimento de redes locais e/ou temáticas. Este trabalho retrata as ações do programa Avizinhar, da antiga Coordenadoria de Cooperação e de Atividades Especiais, no início da formação da Rede Butantã de Entidades e Forças Sociais, Fórum em Defesa dos Direitos da Criança e Adolescente do Butantã e Micro-rede São Remo, espaços comunitários, dialógicos, colaborativos e acolhedores de projetos extensionistas da USP.

 

 

A USP e a São Remo: a atuação dos Programas Avizinhar (1998-2006) e Aproxima-Ação (2013-2021)

A Extensão Universitária é um dos três pilares que compõem a universidade pública. Assim, a USP buscou estender sua atuação para com seus territórios vizinhos. Neste artigo, são abordadas duas experiências com o território da favela São Remo. Em 1998 foi criado o Programa Avizinhar, na intenção de aproximar a comunidade USP e externa. O Projeto atuou até 2006, quando a Pasta de Cultura e Extensão Universitária passou da Coordenadoria Executiva de Cooperação Universitária e de Atividades Especiais (CECAE) para a Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU).

 

 

A web como ferramenta de ensino e difusão de procedimentos culinários vinculados à promoção de uma alimentação adequada e saudável.

Motivação e objetivos: O projeto foi desenvolvido por duas graduandas do curso de Nutrição inscritas no PUB, da Faculdade de Saúde Pública (FSP), coordenado pela professora Dra. Betzabeth Slater a fim de divulgar conteúdo nas áreas de Nutrição e Culinária,

 

 

ABC na Educação Científica – Mão na Massa: Conhecendo as partes das plantas

O Programa ABC na Educação Científica – Mão na Massa é desenvolvido no CDCC por meio de cursos de formação continuada para professores da Educação Infantil e do Ensino Fundamental, produção de materiais didáticos para apoio ao trabalho do professor e Mostras de Trabalhos. Este trabalho descreve a elaboração do módulo “Conhecendo as partes das plantas” com a colaboração de bolsistas do Programa Unificado de Bolsas.

 

 

Ação Social: Setembro Amarelo e Saúde Mental dos Adolescentes

A adolescência abrange uma série de mudanças que impactam diretamente os adolescentes em diversas áreas. Ademais, o isolamento social advindo da pandemia da COVID-19 agravou ainda mais as condições de saúde mental nessa faixa etária. Assim, faz-se necessário o desenvolvimento de estratégias que visem a valorização da vida e a prevenção do suicídio.

 

 

Ações Educativas e Aprimoramento de Profissionais que Trabalham com Adolescentes Usuários de Substâncias: Extensão entre Universidade e Comunidade

Resumo:  O Socioeducando II (Programa Aprender na Comunidade) busca dar cidadania a crianças e adolescentes vulneráveis através de ações educativas, por meio da colaboração da Prof. Dra. Marina Rezende Bazon (FFCLRP-USP) com o Prof. Dr. Sérgio Nojiri (FDRP-USP). Há uma parceria com os Centros de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas (CAPS-AD) de São José do Rio Preto, para os quais graduandos e pós-graduandos conduzem o curso “Uso de Substâncias na Adolescência: Desenvolvimento e Fatores Psicossociais Relacionados”. Este visa proporcionar conhecimento científico sobre o desenvolvimento de condutas antissociais na adolescência; promover capacidade de relacioná-lo criticamente às práticas profissionais; e ajudar na instrumentalização para avaliações e intervenções educativas. Foram realizados 10 encontros quinzenais em 2021, com 2 ainda previstos, divididos em 3 módulos. Os encontros têm 2 horas pelo Google Meet, com aulas expositivas, discussões síncronas, vídeos disparadores e estudos de caso.

 

 

AÇÕES EXTENSIONITAS NO ENFRENTAMENTO DA COVID-19 COM DIABÉTICOS

O desenvolvimento do trabalho surgiu a partir do panorama da pandemia do Coronavírus, em que muitas situações e desafios foram vivenciadas, sobretudo nas áreas da saúde contemplada na promoção de saúde. O objetivo principal foi descrever as atividades desenvolvidas por alunos extensionistas da UFCG.

 

 

Ações Formativas Junto a Profissionais que Atuam em Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

O projeto “Socioeducando II”, inserido no programa “Aprender na comunidade”, propõe a formação, na modalidade remota, de profissionais atuantes em instituições da saúde e assistência social. Uma delas trata dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFVs), que atuam com crianças de 6 a 14 anos em situação de vulnerabilidade social.

 

 

Ações interprofissionais de promoção à saúde como forma de promover a sustentabilidade da saúde e bem estar das pessoas

O projeto de extensão intitulado “Ações interprofissionais de promoção à saúde como forma de promover a sustentabilidade da saúde e bem estar das pessoas” surgiu com o objetivo principal de promover ações educativas com foco na promoção da saúde para adultos e idosos portadores de doenças crônicas não transmissíveis, usuários do Sistema Único de Saúde.

 

 

Ações Sociais no Campus USP São Carlos

Em 2020, considerando a relevância do fortalecimento da imagem da USP na sociedade, especialmente junto a população menos favorecida, duas iniciativas tiveram o objetivo de incrementar as ações de inclusão, extensão e responsabilidade social  do Campus USP São Carlos, promovendo a interação com a população do entorno das Áreas 1 e 2 do Campus: 1)

 

 

Acolhimento, flexibilização e vínculo com a aprendizagem de língua inglesa em contexto universitário em tempos de pandemia

Esta apresentação traz reflexões sobre as atividades desenvolvidas em 2020 pelas educadoras do curso de inglês do Programa INCO no período inicial de suspensão das atividades presenciais devido a pandemia de Covid-19. A equipe elaborou uma proposta de reorganização do curso em formato modular online.

 

 

Acompanhamento e investigação dos óbitos materno-infantis em Ribeirão Preto – SP: sustentação para processos educativos junto às instituições de saúde

Relato do projeto “Investigação das mortes materno-infantis no município de Ribeirão Preto e processo educativo nas instituições de saúde” realizado em uma parceria universidade-serviço de saúde, no escopo do Programa Unificado de Bolsas – Vertente Extensão. Seu objetivo volta-se a proporcionar ao graduando aprendizados sobre o acompanhamento e investigação de óbitos materno-infantis

 

 

ÁGUA E SOLO NA AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

Resumo:  O trabalho é resultado do projeto de mesmo título contemplado pelo Edital 10 – ODS-ONU (2020) da PRCEU/USP para “fomento às iniciativas ligadas aos ODS-ONU”. Teve como objetivo abordar, como capacitação, o ODS 2, para a irradicação da fome e a agricultura sustentável, no que diz respeito aos cultivos agrícolas na promoção de práticas conservacionistas dos recursos naturais, com foco principal na qualidade da água e do solo, visando a produtividade, com fortalecimento da capacidade de adaptação às mudanças climáticas

 

 

Alfabetização de jovens e adultos e a redução das desigualdades: uso de tecnologia apoiando o desenvolvimento do ODS 10

O Brasil ainda possui 6,6% de pessoas com mais de 15 anos não alfabetizada, o que é um limitante relevante ao desenvolvimento do país. Os avanços da tecnologia trazem desafios ao mudar o mercado de trabalho e extinguir postos de trabalho, mas por outro lado oferece recursos para melhorar serviços à população. Nesse sentido, o projeto buscou desenvolver um aplicativo para alfabetização de jovens e adultos. Na primeira fase estudou-se a literatura, entrevistaram-se alfabetizadores a fim de se obter uma visão dos desafios enfrentados na prática e levantou-se aplicativos voltados para alfabetização disponíveis nas lojas de apps dos celulares.

 

 

ALFABETIZAÇÃO EM SAÚDE BUCAL: INTERFACE ENSINO SUPERIOR E EDUCAÇÃO BÁSICA

O objetivo geral está centrado na educação em saúde bucal, com foco em estudantes, com a finalidade de divulgar conhecimento sobre este assunto e formas de prevenção de doenças e capacitação de professores da Educação Básica para inserção destes temas em sala de aula.

 

 

Alfabetização midiática e produção audiovisual na escola pública: ensinar crianças e jovens a interpretar e a produzir informação

Este projeto de cultura e extensão, realizado com apoio da PRCEU, através do edital Empreendedorismo, realizado entre julho de 2019 e julho de 2021, abordou a alfabetização midiática e informacional através da aprendizagem do vídeo com a participação de docentes do Departamento de Jornalismo e Educomunicação da Escola de Comunicações e Artes (ECA), do Departamento de Metodologia e Educação Comparada da Faculdade de Educação (FE), professores da EAFEUSP e discentes dos cursos de Jornalismo, Educomunicação e Letras.

 

 

Alfred Wallace: Propondo independentemente de Darwin a Seleção Natural

O trabalho foi desenvolvido para o Darwin Day 2019 Ribeirão Preto, com o objetivo de, através da história de Alfred Wallace e de um algoritmo evolutivo, ensinar ao público (principalmente estudantes do Ensino Médio) o conceito de Seleção Natural.

 

 

Alimentos nativos, cultura alimentar e gênero: e-book “Memórias da Mandioca” escrito por mulheres do NACE Sustentarea USP

Desde 2020, o NACE Sustentarea USP dedica parte de suas atividades ao estudo e à pesquisa da mandioca sob a ótica de sistemas alimentares mais saudáveis e sustentáveis. Dentre elas, destacamos uma experiência recente: o e-book “Memórias da Mandioca”. Essa é uma obra composta por uma coletânea de histórias biográficas de mulheres integrantes do Sustentarea, lançada em setembro de 2021.

 

 

Análise do Curso de Ciências Moleculares (PRG/USP) – histórico dos 30 anos e perspectivas futuras

O Curso de Ciências Moleculares é um distinto curso de graduação na Universidade de São Paulo, fundamentado na formação de estudantes na carreira de pesquisa interdisciplinar através do preparo multidisciplinar em ciências formais e naturais. Além de ser um dos únicos cursos da USP que utiliza um segundo método de seleção após a FUVEST, o curso se destaca por sua liberdade acadêmica e sua comunidade multidisciplinar de estudantes.

 

 

AnatoVet – Guia Prático para Curiosos: vídeos educativos como produto da extensão universitária ao Ensino Médio

Resumo:  Este trabalho relata a experiência da ação da FMVZ-USP junto à comunidade acadêmica do Centro Educacional SESI 077 de Carapicuíba-SP. Para isso, seguiram-se as seguintes etapas: I) discussão inicial; II) escolha do tema e definição do problema; III) formação dos grupos; IV) escolha dos professores orientadores; IV) elaboração do plano de pesquisa; V) investigação e registro das atividades; VI) análise dos resultados; VII) conclusões; VIII) produção e entrega do relatório de pesquisa; IX) apresentação do produto. Como resultado, elaborou-se o “AnatoVet – Guia Prático para Curiosos”

 

 

Antrozoo: A construção de um projeto de divulgação científica

O Projeto Antrozoo é uma rede acadêmica internacional de pesquisa e divulgação científica, que trata de temas relacionados à antrozoologia, o estudo da interação entre pessoas e animais.

 

 

Aplicação do Cursinho Popular Paiva para alunos de Escola Pública

Buscando contribuir para o ingresso de estudantes de camadas populares nas universidades, para a democratização do conhecimento e visando fomentar a consciência crítica da juventude, bem como cumprir com os compromissos éticos de extensão universitária intrínsecos à Universidade de São Paulo, o presente projeto se estrutura como um Cursinho Popular.

 

 

Apoio Pedagógico Domiciliar, no Grupo de Apoio ao Transplantado de Medula Óssea – Gatmo

O Grupo de apoio aos Transplantados de Medula Óssea (GATMO) é uma casa de apoio que acolhe/assiste pacientes carentes de todo o Brasil, ao longo do processo de transplante de medula óssea, realizado pelo Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto. As crianças e os adolescentes que realizam esse tratamento permanecem afastados de suas escolas, e nem todos dão continuidade à educação escolar.

 

 

Aprendendo com ações de extensão da Liga de transplantes de Órgãos e Tecidos da EERP-USP

O projeto de extensão tem o objetivo de complementar a formação acadêmica por meio de atividades que envolvam o ensino, a pesquisa e a extensão, com ações voltadas para a promoção e educação em saúde sobre o processo doação e transplantes.

 

 

APRENDENDO COM O ENSINO DE PACIENTES ESTOMIZADOS E SEUS FAMILIARES

Quando os pacientes com doenças colorretais agudas e crônicas, quer sejam oncológicas ou não, são submetidos ao tratamento cirúrgico, frequentemente resultam na confecção de estomia intestinal, requerendo, dessa maneira, adaptações dos diferentes aspectos de sua vida à nova condição, com utilização de equipamentos coletores e adjuvantes, alterando, assim, a dinâmica e a organização do cotidiano do paciente e de seus familiares.

 

 

Aprendendo com o ensino de receptores de transplante de fígado e seus familiares

O projeto de extensão tem o objetivo de desenvolver atividades de ensino-aprendizagem pós-operatória para receptores de transplante de fígado e seus familiares, visando a alta hospitalar,

 

 

Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista

O projeto “Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista” é desenvolvido por alunos de Graduação em Enfermagem (EERP-USP) e Pós-Graduação em Imunologia Básica e Aplicada (FMRP-USP), levando conceitos de imunologia e Covid-19, com uma linguagem acessível e ilustrações de fácil entendimento pela internet

 

 

Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista

O projeto “Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista” é desenvolvido por alunos de Graduação em Enfermagem (EERP-USP) e Pós-Graduação em Imunologia Básica e Aplicada (FMRP-USP), levando conceitos de imunologia e Covid-19,

 

 

Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista

O projeto “Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista” é desenvolvido por alunos deGraduação em Enfermagem (EERP-USP) e Pós-Graduação em Imunologia Básica e Aplicada (FMRP-USP), levando conceitos de imunologia e Covid-19

 

 

Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista

Congressista: Kethlen Louise Palha Ferrari Unidade USP: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto   Título: Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista Coordenador: Profa. Dra. Beatriz Rossetti Ferreira Área …

 

 

Aprender e Ensinar Imunologia- Projeto Jovem Imunologista

O projeto “Aprender e Ensinar Imunologia – Projeto Jovem Imunologista” é desenvolvido por alunos de Graduação em Enfermagem (EERP-USP) e Pós-Graduação em Imunologia Básica e Aplicada (FMRP-USP), levando conceitos de imunologia e Covid-19,

 

 

Aprender na comunidade

O presente trabalho busca informar a respeito das atividades desenvolvidas pelo grupo “Via Saber”, que por meio dos eventos “Pergunte a um(a) Cientista” busca reduzir o distanciamento entre a produção científica e a população.

 

 

Aprender na Comunidade: a liderança de enfermagem baseada em valores

O Programa Aprender na Comunidade direciona as atividades de ensino fora do ambiente de sala de aula, trazendo para a sociedade contribuições relevantes de desenvolvimento e aprendizado; nesse sentido, esse projeto teve como objetivo identificar os valores pessoais e organizacionais dos enfermeiros buscando o autoconhecimento com foco no aprimoramento da liderança.

 

 

Aproxima Sorrisos

O projeto foi uma iniciativa do Programa Aproxima – Ação, articulando redes de cooperação e integração entre a universidade e a comunidade juntamente com a Faculdade de Odontologia. Nossa atuação ocorreu na comunidade São Remo em parceria com a ONG Circo Escola Bom Jesus – São Remo, no dia 28 de novembro de 2019, em período integral.

 

 

Aquaponia Sustentável: proteção dos recursos hídricos e segurança alimentar aplicada em espaços não formais de ensino

O trabalho é fruto de sequências didáticas desenvolvidas no curso “A Aquaponia como ferramenta de ensino de sustentabilidade nas escolas”, que foi ofertado a educadores da Educação Básica (EB), por meio da plataforma online Moodle PRCEU/USP.

 

 

Arte Comciência: Histórico e Vivências Quanto as Cotas Étnicas e Sociais no Instituto de Física da Usp

O projeto Artecomciência visa desenvolver ações específicas quanto a diversidade e equidade junto à comunidade do Instituto de Física da USP com destaque aos discentes ingressantes oriundos de quotas e ou segmentos sub-representados na Física.

 

 

Arte e Ciência nas Escolas

O Arte & CIência é um projeto de divulgação científica que tem como objetivo levar o conhecimento científico para as escolas públicas de uma maneira experimental e divertida, através de workshops e experimentos de baixo custo.

 

 

Arte Educação Ambiental: uma atividade do Instituto de Biociências (IB-USP) no Programa USP 60+

Breve relato de projeto de extensão na área das ciências da natureza junto ao público da terceira idade, realizando a atividade didático-cultural Ciclo de oficinas Arte Educação Ambiental em 2020 e 2021 em 4 encontros virtuais mensais, visando apresentar as pesquisas realizadas nos departamentos do Instituto de Biociências (IB-USP). Optamos por conciliar o acadêmico e o lúdico para promover ensino-aprendizagem somando conhecimentos científicos e produção artística: breve palestra inicial seguida de técnicas diversas visando expressar o aprendizado. Assim, utilizamos as artes manuais como meio de apreensão de biologia, natureza e meio ambiente e de estimular a imaginação.

 

 

Artecomciência: explorando a imaginação e cultivando a comunicação científica nas graduações do IFUSP

O Projeto Artecomciencia desenvolveu a disciplina “Processos Criativos em Ciência: da Imaginação à Divulgação Científica”,  que visa estimular práticas criativas dentro do curso de Física, unindo experimentações em arte, ciência e comunicação, a fim de estimular aspectos usualmente não priorizados na graduação, romper com o antagonismo entre o pensamento criativo e o analítico, estimular a originalidade e a busca por novos caminhos dentro da ciência e conscientizar sobre o papel social da Física.

 

 

Articulação das Ações do Grupo de Trabalho Água e sua Atualização no Banco de Dados do Plano Diretor Socioambiental do Campus USP “Luiz de Queiroz”

O presente projeto buscou integrar alunos da graduação do campus “Luis de Queiroz” às ações do Grupo de Trabalho Água (GT Água), associado ao Plano Diretor Socioambiental do campus. Os bolsistas buscaram participar ativamente de reuniões, ações de campo e proposta de projetos, sempre pautados na temática água e efluentes.

 

 

Articulação de rede de comercialização junto a pequenos produtores de um assentamento rural fundamentada na Economia Solidária

Esse projeto visou a criação de uma rede de consumidores especialmente a partir da criação de um sistema de vendas e entregas de cestas com produtos agroecológicos.

 

 

As barreiras tecnológicas e a acessibilidade em sites da Universidade de São Paulo

Levando-se em consideração o contexto online gerado pelo período de pandemia iniciado em 2020, encontrou-se a necessidade, pelo Programa USP Acessível, de divulgação de materiais, que levassem à comunidade USP maior acesso a informações sobre o tema de acessibilidade.

 

 

As redes sociais como ferramentas de comunicação em saúde: o alcance da alimentação sustentável na web

Com a presença de ferramentas digitais cada vez mais intensa no dia a dia da população, é importante a atenção ao compartilhamento de informações confiáveis sobre alimentação e sustentabilidade, pautadas em estudos científicos. Neste sentido, o NACE Sustentarea busca divulgar, por meio das redes sociais e site, materiais informativos e educativos para promover o acesso a conteúdos relevantes sobre alimentação sustentável.

 

 

Associação Ribeirãopretana de Ensino, Pesquisa e Assistência ao Hipertenso – AREPAH : Estratégia com a Universidade para Prevenção e Redução da Morbimortalidade por Doenças Cardiovasculares na Cidade de Ribeirão Preto – SP

A Associação Ribeirãopretana de Ensino, Pesquisa e Assistência ao Hipertenso-AREPAH é uma entidade filantrópica sem fins lucrativos fundada em 19/10/1996,de utilidade pública municipal pela Lei 9.061-19/12/2000,com objetivo de elaborar propostas para reduzir a morbi-mortalidade cardiovascular.

 

 

Atendimento multidisciplinar ao paciente com diabetes mellitus no município de Bauru

O Diabetes Mellitus (DM) corresponde a um grupo de distúrbios do metabolismo de glicose cujas complicações impactam na morbimortalidade das pessoas acometidas.

 

 

Atendimento Psicanalítico de Gêmeos – grupo Gemelar

O braço clínico do estudo com gêmeos é um programa que oferece atendimento clínico psicológico gratuito pra gêmeos e seus familiares na clínica escola do IPUSP. Criado em 2017, a convite da professora Emma Otta, que lidera o estudo de gêmeos na USP, é coordenado pela professora Maria Lívia Tourinho Moretto, e composto por um grupo de profissionais e alunos.

 

 

AtivEstat – Atividades de Estatística

Apresentamos o portal AtivEstat – Atividades de Estatística voltado à professores de matemática. O portal conta com uma série de atividades e indicações de outros portais que podem auxiliar no ensino de Estatística. Considerando a importância da participação ativa dos estudantes no processo de ensino-aprendizagem e desenvolvimento do letramento estatístico, espera-se que as ferramentas do portal possam contribuir nesse sentido.

 

 

ATIVIDADE CORPO POLÍTICO – PLANTAS: O RECONHECIMENTO DE POTENCIALIDADES E A VALORIZAÇÃO DO SUJEITO COMO PRODUTOR DA SUA SAÚDE

A Jornada Universitária da Saúde (JUS) é uma extensão universitária interdisciplinar e multiprofissional com foco na promoção e educação em saúde, trabalhando com discussões e atividades em municípios do interior de São Paulo.

 

 

Atividade Física no pós-COVID: da Pesquisa à Cultura e Extensão

Entre setembro de 2020 e fevereiro de 2021, foi desenvolvido o estudo AEROBICOVID. As experiências e resultados alcançados embasam o presente projeto de cultura e extensão.

 

 

Atividades de Aproximação do Discente com a Realidade Profissional

A dificuldade da maioria dos cursos do campus da USP/Esalq é que eles são diurnos, ou seja, com aulas na parte da manhã e tarde, o que dificulta a realização de estágios ou atividades profissionais fora do âmbito da universidade, impedindo que o aluno tenha o contato profissional durante o período do curso. Para os cursos noturnos esta realidade do contato com o mundo profissional é facilitada, mas para os demais isso só acontece mais ao final do curso.

 

 

Atividades de extensão em Saúde Coletiva: experiência de uma liga acadêmica

MOTIVAÇÃO E OBJETIVO: O conhecimento sobre o funcionamento do SUS e de suas áreas de atuação por parte do usuário acarreta consequências sociais de impacto. O estudo pretende descrever as atuações da Liga Acadêmica de Saúde Coletiva (LASC) da Faculdade de Odontologia de Bauru.

 

 

Atividades interativas do Clube de Ciências Luiz de Queiroz (CCLQ)

Este trabalho, em desenvolvimento, objetiva estruturar as atividades do Clubinho de Ciências Luiz de Queiroz (CCLQ), da ESALQ/USP. O projeto aproxima a universidade e a comunidade, feitas em reuniões de alinhamento para a organização do espaço interno do CCLQ e o planejamento de diferentes eventos, além do desenvolvimento do Instagram do grupo para a melhoria na divulgação.

 

 

Atlas da Dinâmica Criminal em São Paulo (SP): roubos a transeuntes e de veículos

É a partir do padrão espaço-temporal dos roubos a transeuntes e de veículos, que o Atlas discute os desafios para pesquisas quantitativas de criminalidade. Nele, trata-se sobre a pluralidade das investigações sobre violência, a heterogeneidade urbana, subnotificação dos casos, vitimização, a qualidade do endereçamento e o quadro destes tipo de ocorrências de 2006 a 2017.

 

 

Atlas Molecular da Sustentabilidade

Voltado ao sistema básico de ensino, o Atlas Molecular da Sustentabilidade consiste em um livro eletrônico (ebook) que reúne informações sobre substâncias e materiais com destacada relevância para a consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Cada capítulo da obra versa sobre uma substância ou material específico, que é tratado em seus aspectos científicos, sociais, econômicos e ambientais, com foco em suas conexões com os ODS. O conteúdo da obra apoia-se em pesquisas que dão suporte ao viés da sustentabilidade, sob o qual cada substância ou material é apresentado.

 

 

ATLAS SANCA: conhecendo São Carlos por suas bacias

Congressista: Salete Linhares Queiroz Unidade USP: Centro de Divulgação Científica e Cultural   Título: ATLAS SANCA: conhecendo São Carlos por suas bacias Coordenador: Salete Linhares Queiroz Área Temática: Ciências Biológicas …

 

Bairro Novo no Município De Lagarto-Se – Arquitetura e Urbanismo na Cidade Pós-Pandemia

O que se apresenta é um projeto de extensão para um novo bairro no município de Lagarto-SE que busca integrar à cidade uma população de alta vulnerabilidade física e social. Foi elaborado por meio de convênio entre a Fundação Pio XII e grupo de pesquisa e extensão do Instituto de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, com participação de técnicos e gestores do município.

 

Banco de Dados em Eletrocardiografia Veterinária

Resumo:  O projeto Banco de Dados em Eletrocardiografia Veterinária foi uma iniciativa que surgiu na FZEA/USP há 9 anos, com o objetivo de tornar a avaliação da atividade elétrica cardíaca dos animais acessível aos alunos da Medicina Veterinária e clínicos veterinários da região, possibilitando a prestação de um serviço de qualidade, ao mesmo tempo em que os alunos aprimoram seus conhecimentos na área, por meio da interpretação dos traçados eletrocardiográficos e o acompanhamento da rotina clínica da Unidade Didática Clínica Hospitalar (UDCH) da FZEA/USP

 

 

Bibliotecando na Carochinha: Ações de Incentivo à Leitura na Biblioteca da Creche e Pré-Escola Carochinha -Usp Durante a Pandemia de Covid-19

O projeto visou o incentivo da leitura infantil como prática semanal/ quinzenal. O objetivo principal foi o aumento do interesse na leitura entre as crianças menores de 6 anos, enquanto ainda estão na fase de alfabetização de maneira online dada a pandemia da covid-19. A leitura cria pontes humanas, desde emocionais e sociais até autonomia infantil.

 

 

Bio na Rua

O Bio na Rua existe na cidade de Ribeirão Preto desde 2017 e consiste na divulgação científica de temas variados das Ciências Biológicas. Até o ano de 2019, ocorria presencialmente em praças públicas da cidade. A partir de 2020, devido à pandemia, o formato e público-alvo mudaram. A Comissão Organizadora e os participantes são formados por alunos de graduação e pós-graduação do Departamento de Ciências Biológicas.

 

 

Biocientista Mirim – Ação Taquarivaí

O Biocientista Mirim é um projeto de extensão da Universidade de São Paulo voltado à alfabetização científica de alunos em diferentes fases da formação escolar e treinamento de professores para utilização de metodologias ativas em sala de aula. No contexto do Programa Santander – USP Municípios, o grupo atuou na formação de professores do município de Taquarivaí, no interior de São Paulo. No total, 72 participantes, entre professores e coordenadores, fizeram parte de 2 workshops remotos de formação, modelo este que foi inédito e necessário devido à pandemia do covid-19. Como produto da ação, o Biocientista Mirim pôde elaborar um material de referência para ser utilizado pelos professores em suas aulas.

 

 

Biocientista Mirim – Relatório de Aluno

A desigualdade social no Brasil é um problema grave, que reflete diretamente na educação, onde o ensino de baixa qualidade, evasão escolar, entre outros fatos mostram a precariedade em que ela se encontra.

 

 

Biologia e Sociedade: memória da CCEx/IBUSP

O registro sistemático e amplo de ações de cultura e extensão de uma instituição não é tarefa fácil. Para promover o processo de memória institucional, bem como possibilitar uma análise temporal sobre a continuidade ou descontinuidade de ações, projetos e programas realizados na área, buscamos o desenvolvimento de uma plataforma digital de armazenamento de informações, especificamente de documentos textuais e imagéticos. Todo o processo foi desenvolvido de forma participativa e dialógica, com envolvimento de alunos, funcionários e docentes, pensando-se em uma perspectiva educomunicacional para a extensão universitária.

 

 

Boletim Informativo como estratégia de ensino-aprendizagem para a difusão de informação baseada em evidências sobre Covid-19

O estudo objetivou descrever o processo de construção de Boletim Informativo como estratégia de ensino-aprendizagem para a difusão de informação baseada em evidências sobre a Covid-19

 

 

Bolsa PPI Para a Pós-Graduação Carlos e Diva Pinho

O projeto em questão tem por objetivo apresentar a Bolsa Carlos e Diva Pinho, que tem como público-alvo alunos de programas de pós-graduação da FEA/USP que se enquadrem no perfil PPI.

 

 

Caça-Respostas do Museu de Anatomia Humana Prof. Alfonso Bovero

O desenvolvimento de novas metodologias de ensino no campo da anatomia humana tem sido cada vez mais requisitado, por se tratar de uma disciplina complexa, mas de grande importância para toda a área da saúde. Nesse sentido, desenvolvemos um jogo anatômico voltado para os visitantes do Museu de Anatomia Humana Professor Alfonso Bovero (MAH).

 

 

Café com Morilas: Democratizando o conteúdo acadêmico

A extensão, enquanto um dos pilares da universidade, é uma das formas de democratizar o conhecimento acadêmico, aproximando a sociedade civil, que financia as atividades acadêmicas e dela se beneficia, de quem produz o conhecimento.

 

 

Campanha #uspfazoteste

A sinergia entre o diagnóstico precoce e o tratamento adequado e oportuno de doenças transmissíveis leva ao controle e prevenção da transmissão essenciais para preservar a qualidade de vida e o sistema de saúde no país, devendo ser valorizados.

 

 

Canetas de insulina: o que preciso saber? Produção de vídeo educativo para apoio à pessoa com Diabetes Mellitus e seus cuidadores

Diante a disponibilização das canetas de insulina pelo Sistema Único de Saúde (SUS), para as pessoas com DM tipo 1 ou tipo 2 que tenham idade igual ou menor a 19 anos ou a partir de 50 anos de idade, em parceria com o Programa de Atenção às Pessoas com Doenças Crônicas não Transmissíveis,

 

 

Capacidade para o autocuidado de idosos residentes em uma Instituição de Longa Permanência

De acordo com Salcher et al (2006) as limitações funcionais provenientes do envelhecimento ocasionam um aumento da demanda de cuidados por períodos prolongados.

 

 

CAPACIT@: SUPORTE ÀS AÇÕES DO GRUPO INTERDISCIPLINAR DE ESTUDOS E PESQUISAS SOBRE PARTO DOMICILIAR PLANEJADO (GIEPDP)

Com o intuito de difundir e contribuir para a problematização e discussão sobre o PDP no Brasil, além de buscar diminuir a lacuna literária e dar visibilidade social a esse tipo de assistência, um grupo de cientistas e pesquisadoras criaram em dezembro de 2020 um grupo de pesquisa, intitulado: “Grupo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas sobre Parto Domiciliar Planejado” (GIEPDP), inscrito no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Destaca-se que esse grupo de pesquisa é o único, até o momento, vinculado ao CNPq, que aborda e traz em seu título e composição o Parto Domiciliar Planejado como temática central da linha de pesquisa.

 

 

Capítulo Institute for Healthcare Improvement Open School da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo

O presente projeto de cultura e extensão tem por objetivo  manter as atividades desenvolvidas pelo Capítulo Institute for Healthcare Improvement Open School da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo,

 

 

Características dos pacientes atendidos no Ambulatório de Reabilitação do Complexo do Ombro no ano de 2021

O Ambulatório especializado de fisioterapia para as dores do ombro oferecido no Centro de Saúde Escola (CSE) “Dr Joel Domingos Machado”, recebe indivíduos que apresentam dor na articulação do ombro com indicação de tratamento conservador, onde graduandos e pós-graduandos participam dessa atividade de extensão

 

 

Cardiogeriatria: uma proposta de apoio assistencial ao idoso cardiopata

O projeto é de relevante contribuição social, em virtude de ter como população alvo idosos cardiopatas com idade igual ou superior a 60 anos de ambos sexos em seguimento clínico nos Ambulatórios de Cardiologia e Geriatria da rede pública de saúde de Ribeirão Preto-SP podendo ser beneficiados na melhora da sua qualidade de vida com a implantação de programas interdisciplinares de caráter permanente, haja visto o envelhecimento da população em geral.

 

 

Censo Pontes e Vivências de Saberes: conexão universitária e periferia

Esta proposta apresenta a pesquisa, os desafios e as experiências resultantes do Censo Pontes e Vivências de Saberes desenvolvido pela Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência do IEA da USP.

 

 

Centro de Inclusão Social USP São Carlos

A missão do Centro de Inclusão Social USP São Carlos (CIS – USP SC), criado em 2015, é impulsionar a educação de jovens matriculados em escolas públicas estaduais que residem na cidade de São Carlos e Ibaté em consonância com o “Programa Aproxima – Ação / Programa de Educação Sócio Comunitária

 

 

Centro de Pesquisa e Atendimento de Traumatismo em Dentes Decíduos da Disciplina de Odontopediatria da FOUSP: Documentação e divulgação

A clínica do Centro de Pesquisa e Atendimento de Traumatismo em Dentes Decíduos da Disciplina de Odontopediatria da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOUSP) atua como um centro de referência de atendimento de dentes decíduos traumatizados desde 1998.

 

 

Ciências humanas por filmes: um ferramenta de democracia e ensino

Este trabalho pretende compartilhar as experiências do Cineclube Sessão das Dez, projeto que é englobado pelo Cursinho Popular Paiva II e visa democratizar o acesso à educação e à cultura, tendo como público principal alunos do ensino médio de escolas públicas da cidade de Ribeirão Preto.

 

 

CientificaMente ARTE | Residência artística “Com Carinho, Rosalind Franklin”

O CientificaMente ARTE é um projeto de cultura e extensão de oportunidades para a exploração e desco-berta em áreas onde Ciência e Arte se encontram. Nesta edição do projeto, a proposta foi direcionada às áreas das artes cênicas, tendo como metas a criação de texto teatral e sua encenação da história de vida da cientista inglesa Rosalind Franklin.

 

 

Cine adentro: curadoria e produção de mostras cinematográficas no CINUSP Paulo Emílio

O projeto consistia na curadoria e produção de mostras de cinema no CINUSP Paulo Emílio, órgão ligado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP, entre os anos de 2019 e 2020. Por meio da discussão entre os participantes (coordenação, bolsistas e estagiários), era feita a elaboração de propostas de mostras a serem realizadas no cinema.

 

 

CineGRI: Cineclubes e Produção de Conteúdo

O CineGRI tem como principal objetivo promover uma consciência pública e maior aproximação dos cidadãos comuns às relações internacionais, pois acredita que entender o contexto em que nos inserimos, em escalas local e global, é parte fundamental do processo de emancipação política e humana.

 

 

Cinema adentro: curadoria e produção de mostras cinematográficas no CINUSP Paulo Emílio

O projeto consistia na curadoria e produção de mostras de cinema no CINUSP Paulo Emílio, órgão ligado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP.

 

 

CINUSP – Cinema público, gratuito e de formação de público

Criado em 1993 pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão desta universidade, o CINUSP “Paulo Emílio” é o órgão de difusão audiovisual da universidade e possui uma sala de cinema gratuita, aberta ao público em geral o ano todo, localizada na Cidade Universitária. A programação é variada e rica, contando com mostras temáticas produzidas por professores e alunos da universidade, e acompanhada de seminários, debates, cursos, pré-estreias e parcerias com os principais festivais de cinema da cidade. Num cenário contemporâneo de inédita disponibilidade de conteúdos e plataformas de consumo audiovisual, torna-se ainda mais relevante o trabalho de curadoria de conteúdo dentro do vasto universo de obras audiovisuais.

 

 

Circo da Física

Congressista: Marcelo Ferreira Manduca Unidade USP: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto   Título: Circo da Física Coordenador: Carlos Ernesto Garrido Salmon Área Temática: Ciências Exatas e …

 

 

Circuito de Arte e Cultura do Centro Acadêmico de Educação Física e Esporte USP

O Circuito de Arte e Cultura (CAC) do Centro Acadêmico de Educação Física e Esporte USP tem a proposta de fomentar espaços colaborativos para atividades culturais. Inicialmente, elas eram voltadas para a Escola de Educação Física e Esporte (EEFE). Conforme o projeto cresceu, o público se estendeu à comunidade USP e, por conta da pandemia, ocorreu de forma remota, abrangendo o público externo.

 

 

Clínica do Esmalte Dental: uma proposta concreta de integração de Ensino, Pesquisa e Extensão Universitária

A Clínica do Esmalte Dental surgiu em 2018 como uma Disciplina do Programa de Pós-Graduação a partir da observação cada vez mais frequente de crianças cuja queixa odontológica principal estavam associadas à Hipomineralização Molar-Incisivo (HMI).

 

 

Clube de Ciências da USP: Aprendizagem Baseada em Temas por meio do Experimento de  Eratóstenes

Essa ação extensionista teve como principal objetivo contribuir com a formação continuada de Professores e com a Educação Científica de crianças e jovens da Educação Básica.

 

 

Clube de Ciências para Meninas – Centro para Crianças e Adolescentes (CCA)

A formação do clube de ciências para meninas do Centro para Crianças e Adolescentes (CCA) do Jardim Keralux, tem como público alvo meninas entre 11 e 14 anos em estado de vulnerabilidade social, visando a difusão científica em espaços formais e não formais de educação.

 

 

Clube de Leitura para o Público 60+

O projeto visa propor ações relacionadas à leitura como forma de lazer na tentativa de modificar o cotidiano das pessoas na Terceira Idade, atualmente definidas como 60+. O lazer em grupo é uma forma de atenuar sentimentos acarretados pela solidão e/ou por uma vida sedentária, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida.

 

 

CO-ESCOLA: práticas colaborativas para qualificação de espaços de escolas públicas

O projeto CO-ESCOLA decorre de uma solicitação encaminhada pela Diretoria Estadual de Ensino para a realização de um projeto-piloto para qualificação de espaços de escolas públicas tendo como preceito a Ciência Cidadã, nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU e em práticas colaborativas pedagógicas e arquitetônicas.

 

 

Comer e Morar: viver no território tradicional na Mata Atlântica

Contemplado por um Edital de Inclusão Socioprodutiva (2017) da Fundação Banco do Brasil, o Projeto Comer e Morar atuou nas comunidades tradicionais caiçaras do Canto da Lagoa e do Canto do Ribeirão, na Praia de Castelhanos e de Guanxumas, na Ilha dos Búzios, no arquipélago de Ilhabela. Em vistas do cenário de transformação da região em função das atividades portuárias, petróleo e gás e turismo de massa que impacta negativamente seus cotidianos, o objetivo do Comer e Morar esteve centrado em promover o uso das técnicas tradicionais de bioconstrução (taipa de mão) e de manejo agro-florestal (SAF) visando o fortalecimento comunitário para a permanência desses povos no território tradicional da Mata Atlântica, também por meio da geração de renda feita com essa articulação e o Turismo de Base Comunitária. O Comer e Morar traz em seu escopo a discussão sobre os impactos do desenvolvimento hegemônico na cultura caiçara e sobre o papel da pesquisa e extensão para composição de um cenário de diversidade e igualdade.

 

 

Comida que sustenta: podcast que aproxima saberes tradicionais de idosas aos avanços científicos na área de alimentação e sustentabilidade

O podcast Comida que Sustenta é produzido pelo Sustentarea, Núcleo de Apoio à Cultura e Extensão da USP, com o objetivo estabelecer diálogo entre os saberes populares e as evidências científicas na área de alimentação e sustentabilidade, contribuindo para atingir o ODS 3 – Saúde e Bem Estar.

 

 

Comissão Ambiental da Biologia

A Comissão Ambiental da Biologia (CAMBIO) é um grupo de Extensão Universitária composto majoritariamente por alunos da graduação em Ciências Biológicas do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (IB-USP), mas que conta também com a colaboração de funcionários e uma professora do IB.

 

 

Comunicação científica sobre sistemas alimentares saudáveis e sustentáveis: a experiência da Revista Sustentarea

A Revista Sustentarea foi criada como uma forma de divulgação científica sobre alimentação saudável e sustentável e tem como objetivo contribuir para que o princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão seja alcançado.

 

 

Comunicação digital técnico-científica em ciências agrárias e ambientais por meio de mídias sociais

Resumo:  É notável a influência da internet no processo de transmissão de informações e interesse das comunidades em assuntos de cunho cientifico. O Grupo de Extensão SolloAgro, do Departamento de Ciência do Solo da ESALQ/USP, desenvolve projetos com bolsistas PUB para disseminar a divulgação de conteúdos técnico-científicos produzidos na ESALQ/USP e em instituições parceiras, e proporcionar aos alunos a experiência do ambiente profissional, desenvolver capacidades intelectuais, relacionamento com profissionais e pós-graduandos, desenvolver autonomia e trabalho em equipe.

 

 

Comunidade de práticas: diálogos com hospitais para o enfrentamento da COVID-19 por meio de webinários

Congressista: Lucia Yasuko Izumi Nichiata Unidade USP: Escola de Enfermagem   Título: Comunidade de práticas: diálogos com hospitais para o enfrentamento da COVID-19 por meio de webinários Coordenador: MARIA CLARA …

 

 

Comunidade Sustentarea: A importância da formação multidisciplinar  em um projeto de extensão universitária

O compartilhamento de informações através de mídias digitais está cada vez mais presente no dia a dia da população. Para tanto, é imprescindível que no campo da divulgação acadêmico-científica, haja materiais que sirvam como referência para a sociedade, pautados pela Ciência e desenvolvidos com devida seriedade, como é o caso do tema alimentação. Nesse sentido, a Formação Sustentarea teve como objetivo capacitar mensalmente os membros do projeto, considerando temas pilares do grupo, cujo foco é alimentação saudável e sustentável.

 

 

Concepção de modelos físicos para avaliação de parâmetros de desempenho hídrico, térmico e dinâmica da vegetação em tetos vegetados

A pesquisa e aplicação de tetos vegetados, um tipo de Solução baseada na Natureza para gestão de águas pluviais, é majoritariamente limitada a países de clima temperado. Para a aplicação destes no Brasil, é preciso superar o desafio tecnológico de conceber modelos físicos laboratoriais que gerem insumos para avaliar seu desempenho térmico, hídrico e dinâmica de vegetação em diversos climas.

 

 

Concerto Didático “Dominó Sinfônico”

O Concerto Didático “Dominó Sinfônico” da OSUSP foi composto em 2006, sob a concepção do Maestro Carlos Moreno e Wellington Nogueira, fundador do Projeto “Doutores da Alegria”, e arranjo sinfônico de Adail Fernandes, como contrapartida para as orquestras que alugavam a Sala São Paulo.

 

 

Concertos Virtuais 2020

O canto coral foi uma das práticas mais impactadas pelas restrições adotadas durante a Pandemia.

 

 

Conduta Delituosa na Adolescência e Possibilidades de Intervenção Psicossocial no Sistema Socioeducativo

Sob a orientação da Prof.ª Marina Bazon e do Prof. Sérgio Nojiri, o projeto “Socioeducando II” visa empreender a parceria universidade-comunidade a partir de três frentes de atuação que possuem atividades direcionadas aos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, ao CAPS de São José do Rio Preto e à Fundação CASA.

 

 

Construção de um site para orientação de familiares de pacientes admitidos na unidade de terapia intensiva adulto

A Unidade de Terapia Intensiva (UTI) presta atendimento a pacientes críticos que necessitam de monitorização contínua e cuidados intensivos especializados.

 

 

Construção e validação de cenário simulado para formação profissional em saúde no acolhimento à pessoas com autolesão não suicida

Trata-se de pesquisa metodológica para construção e validação de cenário simulado para formação profissional em saúde para acolhimento de pessoas com autolesão não suicida (ALNS).

 

 

Construção e validação de dois vídeos educativos para pacientes portadores de doença renal crônica em terapia substitutiva renal e pós-transplante renal

Doença renal crônica (DRC) é definida como presença de anormalidades da estrutura ou da função renal há mais de 3 meses. Há três alternativas terapêuticas: hemodiálise, diálise peritoneal e transplante renal.

 

Construindo narrativas contra-hegemônicas sobre a cidade

  Em 2011, duas imobiliárias piracicabanas anunciaram o Reserva Jequitibá, um empreendimento de luxo autodenominado bairro planejado, em área até então coberta por plantações de cana de açúcar. Este projeto propõe uma pesquisa sobre as histórias de vida e as interpretações de diferentes pessoas, envolvidas direta e indiretamente com o empreendimento. Propõe também o cruzamento das histórias de vida com a literatura acadêmico-científica da área, para desvelar aspectos e processos presentes nas histórias, relacionados com a produção dos espaços urbanos. E propõe criar com essas histórias, interpretações e explicações acadêmico-científicas, narrativas literárias, como meio para relacionar as diferentes interpretações, a prática das histórias e a reflexão das teorias, em uma forma de comunicação científica que desnaturalize e problematize as significações hegemônicas, propondo a construção de outras

 

 

CONSTRUINDO PONTES: ATENÇÃO E CUIDADO A SAÚDE BUCAL DA POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA

Populações em Situação de Rua (PSR) são grupos populacionais heterogêneos, que vivem em extrema pobreza e vulnerabilidade social. Este trabalho visa apresentar a experiência interprofissional de estudantes de odontologia junto ao Projeto Pontes, projeto de extensão universitária da FMRP/USP em parceria com a FORP/USP, Programa de Residência em Atenção Integral à Saúde, Secretaria Municipal de Saúde (SMS), e ONGs com foco na Atenção e Cuidado em Saúde da PSR.

 

 

Consulta de enfermagem na Atenção Primária à Saúde: implementação das ações de cuidado à pessoa com Diabetes Mellitus em Ribeirão Preto- SP

Estima-se que um em cada nove brasileiros têm Diabetes Mellitus (DM), bem como uma em cada três pessoas não são diagnosticados, evidenciando a vulnerabilidade desta população no desenvolvimento de complicações micro e macrovasculares.

 

 

Consumo energetico no Campus Luiz de Queiroz antes e durante a pandemia

Analise do consumo energético dos principais edifícios do campus USP “Luiz de Queiroz” (ESALQ), em momentos distintos, antes e durante a pandemia pelo Grupo de Trabalho sobre Energia, ligado ao Plano Diretor Socioambiental local.

 

 

Continuidade das Atividades de Cultura e Extensão voltadas para o Ensino de Química em tempos de Pandemia

O trabalho se iniciou com o relato dos autores sobre a participação em cursos de extensão universitária promovidos pela USP, entre 2010 e 2020, nos Encontros USP-Escola, coordenados naquele período pela professora Dra. Vera Henriques do IFUSP. Os cursos de Química relatados tiveram como ministrante a professora Dra. Sílvia Agostinho, e contaram com alunos de pós-graduação do IQUSP. Estes encontros tiveram continuidade de forma on-line em 2021, devido à pandemia. Foram inscritos dez professores em reuniões semanais de uma hora, onde os professores de ensino médio escolhiam o tema e, individualmente, discutiam com a ministrante.

 

 

Contribuição dos bolsistas PUB-PRCEU no desenvolvimento da Coleção Biológica Prof. Edmundo F. Nonato do Instituto Oceanográfico (ColBIO)

A Coleção Biológica “Prof. Edmundo F. Nonato” do IOUSP (ColBIO), inaugurada em 2012, mantém uma das maiores coleções de organismos marinhos do ambiente pelágico e bentônico do litoral brasileiro, além de amostras da região antártica. As atividades desenvolvidas pelos bolsistas PUB-PRCEU na execução de projetos relacionados à coleção possibilitaram um crescimento substancial no número de amostras organizadas, catalogadas e cadastradas para futura inserção no banco de dados e disponibilização on line.

 

 

Contribuições do Instituto de Biociências da Usp para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

Tendo em vista a justificada demanda de integração da Agenda 2030 ao cotidiano das universidades, bem como dos demais setores da sociedade, este projeto visou implantar uma plataforma online para a divulgação, entre diferentes públicos, de ações desenvolvidas no Instituto de Biociências da USP que dialogam com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e suas metas.

 

 

Controle reprodutivo e populacional das capivaras da Raia Olímpica do campus USP da capital

As capivaras, maiores roedores do planeta e pertencentes a nossa fauna nativa, são consideradas potenciais agentes disseminadores da Febre Maculosa Brasileira, zoonose que pode ser letal para humanos. Cientes da demanda da universidade para controle populacional das capivaras residentes na Raia Olímpica da USP

 

 

Conversando sobre ciência com a comunidade em São Carlos: uma experiência do projeto Núcleo de Comunicação Científica – Papo Ciência

Apesar da importância e relevância dos trabalhos científicos brasileiros, a desvalorização da ciência no Brasil é notada no aumento de movimentos anti-científicos e nas constantes reduções de investimentos nas universidades por parte dos governos estaduais e federal.

 

 

Cooperação para divulgação científica – Criação de um Centro de Memória Virtual

O presente trabalho teve como objetivo colaborar na criação de um Centro de Memória Digital para o Instituto de Química de São Carlos (IQSC/USP), auxiliando com a  divulgação da memória da química na Universidade de São Paulo e no Brasil.

 

 

Coprodução de conhecimento para a conservação da biodiversidade e a justiça social: conectando pesquisadores e moradores em prol da convivência humano-fauna na Mata Atlântica Paulista

O objetivo deste trabalho foi constituir espaços de diálogo entre pesquisadores envolvidos com projetos de conservação e moradores das áreas de interior e entorno do Núcleo Santa Virgínia do Parque Estadual da Serra do Mar. Para isso, foi realizada uma oficina e atividades na escola, com o intuito de acionar os saberes locais e engajar as pessoas em um processo de coprodução do conhecimento sobre a fauna, visando a solução de conflitos e a promoção da convivência humano-fauna. A oficina durou três horas e contou com cerca de 50 moradores locais. Nela, houve a apresentação dos resultados da pesquisa, a orientação sobre boas práticas de coexistência com mamíferos carnívoros e um espaço dialogado para que os moradores compartilhassem suas experiências, necessidades e propusessem soluções.

 

 

CORAL ENCANT’HUs DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA USP

O Coral Encant’HUs do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo foi formado em outubro de 2000 por iniciativa da direção administrativa do Hospital Universitário da USP com o objetivo de favorecer a integração dos servidores através de uma atividade artística, promovendo a motivação e a elevação do moral e, refletindo assim, na melhoria do ambiente de trabalho e na qualidade de vida; além de participar da vida cultural de São Paulo e região, e de abrilhantar eventos universalmente respeitados tais como Natal e outras datas cívicas.

 

 

Cozinhando em redes: o compartilhamento de habilidades culinárias através das redes sociais

O cozinhar pode ser uma ferramenta para a promoção de uma alimentação saudável. Posto isto, o Núcleo de Apoio à Cultura e Extensão (NACE) Sustentarea, tem dentro do escopo de suas ações o desenvolvimento e compartilhamento de receitas e técnicas culinárias. Com o propósito de promover uma alimentação saudável e sustentável e estimular o desenvolvimento de habilidades culinárias, as produções são compartilhadas virtualmente para a população em geral.

 

 

Cri@tividade: Animação como ferramenta para divulgação científica

O trabalho conta com a produção de um curta-metragem animado sobre etnoastronomia indígena brasileira, partindo das histórias das constelações da ema e do homem-velho, pelo ponto de vista dos tupinambás do Maranhão, mas com a narrativa pertencendo aos tupinambás contemporâneos do distrito de Olivença.

 

 

Cri@tividade: Criando pontes entre ciência e arte

Ao longo de 5 anos de atividade, o projeto Cri@tividade, por meio de bolsistas PUB e de colaboradores vem explorando e promovendo diálogos entre Ciência e Arte.

 

 

Criação e Desenvolvimento de uma Entidade Sem Fins Lucrativos no Setor da Construção Civil

Este trabalho mostra uma ação de extensão pouco usual: a criação e desenvolvimento de uma entidade voltada ao avanço da indústria.

 

 

Criando Materiais Complementares do Mergulho na Ciência USP: uma ferramenta para estimular estudantes e professores do Ensino Fundamental na busca por materiais relacionados à Ciência

O projeto de extensão Mergulho na Ciência USP se iniciou em 2018, a princípio com o nome de Meninas na Ciência, com o objetivo de incentivar meninas do Ensino Fundamental (5° ao 9° ano), mostrar exemplos de mulheres cientistas brasileiras e incentivar a inserção de meninas nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática.

 

 

Cuidado à população em situação de rua no contexto do enfrentamento da pandemia da covid-19

Fundamentado na política nacional para a população em situação de rua (PSR), o Projeto Pontes envolveu alunos de graduação, pós-graduação e docentes da USP RP, no desenvolvimento de ações interprofissionais de acolhimento, educação em saúde, e prevenção durante a pandemia da COVID-19 em Ribeirão Preto, no período de 2020 e 2021. Em 2020, foram realizadas reuniões de planejamento e elaboração de estratégias a serem aplicadas junto a PSR.

 

 

Cultura e extensão como um dos pilares da universidade: Projeto Livro, Leitor e Leitura

Introduz reflexão sobre a importância das atividades de extensão como um dos pilares da Universidade, tendo como objetivo apresentar os benefícios da leitura e a importância do livro para o desenvolvimento da sociedade, objetivando a implantação do Projeto Livro, Leitor e Leitura (PL3) no Departamento de Informação e Cultura (CBD) da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo. Busca-se o envolvimento de alunos, professores, bibliotecários e a comunidade externa para uma troca de experiências efetiva através da cultura e extensão universitária.

 

 

Cultura Plano e Ação: formulação de políticas culturais nos municípios

O artigo apresenta a realização do curso “Cultura: Plano e Ação”, modalidade lato sensu, realizado no período de março de 2018 até março de 2020. O objetivo do curso foi fornecer o instrumental teórico-prático para os dirigentes de Cultura ou candidatos a postos de lideranças em instituições culturais. Como trabalho de conclusão, foi proposta a elaboração individual de um Plano de Cultura para um município real, a partir das conceituações estudadas durante as aulas e das ferramentas de gestão necessárias para a implantação do Plano.

 

 

Curricularização da extensão e a Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP-USP)

A Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP-USP) é um dos programas de extensão da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) da Universidade de São Paulo, ligada hoje ao agrupamento denominado de USP COMUNIDADES, e foi a quarta incubadora econômico-social a ser instituída no Brasil, direcionada à formação de cooperativas populares sob os princípios da Economia Solidária, através do trabalho de extensionistas universitários.

 

 

Cursinho Popular Arcadas

O Cursinho Popular Arcadas (CPA) é uma extensão que visa promover a democratização no acesso ao ensino superior ao providenciar um cursinho pré-vestibular popular na Faculdade de Direito da USP.

 

 

Cursinho Popular Ruth de Souza

O projeto Cursinho Popular Ruth de Souza é exclusivamente formado por alunos da graduação do curso de Artes Cênicas da USP e visa fornecer maiores chances de ingresso na universidade pública para vestibulandos em situação de vulnerabilidade social, ao fornecer um espaço de aprendizado e troca com aqueles que já estão na graduação.

 

 

Curso de Direitos Humanos para Secundaristas

O Curso de Direitos Humanos para Secundaristas, atividade de extensão realizada pelo PET-Direitos junto a escolas públicas de Ribeirão Preto/SP, visa construir coletivamente com secundaristas uma concepção crítica de direitos humanos e de seu uso como ferramenta para transformação social, com uso de metodologias ativas e do conceito de educação popular de Paulo Freire.

 

 

Curso de Educadores e Educadoras Populares Agroecológicos

O grupo Motyrõ, integrado com o laboratório de Educação e Política Ambiental – Oca, da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, atua com a construção de processos técnicos e educativos de extensão e articulação.

 

 

Curso de Extensão de Tecnologia do Vácuo na Indústria

A tecnologia do vácuo é amplamente utilizada em inúmeras áreas da ciência e da indústria. Neste trabalho é apresentado o curso de extensão sobre Tecnologia do Vácuo na Indústria.

 

 

Curso de Férias em Ciências Biomédicas

O Curso de Férias em Ciências Biomédicas (CFCB) foi desenvolvido por estudantes da graduação do curso de Ciências Biomédicas (CB), da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP-USP), com o objetivo de promover conhecimento e a imersão de alunos do Ensino Médio da rede pública no ambiente Universitário.

 

 

Curso Sobre Uso Racional de Medicamentos Oferecido na Modalida-De a Distância (Ead)

Congressista: Moacyr Luiz Aizenstein Unidade USP: Instituto de Ciências Biomédicas   Título: CURSO SOBRE USO RACIONAL DE MEDICAMENTOS OFERECIDO NA MODALIDA-DE A DISTÂNCIA (EaD) Coordenador: Moacyr Luiz Aizenstein | Vice-coordenador: …

 

 

Cursos online de graduação e complementação da educação científica

Transmitir conteúdos didáticos por TV/internet amplia a experiência dos cursos não-presenciais. A adaptação letiva para aulas online na pandemia de SARS-CoV2 obrigou instituições de ensino a adaptarem-se ao modelo.

 

 

Da academia à sociedade: o exitoso uso das mídias digitais como ferramentas de extroversão

O presente projeto PUB de Cultura & Extensão foi desenvolvido ao longo de doze meses e se desdobrou em um novo projeto, “Da academia à sociedade: as mídias digitais como ferramentas de divulgação científica”, atualmente em desenvolvimento.

 

 

DA ADMISSÃO À ALTA: ACOLHENDO A FAMÍLIA EM TEMPOS DE COVID-19

Esse projeto teve como objetivo geral construir e aplicar abordagens criativas que promovam o acolhimento de familiares e amigos de pacientes com alta hospitalar da Síndrome da Angústia Respiratória Grave pelo Novo Coronavírus (COVID-19).

 

 

Dados Abertos e Cidades Inteligentes: modelagem preditiva para identificação de risco de crimes e zeladoria municipal Motivação e objetivos

O projeto buscou, a partir de dados abertos obtidos nos boletins de ocorrência da Secretaria de Segurança Pública, construir um modelo estatístico de previsão de crimes para os municípios do estado de São Paulo, para um horizonte de 10 anos. O modelo preditivo construído foi transformado em um dashboard, com funções que permitem ao usuário selecionar opções em menus disponíveis e obter as previsões de diferentes crimes para todos os municípios do estado.

 

 

DataDesign – Informações para gestão da Graduação do curso de Design

O DataDesign tem como foco central o planejamento de pesquisas sobre os alunos de graduação do curso de Design e será uma ferramenta estratégica para planejamento, execução e divulgação dos resultados sobre o perfil do aluno de Design e a qualidade do ensino e do atendimento ao aluno da FAU.

 

 

DataFEA

O projeto DataFEA teve como principal objetivo organizar o processo de coleta de dados sobre os alunos de graduação, proporcionando aos Coordenadores de Curso da FEA uma perspectiva mais aprofundada sobre quem são os alunos e suas necessidades. Além disso, este trabalho também atua para trazer informações sobre as necessidades de permanência dos alunos de graduação.

 

 

Desafio do Conhecimento da Escola de Engenharia de Lorena: Uma Experiência de Participação de Escolas Brasileiras em uma Competição de Ciências

Nos últimos anos, a Escola de Engenharia de Lorena tem promovido atividades de extensão direcionadas a alunos de escolas públicas e privadas de ensino básico. As atividades englobam competições de cunho científico e cultural, nas quais se destaca o Desafio do Conhecimento – disputa de cunho científico-cultural em que alunos de todo o país são convidados a pesquisar informações e a responder enigmas sobre temas de ciência e história das ciências.

 

 

Desafios da transposição do conhecimento de visitas monitoradas ao Museu – Luiz de Queiroz – para atividades virtuais

Resumo:  O Museu “Luiz de Queiroz” detém um grande fluxo de visitantes. Contudo, a pandemia ocasionada pela COVID-19 exigiu mudanças no planejamento e execução das visitas monitoradas. Com isso, foi feito um mapeamento de demandas sobre o campus e o Museu da ESALQ, criando uma relação de temas para divulgação científica online de conteúdo, através de publicações na página oficial do Instagram do Museu, que, atualmente, conta com mais de 240 publicações e 1.350 seguidores.

 

 

Desenho artístico de observação como ferramenta universal: contribuições para a democratização do ensino

Trata-se de um projeto com várias atividades intra e extramuros que promovem a interação entre várias áreas do conhecimento e, devido às múltiplas atividades que envolve, proporcionam a interdisciplinaridade e a transdisciplinaridade dentro do processo de construção de conhecimento.

 

 

Desenvolvendo ações para promoção de lazer e participação social junto à pessoa com deficiência visual

Esse projeto objetiva desenvolver ações junto a pessoas com deficiência visual, ampliando-se o envolvimento em atividades de lazer e de participação social articuladas com setores referentes à temática.

 

 

DESENVOLVIMENTO DA NOVA BIBLIOTECA DIGITAL DA BBM/PRCEU/USP: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo:  A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), inaugurada em 2013, é um órgão da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo. Como entidade acadêmica, configura-se como um centro interdisciplinar de informação e documentação, pesquisa e difusão científica e de memória histórico-cultural. Tem como finalidade preservar e proporcionar irrestrito acesso ao seu significativo acervo bibliográfico e documental para pesquisadores, alunos e ao público em geral.

 

 

Desenvolvimento de estratégia de comunicação e ensino da Clínica Ampliada de Promoção de Saúde utilizando o Instagram

Introdução: A disciplina de clínica ampliada de promoção de saúde (CAPS), propõe aproximar os estudantes da realidade da população, com atividades teóricas e práticas, interrompidas em virtude da pandemia. Objetivo: Desenvolver uma estratégia de comunicação e ensino na disciplina de CAPS utilizando Instagram, em face da pandemia da COVID-19 e da necessidade de ensino remoto.

 

 

DESENVOLVIMENTO DE MATERIAL DE DIVULGAÇÃO SOBRE CARACTERÍSTICAS DE CRIANÇAS COM AUTISMO E CUIDADOS PARA FACILITAR SUA INCLUSÃO SOCIAL

Este projeto teve por objetivo desenvolver material educativo para a promoção de direitos humanos e inserção de pessoas com TEA (Transtorno do Espectro Autista), com o objetivo de diminuir a exclusão social, evitando situações preconceituosas advindas do desconhecimento sobre a condição de pessoas que se enquadram neste perfil.

 

 

Desenvolvimento de Normas sobre BIM na ABNT

Este trabalho relata uma ação de extensão universitária ligada ao desenvolvimento de Normas Técnicas sobre a Modelagem da Informação da Construção (BIM) junto à ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas.

 

 

Desenvolvimento de um purificador de ar open source com uso do filtro HEPA e radiação ultravioleta-C no contexto da COVID-19

O cenário da COVID-19 inviabilizou diversas atividades realizadas na sociedade. Em alguns locais como laboratórios, toilettes e consultórios odontológicos foram projetados sem janelas, tornando-os impróprios para permanência de indivíduos por um longo período de tempo.

 

 

DESENVOLVIMENTO DO ARQUIVO DIGITAL DA BBM/PRCEU/USP: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo:  A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM/PRCEU/USP) surgiu graças a doação da coleção brasiliana à Universidade de São Paulo, que foi compilada por José Mindlin durante sua vida. Reune um significativo acervo bibliográfico que busca representar a memória histórica e cultural do Brasil. Além do acervo bibliográfico, a BBM também é composta por uma série de conjuntos documentais, também doados à USP. Segundo seu regimento,

 

 

DESENVOLVIMENTO DO PORTAL DE DICIONÁRIOS DA BBM/PRCEU/USP: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo:  A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), na sua finalidade de preservar e proporcionar irrestrito acesso aos seus significativos acervos bibliográficos e documental para pesquisadores, alunos e ao público em geral, busca proporcionar novos modos de acesso através de ferramentas mais intuitivas de pesquisa.

 

 

DESENVOLVIMENTO DO PORTAL DE PESQUISA INTEGRADA DA BBM/PRCEU/USP: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo:  A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), na sua finalidade de preservar e proporcionar irrestrito acesso aos seus significativos acervos bibliográficos e documental para pesquisadores, alunos e ao público em geral, busca proporcionar novos modos de acesso através de ferramentas mais intuitivas de pesquisa. O estabelecimento de metadados comuns, pode proporcionar links entre os acervos bibliográfico e documental, enriquecendo os resultados de busca e possibilitando novos insights aos usuários.

 

 

Desenvolvimento profissional de educadores sociais dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – Ano 4

Este trabalho refere-se à projeto guarda-chuva (PUB/Aprender na Comunidade/ODS). Nasceu em 2017 no curso de Terapia Ocupacional (FMRP) e se expandiu (profissões e unidades). Esta etapa refere-se à capacitação e desenvolvimento profissional de educadores sociais dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. Os SCFV atendem crianças e adolescentes que se desenvolvem em comunidades pouco assistidas e enfrentam desafios na aquisição de habilidades para conviver, cooperar e realizar atividades cotidianas (escola, família comunidade).

 

 

Design da visualização das informações de governança dos indicadores do ODS3

A etapa de territorialização da Agenda 2030 envolve a definição dos indicadores que expressam cada uma das metas globais dos ODS. No entanto, essa definição não acontece de forma homogênea no território e no tempo. Ao identificarmos a carência de um instrumento de governança do processo de definição dos indicadores, propusemos um conjunto de 6 estágios – da total indefinição de indicadores até a existência de fórmulas de cálculo pactuadas, com dados atualizados.

 

 

Desigualdade de gênero: um imperativo no tênis de mesa brasileiro de alto rendimento

Esta pesquisa teve o objetivo de avaliar a percepção dos e das atletas a respeito da desigualdade de gênero no tênis de mesa brasileiro de alto rendimento. Para o seu desenvolvimento, questionários fechados foram aplicados a uma amostra de 38 atletas selecionados com base no Rating Nacional de 2020, categoria de pontuação elevada da CBTM (Confederação Brasileira de Tênis de Mesa). Em todas as temáticas analisadas, desde as oportunidades profissionais até as impressões durante competições e treinamentos, constatou-se que as mulheres estão em desvantagem, lidando com mais empecilhos do que os homens. O fato de o gênero ser um marcador social capaz de prejudicar carreiras esportivas no tênis de mesa traz à tona a necessidade de novas pesquisas que explorem caminhos semelhantes, sobretudo em outras modalidades de alto rendimento ainda pouco estudadas na literatura consultada.

 

 

Desvendando Novos Olhares: Encontros virtuais para ampliação de espaços  de participação social da pessoa com deficiência visual

A atividade de extensão “Desvendando Novos Olhares: Encontros virtuais para ampliação de espaços de participação social da pessoa com deficiência visual” tem o objetivo de disseminar conhecimentos sobre  demandas,

 

 

Diagnóstico da Coleta Seletiva nas Escolas de Ribeirão Preto

Este trabalho conta o desenvolvimento de uma das frentes de atuação do projeto aprovado pelo Edital Aprender na Comunidade 2021: A identificação do perfil de coleta seletiva nas escolas de Ribeirão Preto.

 

 

Diário ECO Kids: Educação para o Combate a Obesidade Infantil

No intuito de contribuir com a sociedade no combate à obesidade infantil propomos este projeto que visa: desenvolver material educativo e disseminar informações sobre a obesidade infantil, suas consequências e como preveni-la e/ou tratá-la

 

 

Difundindo conhecimento interdisciplinar durante a pandemia de COVID-19:  I Grupo de Estudos “Fundamentos em Neurociências e Comportamento” da LANeCom

Apresentamos a experiência pedagógica do 1º Curso de Difusão “Grupo de Estudos Fundamentos em Neurociências e Comportamento” da Liga Acadêmica de Neurociências e Comportamento (LANeCom). O curso que durou 18 semanas teve como objetivo discutir as bases do conhecimento neurocientífico e sua difusão para a sociedade civil.

 

 

Difusão de Informações sobre Medicamentos pelas Ondas do Rádio: uma proposta de Educação em Saúde – Pílula Farmacêutica

Este projeto de extensão é responsável pelo programa de rádio/podcast “Pílula Farmacêutica”, desde 2013. Tal proposta se justifica pela oportunidade de proporcionar aos futuros farmacêuticos o desenvolvimento de habilidades como educadores em saúde, em reconhecimento ao conceito ampliado de saúde proposto pela Organização Mundial da Saúde, que está diretamente relacionado à construção de políticas que visem à promoção e a educação em saúde.

 

 

Difusão e Popularização da Ciência por meio de Clubes de Ciências, Feiras de Ciências e Inclusão Digital nas escolas

O CEPOF é um CEPID/Fapesp sediado na USP. Atua na área de Difusão Científica com as seguintes ações: (1) Clubes e Feiras de Ciências (2) confecção de kits educativos; (3) atividades nas escolas: “Planetário”, “Inclusão Digital e “A Usp na escola”; (4) ônibus-laboratório, (5) Canal de TV-24 horas no ar, etc. Esta proposta teve por objetivo criar e acompanhar centenas de Clubes de Ciências nas escolas de 7 municípios, além de minicursos e da organização de Feiras de Ciências de nível regional. Os professores e estudantes dos Clubes receberam múltiplas capacitações sobre o ambiente computacional e sobre programação básica em TI.

 

 

Disque Robótica

O Disque Robótica é um projeto desenvolvido pelo Grupo SEMEAR – extracurricular da EESC com mais de 100 alunos de graduação que busca oferecer palestras online gratuitas sobre engenharia e robótica na USP para turmas de ensino médio de todo o país.

 

 

Disseminação do conhecimento sobre medicamentos proibidos por doping prescritos na Odontologia

A Odontologia pode ter relação direta com a prevenção do doping, visto que, aos atletas submetidos a eventuais intervenções odontológicas faz-se necessária a prescrição medicamentosa. Assim, o objetivo do presente estudo foi avaliar a relação de medicamentos prescritos rotineiramente na Odontologia e divulgar quais medicamentos podem acusar doping.

 

 

Disseminação do conhecimento sobre saúde e proteção bucal de atletas da USP utilizando as mídias sociais

Introdução: A Odontologia do Esporte trouxe à FOUSP a necessidade da criação de uma nova disciplina integrante de seu currículo. Pode-se alcançar os atletas da comunidade USP utilizando as mídias sociais mostrando a importância da saúde bucal e proteção maxilofacial. Objetivos: Desenvolver material educativo entre a ampla comunidade de atletas da Universidade sobre saúde bucal e proteção maxilofacial e sua interferência no desempenho esportivo utilizando as mídias sociais. Materiais e Métodos: Por meio da mídia social Instagram, foi criado um perfil público @lapoebi.fousp.

 

 

Diversidade e Mídias Sociais Digitais

O Projeto é uma iniciativa do Programa USP Diversidade, para promover a consolidação e fortalecimento do respeito à inclusão, diversidade e pluralidade em todas Unidades e Órgãos da USP, com extensão para a sociedade.

 

 

Diversidade na cadeia de produção de queijos artesanais do Estado de São Paulo

Resumo:  A região sudeste do Brasil é a maior produtora de queijos artesanais, onde São Paulo tem se destacado. Apesar disso, pouco se sabe sobre a cadeia de produção paulista. Portanto, o objetivo deste trabalho é caracterizar a produção de queijos artesanais em São Paulo. Para tal, foi aplicado questionário online, abordando temas sobre a queijaria e sua produção. Os dados foram analisados por estatística descritiva. Obtivemos 34 respostas, com maioria dos participantes do sexo masculino, idade entre 26-55 anos, queijeiros há 1-3 anos e impacto de 25% da venda de queijos na renda

 

 

Diversidade na Divulgação Científica com os Mamutes na Ciência

As redes sociais são fortes disseminadoras de informação, que podem ser muito bem utilizadas para a democratização do acesso à informação e divulgação científica. A cada ano, a comunicação científica se ramifica mais através das diferentes redes sociais na internet, estreitando laços entre a Comunidade e a Universidade, devido a sua rápida disseminação.

 

 

Diversidade, direitos, convivência e cultura: construção compartilhada de práticas comunitárias e territoriais inclusivas

Projeto proposto por professoras da FMUSP, FMRP e IPUSP do Programa de Mestrado Profissional Terapia Ocupacional e Processos de Inclusão Social da USP.

 

 

Divulgação Científica em Física Médica através das mídias sociais

É inegável a importância do papel da divulgação científica na sociedade, como se pode notar a partir de diversos impactos positivos no seu desenvolvimento. Observando que conteúdos de ciência e tecnologia têm sido cada vez mais consumidos através da internet e redes sociais, é essencial que a difusão de conhecimento científico se adapte gradualmente a tais meios.

 

 

Divulgação Científica em Química e Bioquímica: Série de palestras “Química É Vida”

A série de palestras Química É Vida foi criada para disseminar a produção científica e didática realizada no Instituto de Química da USP (IQ-USP), nas áreas de Química e Bio-química.

 

 

DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA INCLUSIVA

É de conhecimento geral que a sustentabilidade vem sendo bastante discutida nos últimos anos. Com tantos problemas ambientais, o ensino sustentável é uma possível solução para um mundo melhor.

 

 

Divulgação científica para o combate do coronavírus: por uma química segura e confiável dos agentes de desinfecção e limpeza

Devido a pandemia do novo coronavírus, causador da COVID-19, houve crescimento nos casos de intoxicações e acidentes causados pela desinformação e uso incorreto dos produtos de desinfecção.

 

 

Divulgação Científica sobre Leptospirose

A leptospirose é uma zoonose típica de regiões tropicais. No Brasil, a doença é um importante problema de saúde pública, principalmente nas zonas urbanas, onde a letalidade pode chegar a até 9%. Neste contexto, percebeu-se a necessidade de estabelecer um canal de comunicação direta entre a comunidade científica e a população leiga, para melhor informar os cidadãos sobre esta doença, seus métodos de transmissão, de prevenção, tratamento e etc. Assim, o objetivo deste projeto foi investigar diferentes meios para promover essa aproximação e, desta forma, possibilitar a divulgação destes dados, em uma linguagem precisa e acessível.

 

 

Divulgação Científica Utilizando Podcasts: Minuto da Química

O Minuto da Química é o podcast do grupo ACS USP Student Chapter, direcionado à divulgação científica voltada à química. Desde sua criação, foram escritos 65 episódios, os quais são divulgados na rádio UFSCar e, recentemente, em plataformas abertas.

 

 

DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA: UMA PARCERIA ENTRE A EMPRESA JÚNIOR “PROTOS’’ E O NAP DE EXPRESSÃO DAS EMOÇÕES EM HOMENS E ANIMAIS

As redes sociais indiscutivelmente aumentaram a rapidez e o alcance de informações, sendo assim, utilizá-las como ferramenta para a divulgação da ciência pode ser extremamente benéfico para a valorização e popularização da ciência, tornando-a mais acessível e palpável.

 

 

Divulgação de experiências do projeto de extensão @cafe_com_pesquisa no Instagram (café com pesquisa)

O “Café com Pesquisa” surgiu em julho de 2020, tornando-se um Projeto de Extensão vinculado à Faculdade de Direito de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo. O projeto visa incorporar a acessibilidade, a flexibilidade e a abrangência do compartilhamento que as tecnologias digitais oferecem para abordar temas relativos à pesquisa e à metodologia científica nas ciências sociais.

 

 

Divulgação do acervo digital de amostras de plantas secas do Herbário SPF

O acervo do Herbário SPF é o segundo maior do estado de São Paulo e o sétimo do Brasil, com mais de 250.000 exsicatas. Constitui a base de grande parte das pesquisas realizadas no Departamento de Botânica do IB-USP e tem sido regularmente estudada por especialistas brasileiros e estrangeiros, constituindo uma das coleções mais atualizadas do país.

 

 

Do Âmbito Institucional para o Social – Atividades Inovadoras de Articulação Extensionista em Piracicaba/Sp

Visando fomentar a prática da extensão universitária e cumprir com a responsabilidade pública da Universidade, o Grupo de Articulação Extensionista “Marechal Rondon” (GAER), da instituição de ensino Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, campus USP, realizou projetos sociais no município de Piracicaba – SP, aproximando o jovem universitário da realidade brasileira e promovendo a integração entre a Universidade e a sociedade.

 

 

Do cabimento do mandado de segurança como instrumento processual de defesa do terceiro prejudicado: uma análise à luz da jurisprudência brasileira

Esta pesquisa examina a utilização do mandado de segurança como instrumento processual de defesa dos terceiros prejudicados em face da eficácia reflexa da decisão judicial e da coisa julgada alheia por meio da análise da jurisprudência brasileira existente a respeito desse tema, almejando-se compreender, de forma específica, as posturas assumidas pelo Superior Tribunal de Justiça, pelos Tribunais de Justiça e pelos Tribunais Regionais Federais sobre o cabimento da impetração do mandamus por aqueles sujeitos.

 

 

Do Museu à comunidade: divulgando as Geociências através do inventário do acervo

Possuindo um acervo de mais de 10 mil exemplares, o Museu de Geociências possui um dos acervos geológicos mais importantes do país. Suas amostras, além de estarem em exposição, são material de estudo para alunos e pesquisadores da USP, agindo, portanto, como ponte entre os pilares Ensino, Pesquisa e Extensão. Contudo, até pouco tempo atrás, o Museu carecia de uma documentação padronizada que possibilitasse a organização e controle de seu patrimônio. Visto isso, o projeto de formulação de um inventário foi iniciado em 2016, contando com o apoio da PRCEU. Atualmente, mais de 8 mil amostras foram inventariadas, e foi dado início ao processo de digitalização das informações para que, no futuro, esses dados sejam virtualmente disponibilizados ao público. Até o presente momento, observou-se que o Museu  age como uma importante ponte entre os pilares Ensino, Pesquisa e Extensão, sendo o inventário do acervo um mecanismo que possibilita esse processo.

 

 

Do Web-Dev à Escola Digital 4.0 – Integrando Áreas para Resolver Problemas Sociais

O WebDev é um bootcamp (programa de ensino imersivo) de programação, criado em 2015, que vi-sa à elaboração de um ambiente para o estudo, crítica e proposta de tecnologias web em grupo, promoven-do a criação de aplicações para a internet e dispositivos móveis.

 

 

E-book – Covid-19: Educação para Saúde

Nas últimas décadas a Educação à Distância (EaD) tem se mostrado uma ferramenta importante para atender as necessidades da sociedade da informação e do conhecimento. O objetivo desse trabalho foi explorar as potencialidades do meio digital no projeto de desenvolvimento de um livro digital com conteúdos interativos, atuais, com base em evidências científicas, em alinha-mento às ações de enfrentamento à pandemia da USP, para prevenção da covid-19. Seu potencial é de difusão do conhecimento, para ser utilizado como mais um produto de tecnologia para ação de inclusão e responsabilidade social da Universidade de São Paulo no enfrentamento da pandemia de covid-19.

 

 

E-book colaborativo “Revisão sistemática da ideia à submissão”:  Uma iniciativa de ajuda mútua entre alunos que surgiu em um curso de difusão

Este trabalho visa relatar a experiência de construir um ebook interativo de forma totalmente remota e colaborativa, que surgiu por conta da necessidade dos pós-graduandos de um curso de cultura e extensão em dividir conhecimentos sobre revisão sistemática.

 

 

Eco Makerspace – Resultados de uma parceria USP e Prefeitura Municipal de Lorena

Em 2019 foi estabelecido o convênio de cooperação entre a EEL/USP e a Prefeitura Municipal de Lorena, na gestão de um espaço público para o ensino, pesquisa e extensão, utilizado por professores, alunos e comunidade local.

 

 

Economia Solidária e empoderamento feminino: ferramentas para a inclusão produtiva de mulheres e fomento à agroecologia no Butantã

O presente trabalho busca relatar as atividades desenvolvidas pelo projeto de extensão universitária da Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares da USP (ITCP/USP) com a Feira Agroecológica e Cultural de Mulheres do Butantã durante o período da pandemia.

 

 

Ecopontos em Ribeirão Preto: Iniciação da Educação Ambiental e Canal de Coleta Seletiva

Este trabalho discorre acerca do funcionamento e da efetividade dos pontos de entrega voluntários, os chamados localmente de ecopontos, na cidade de Ribeirão Preto, onde tal estratégia é fomentada pela administração com o intuito do aumento da coleta seletiva e o melhoramento da gestão de resíduos.

 

 

Edição de conteúdos sobre audiologia na Wikipédia para difusão de conhecimento

Introdução: a consulta de informações na Wikipédia é expressiva e seus dados são acessados por milhões de usuários, inclusive nas áreas de ciência e saúde, por toda população.

 

 

Edital TUSP Dramaturgias em Processo

O Edital TUSP Dramaturgias em Processo foi concebido ainda no primeiro semestre de 2020, fase aguda da pandemia de Sars-Cov2, como uma ação remota possível de ser desenvolvida pelo TUSP – Teatro da USP naquele momento. Tendo em vista que a classe artística foi uma das mais impactadas na pandemia, um Edital que premiasse trabalhos desenvolvidos sem a necessidade de processos presenciais também criou outra camada adicional de relevância à ação.

 

 

Educação ambiental com Programa Município VerdeAzul

O Programa Município Verde-Azul é uma iniciativa do governo do estado de São Paulo para avaliar e melhorar a eficiência da gestão ambiental das cidades que fazem parte do Programa.

 

 

Educação Ambiental e Resíduos: Fortalecendo Ações Escola&Comunidade

O presente trabalho refere-se ao Projeto “Vivências em Educação Ambiental e Resíduos Sólidos”, que desenvolveu em 2021 ações educativas e cursos voltados à formação de professores, lideranças comunitárias e demais interessados, abordando temáticas de educação ambiental, resíduos sólidos e práticas ambientais que podem ser desenvolvidas visando a melhoria da qualidade de vida das comunidades e melhoria da relação com o ambiente.

 

 

Educação Ambiental virtual para crianças de 3 a 4 anos de idade

O presente trabalho visa o desenvolvimento da educação ambiental na educação infantil na faixa etária de 3 a 4 anos, do Centro de Convivência Infantil “Ermelinda Ottoni de Souza Queiroz” (CCIn), vinculado à Divisão de Atendimento do Campus “Luiz de Queiroz”, da Prefeitura USP, na cidade de Piracicaba, no ambiente virtual em razão da crescente expansão do vírus SARS-CoV-2, que tornou necessário o isolamento social.

 

 

Educação para Geoconservação e Políticas Públicas de Preservação do Patrimônio Geológico no Parque Estadual da Serra do Mar

O artigo relata o projeto de formação em Geoconservação, que teve o objetivo de promover práticas pedagógicas crítico-reflexivas voltadas aos professores da educação básica da rede municipal de Caraguatatuba, com temas relacionados à realidade local. Por meio da cultura geocientífica, foi desenvolvida a participação social na elaboração de propostas pedagógicas que fomentem a preservação dos recursos naturais e dos serviços ecossistêmicos, além da produção de material didático.

 

 

Educação para sustentabilidade: diálogos interdisciplinares

A proposta envolveu a formação continuada de professores na perspectiva da Agenda 2030 proposta pela ONU. O foco principal foi o ODS 4 (Educação de qualidade) ressaltando a necessidade de maior aproximação entre a universidade e a comunidade envolvendo várias instâncias e diferentes atores em processos formativos participativos. As atividades foram construídas com base nos Indicadores de Interdisciplinaridade e envolvem ambientes pedagógicos interdisciplinares a partir da descrição dos procedimentos adotados ao longo do processo formativo.

 

 

Educação popular digital em tempos de pandemia: a experiência do Programa USP Aproxima-Ação

O Projeto “Educação Popular em Tempos de Pandemia”, contemplado pelo Edital 01/2020 “Fomento Às Iniciativas de Cultura e Extensão Ligadas Aos ODS-ONU” da PRCEU, é fruto da transformação da atuação do Programa USP Aproxima-Ação ao trabalho remoto. O Projeto resultou em um curso de difusão gratuito para educadores populares, disponibilizado pelo Sistema Apolo USP com inscrições abertas à comunidade externa.

 

 

Educomunicação como Tecnologia Social Inovadora a serviço da sociedade – Núcleo de Comunicação e Educação da USP

Este trabalho apresenta ações em 2020 realizadas pelo Núcleo de Comunicação e Educação (NCE USP) que existe há 25 anos e vem oferecendo à sociedade muitas oportunidades de conhecer e aplicar os princípios e práticas da educomunicação, novo paradigma na compreensão sobre a interface entre comunicação e educação. Nestes anos, o NCE tem mantido projetos de intervenção bastante importantes e em diversas áreas da sociedade.

 

 

ELABORAÇÃO DE UM LIVRO INFANTIL PARA CONVERSAR SOBRE ANEMIA FALCIFORME

Anemia Falciforme (AF) é uma doença hematológica, genética e crônica que necessita de atendimento ambulatorial constante e que impõem limitações aos pacientes. O objetivo deste trabalho foi elaborar um livro visando auxiliar a criança com AF.

 

 

Em Preto e Branco: recitais de piano e palestras acerca dos cursos oferecidos pelo CMU/ECA/USP em escolas de formação musical do Estado de São Paulo

Este trabalho oferece um relato sobre o projeto de extensão Em Preto e Branco: recitais e palestras acerca dos cursos oferecidos pelo CMU/ECA/USP em escolas de formação musical.

 

 

Empreendedorismo de Impacto Social a partir das Indústrias Culturais e Criativas (EISICC)

O projeto EISICC surge do interesse em promover a aproximação dos alunos dos programas de Pós-Graduação Interunidades em Estética e História da Arte (PGEHA) e Mestrado Profissional em Empreendedorismo (MPE-FEA) da realidade empreendedora das periferias do município de São Paulo.

 

 

Empreendedorismo feminino em comunidades vulneráveis   de   Ribeirão   Preto/SP:   ações   para   empoderamento   e   sustentabilidade

A inserção das mulheres no mercado de trabalho, com atividades de cuidado do lar e filhos, acarreta dupla ou tripla jornada, gerando sobrecarga e exaustão às mulheres.

 

 

Encontro de Gêmeos na USP: 5 anos de integração com a comunidade

Painel USP de Gêmeos é um grupo coordenado pela Profa. Emma Otta com o objetivo de construir conhecimento acerca do universo gemelar. Para que esse conhecimento não seja restrito à comunidade acadêmica, o Painel anualmente realiza os Encontros de Gêmeos na USP.

 

 

Encontros para Brincar: Compartilhamento de brincadeiras e práticas culturais na Casa de Culturas Indígenas da USP

A Rede de Atenção à Pessoa Indígena (Rede Indígena) e o Laboratório de Etologia, Desenvolvimento e Interação Social (LEDIS) do IPUSP, desenvolveram este projeto cujas atividades tiveram como objetivo atuar no aumento da visibilidade dos povos indígenas de forma a valorizar e reconhecer a singularidade e a identidade destes povos como sujeitos de direito.

 

 

Engajamento de alunos(as) de graduação no processo de divulgação das Ciências Marinhas e Educação Ambiental por meio de rede social virtual do CEBIMar/USPx’x’

Este trabalho relata o envolvimento de alunos(as) de graduação voluntários(as) e bolsistas PUB na divulgação das Ciências Marinhas por meio da página do CEBIMar na rede social Instagram. Em um ano foram realizadas 48 publicações sobre organismos marinhos, poluição dos mares, áreas marinhas protegidas e aspectos oceanográficos, o que contribuiu para o aumento no número de seguidores(as), interações e compartilhamentos de conteúdo. Uma análise sobre a origem, faixa etária e gênero do público gerou dados que podem orientar estratégias inclusivas futuras.

 

 

Ensino de Ciência Inclusiva: Ceiq Vai às Escolas

O presente trabalho trata sobre um estudo de caso realizado em parceria com uma escola da rede pública de Ribeirão Preto. Através de um levantamento de alunos com deficiência que frequentavam a escola, foram realizadas reuniões via Google Meet para planejar com os professores práticas inclusivas para a realização da aula online.

 

 

Ensino de Geografia e Design: Uma Proposta de Inovação Educacional

A partir da experiência de oferecimento das disciplinas de Metodologia do Ensino de Geografia na FEUSP, temos observado o quão significativa tem sido as formas de abordagens de conteúdos na formação inicial docente em Geografia.

 

 

Ensino de Literatura por meio do Teatro Popular

O projeto promove cultura em áreas periféricas aliando o ensino e a arte em um só movimento como alternativa à realidade local, contribuindo com a formação de sujeitos em prol do exercício da cidadania, tendo um caráter protetivo aos jovens em parceria com o Cursinho Popular Paiva.

 

 

Ensino Experimental com Kits Educacionais “Formação para o Ensino Pré-Universitário e Professores”

Como a Ciência é baseada em observação da natureza, a realização da experimentação torna-se elemento fundamental do aprendizado. Ocorre que cada vez menos os estudantes do nível médio, ou mesmo universitário, aprendem ou tem oportunidades de fazerem experimentação. Um pouco disto é a falta de infraestrutura, mas muito é devido ao fato que os professores formados em licenciatura têm cada vez menos tempo para formação experimental.

 

 

Ensino por meio de jogos no projeto “Escolinha Multiesportes”: proposta de plano de aula a partir dos princípios do Teaching Games for Understanding

O objetivo deste trabalho é apresentar possíveis diretrizes para o ensino de jogos esportivos coletivos (JEC) por meio do modelo contemporâneo de ensino denominado Teaching Games for Understanding (TGfU).

 

 

Ensino remoto no âmbito do Programa Universitário de Educação Ambiental (PUEA) na ESALQ

Resumo:  O Programa Universitário de Educação Ambiental na ESALQ (PUEA), desde 2009, vem contribuindo para a inserção da vertente ambiental na pesquisa, ensino, gestão e extensão – fato que evidencia a indissociabilidade dos mesmos.

 

 

Entomominas: um projeto de extensão promovendo o empoderamento científico feminino

Elaborado por pesquisadoras e estudantes do Departamento de Biologia da Universidade de São Paulo (USP), campus de Ribeirão Preto, o projeto de extensão universitária Entomominas parte do ensejo de estimular o empoderamento científico feminino de jovens estudantes do Ensino Fundamental de escolas públicas do município. Por meio da temática do estudo dos insetos, em cada edição é explorado um tema distinto através do Ensino de Ciências por Investigação.

 

 

Equidade Urbana em Territórios do Precário: ações sócio espaciais participativas em Paraisópolis

‘Equidade Urbana em Territórios do Precário: ações sócio espaciais participativas em Paraisópolis’ aborda questões da cidade contemporânea brasileira, mais especificamente de territórios do precário. Articulando diferentes áreas de conhecimento, objetiva potencializar a relação universidade e sociedade atuando junto a comunidades, em regime de co-criação e co-participação, de forma colaborativa na construção de questões e proposições associadas a mitigação de vulnerabilidades sócio espaciais.

 

 

Escola Avançada de Engenharia Mecatrônica (EAEM)

A Escola Avançada de Engenharia Mecatrônica (EAEM) é um projeto realizado pelo grupo PET – Automação e Sistemas da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo.
Realizada tradicionalmente no mês do julho, a EAEM existe há mais 15 anos. O projeto é voltado para alunos do último ano do Ensino Médio e Técnico ou alunos já formados que nunca ingressaram no Ensino Superior.

 

 

Escola de Física Contemporânea do Instituto de Física de São Carlos

A Escola de Física Contemporânea é uma atividade de extensão que ocorre anualmente no IFSC. O objetivo desta escola é possibilitar que alunos talentosos do Ensino Médio conheçam como é o mundo da pesquisa, entrando em contato com alguns dos principais grupos de pesquisa do país, além de compreender a importância da ciência e da tecnologia na geração de conhecimento e riquezas no país.

 

 

Escolarização de crianças de origem imigrantes: impasses e potências

O presente Projeto de Cultura e Extensão foi motivado por um pedido, endereçado ao Grupo Veredas: Psicanálise e Imigração, em meados de 2017, de que pudéssemos intervir no processo de escolarização de crianças filhas de pais andinos que, com 4-5 anos, não falavam nenhuma língua e preocupavam as equipes que com elas trabalhavam. Partimos do princípio da psicanálise implicada, que concebe, em linhas gerais, que a escuta em contextos de vulnerabilidade social implica que o pesquisador promova uma escuta atenta à complexidade histórica e social (ROSA, 2016).

 

 

Espaço Interativo de Ciências (EIC): Educação e Difusão Científica induzidas por dois CEPIDs e um INCT, com apoio da USP

O EIC foi estruturado em 2003 e atualmente é a sede das atividades de Educação e Difusão de Ciências do CIBFar (CIBFar/CEPID/FAPESP). Localizado em São Carlos, suas ações estão voltadas ao desenvolvimento de recursos didáticos, cursos para estudantes e professores do ensino básico, clubes de ciências, além do desenvolvimento de jogos, mídias e vídeos educacionais, todos relacionados aos temas objetos de estudo do CIBFar. Novos fármacos, oriundos de nossa biodiversidade, para alvos como malária, doença de chagas, leishmaniose, microrganismos patógenos, câncer, doenças causadas por zika e Chikungunya, e recentemente para o SARS-COV-2 (covid-19) são os alvos das pesquisas deste Centro.

 

 

Espaços de brincar, aprender e ensinar: uma escola Xavante

Hoje não mais se discute se os índios têm ou não que ter escola, mas sim que tipo de escola.” (Fórum Tsihorirã, GRUPIONI, 2016). Foi assim que começou o projeto de extensão “Espaços de brincar, de aprender e de ensinar: Uma Escola Xavante”, desenvolvido na FAUUSP e na Aldeia Etenhiritipá (Mato Grosso). O texto apresenta o processo de desenvolvimento do projeto – ensaios projetais e construtivos justapostos às vivências na Aldeia e experimentação de metodologias e de projetos participativos.

 

 

Espaços Maker, Aprendizagem por Problemas e Projetos e Internet das Coisas para jovens do Ensino Médio

O artigo relata o processo formativo e a implementação de espaços maker IoT (sigla em inglês para Internet das Coisas) na pandemia, com financiamento da empresa Eletrobras Furnas, com 15 docentes de cinco escolas que desenvolveram atividades de resolução de problemas e projetos para 580 estudantes.

 

 

Estação Memória: comunicação intergeracional a distância

Resumo:  Estação Memória é um dispositivo cultural voltado à produção e troca da experiência de idosos, tendo por objetivo a reinserção social das memórias, como forma de contribuir com processos de apropriação do patrimônio simbólico, na contemporaneidade.  O desenvolvimento do dispositivo contempla dois eixos, mutuamente articulados: o  sociocultural, com base na participação dos idosos em oficinas de memória semanais voltadas a dinâmicas do lembrar e narrar; o educativo-cultural, com base em encontros intergeracionais periódicos, com jovens estudantes, entre 12 e 18 anos.

 

 

Estimulação de habilidades subjacentes à alfabetização em língua portuguesa, de uma criança falante do Mandarim como primeira língua

Introdução: O bilinguismo vem se tornando cada vez maior nos tempos atuais. A aquisição de uma segunda língua durante o período de alfabetização é um assunto que gera preocupações nos pais e educadores.

 

 

Estudos de ações em cultura e extensão: análise da exposição virtual “Você e a USP – a Universidade de São Paulo sempre presente em sua vida”

Com o objetivo de apresentar ao público a importância da pesquisa científica desenvolvida na USP para o nosso cotidiano, foi planejada uma exposição no Hall Monumental da Assembleia Legislativa de São Paulo, uma vez que também se pretendia maior aproximação com essa instituição. Dividida em cinco módulos, a exposição apresenta detalhes sobre a pesquisa científica e exemplos da ciência desenvolvida na USP.

 

 

Experiência Museológica em História da Enfermagem

O presente trabalho foi desenvolvido para divulgar, organizar e preservar o Centro de Memória da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (CEMEERP-USP), que possui diversos materiais museológicos, que contam a história da instituição, assim como a história da enfermagem.

 

 

Exposição Virtual Memórias Olímpicas: compartilhando histórias, imagens e narrativas

O presente trabalho relata a experiência da Escola de Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo (EEFE-USP) na organização da Exposição Virtual Memórias Olímpicas, realizada de 23 de julho a 5 de setembro de 2021.

 

 

Extensão e formação: participação de graduandos no Projeto de Apoio Psicológico Online do Instituto de Psicologia

O Projeto de Apoio Psicológico Online, ligado ao Centro Escola do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, foi criado em 2020 com o intuito de oferecer atendimento psicológico online e pontual à comunidade USP, auxiliando na travessia das dificuldades psicológicas e disponibilizando cuidado com a saúde mental em meio à pandemia do COVID-19.

 

 

Extensão Médica Acadêmica: uma extensão multidisciplinar em saúde

A Extensão Médica Acadêmica é um projeto de extensão da Faculdade de Medicina da USP que engloba diversos cursos da área da saúde: Medicina, Nutrição, Fonoaudiologia e Fisioterapia.

 

 

FALANDO DE MORTE COM CRIANÇAS: A ELABORAÇÃO DE UM LIVRO

Falar a respeito dos processos de morte e morrer ainda suscitam angústias, especialmente quando precisamos conversar tais assuntos com crianças. Pensando nesse contexto, o objetivo deste estudo foi elaborar um material lúdico, no formato de um conto que foi estruturado a partir do referencial teórico de uma abordagem multidimensional do conceito de morte que compreende as dimensões de irreversibilidade, não-funcionalidade e universalidade.

 

 

FEBRACE – Feira Brasileira de Ciências e Engenharia – Ações de extensão para estímulo e desenvolvimento de talentos em ciências e engenharia

Neste artigo, apresentamos o programa FEBRACE (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia) e o poder da integração de ações de formação e recursos de divulgação, para estimular o desenvolvimento de projetos científicos e disseminar o talento de jovens cientistas e suas invenções e inovações como forma de divulgar a Ciência e Tecnologia e, ao mesmo tempo, servir de inspiração e provocação para jovens e professores se juntarem ao movimento como protagonistas.

 

 

Feira Agroecológica e Cultural de Mulheres no Butantã: Construindo autonomia e sustentabilidade

O trabalho foi realizado conjuntamente com a Feira Agroecológica e Cultural de Mulheres no Butantã e abrangeu a realização de formações que permitiram a construção de um regimento interno e estatuto para o coletivo. Também foi desenvolvido um estudo de viabilidade econômica que forneceu subsídeos para a continuidade e estruturação da Rede de produtoras que compõem a Feira Agroecológica e realizam mensalmente um evento mensal aberto à comunidade de comercialização e promoção das práticas da economia solidária e agroecologia.

 

 

Fibromialgia sob controle: associação entre Laser e Ultrassom Terapêuticos como recurso fisioterapêutico no controle efetivo da dor

A fibromialgia é uma doença crônica que provoca dores incapacitantes. Os tratamentos não farmacológicos e não invasivos são fisioterápicos, laser e ultrassom. A ação sinérgica desses recursos foi possível em razão de nova tecnologia desenvolvida pelo IFSC/USP.

 

 

Física no Circuito Cultural: Criações Ciênciarte para o Workshop “Revelando Universos”

Da ideação, curadoria à criação de material expositivo, este projeto propõe um diálogo entre Ciência e Arte com a exploração das fronteiras da Física através da experimentação e criação artística pelo público no circuito cultural fora do ambiente universitário.

 

 

Física para Todos: Um programa de sucesso em divulgação científica virtual do Instituto de Física da USP

Durante mais de uma década o programa Física para Todos (FpT) tem levado à população em geral a oportunidade de assistir palestras e debates compreensíveis sobre conceitos fundamentais da Física e suas aplicações em áreas tecnológicas, biológicas, ambientais, entre outras.

 

 

Foca nas Mídias: revelando a desinformação

O “Foca nas Mídias” é resultado das atividades do projeto de cultura e extensão “Alfabetização midiática em vídeo na Escola de Aplicação da FEUSP” com apoio do Programa Unificado de Bolsas (PUB) e da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da USP. Durante a realização do projeto (2020-2021), os esforços se direcionaram ao auxílio a professoras da Escola de Aplicação, à produção de conteúdos em textos, imagens e uma série temática em formato audiovisual, intitulada “Armadilhas das redes”, composta de cinco episódios sobre a confiabilidade da informação e conteúdos que ganharam grande projeção na internet.

 

 

Fomentando a reflexão e o engajamento de jovens do ensino médio por meio da produção de vídeos de divulgação científica sobre temas sociocientíficos controversos

Neste trabalho apresentamos o processo de produção dos dois vídeos de divulgação científica sobre temas sociocientíficos controversos vinculados a ODS “Educação de Qualidade” da Agenda 2030: “Gênero e Ciência” e “Diálogo de Saberes”. Será focalizada a análise da participação dos estudantes de ensino médio da Escola de Aplicação da Faculdade de Educação da USP nos debates gravados pelo googlemeet sobre os temas e que foram usados na produção dos vídeos.

 

 

Formação à distância no apoio à implementação da linha de cuidado para sobrepeso e obesidade: a comunidade acadêmica atenta às demandas do SUS

Diante da necessidade de qualificação de profissionais de nível superior da atenção primária do Grande ABC Paulista e o contexto da pandemia de Covid-19, foram desenvolvidas formações através de tutorias online em parceria com dois cursos de formação à distância da Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde.

 

 

FORMAÇÃO DE CENTROS DE REABILITAÇÃO PÓS-COVID: tecnologia aplicada à saúde

Um dos maiores desafios para o enfrentamento das Sequelas Pós-COVID-19 é a necessidade do rápido desenvolvimento e aplicação de estratégias de Reabilitação que possam atender o maior número de pessoas em todo o território nacional. As terapias de fotobiomodulação associada a reabilitação física constituem uma terapêutica de excelência na promoção da reabilitação das sequelas pós-covid.

 

 

Formação de/com professores que ensinam matemática na Educação de Jovens, Adultos e Idosos

Neste texto, temos o propósito de registrar e divulgar o relato de uma experiência, ainda em desenvolvimento, de formação continuada de professores/as que ensinam Matemática na Educação de Jovens, Adultos e Idosos. Trata-se do projeto de extensão, materializado na forma de um curso de atualização de sessenta horas (60h) e intitulado “A matemática na Educação de Jovens, Adultos e Idosos”, por meio do Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (IME-USP), por intermédio do Centro de Aperfeiçoamento do Ensino de Matemática (CAEM).

 

 

FORMAÇÃO MULTIDISCIPLINAR EM UMA LIGA ACADÊMICA DE SAÚDE ÚNICA (LASU)

Existe uma conexão de extrema importância entre a saúde humana, animal e ambiental, é a chamada Saúde Única, na qual os profissionais da medicina veterinária têm um papel fundamental.

 

 

Formação para controle social em saúde: relato de uma experiência  em defesa do Sistema Único de Saúde

A defesa do Sistema Único de Saúde (SUS) é uma temática contemporânea por conta do extenso desmonte ao qual o sistema vem sendo submetido. Apesar dos obstáculos ao seu desenvolvimento, o SUS se mostrou de fundamental importância para o manejo da pandemia pela COVID 19 no país.

 

 

Fortalecendo o ensino e práticas nos assentamentos rurais

O presente projeto foi conduzido pelo Grupo de pesquisa em Habitação e Sustentabilidade (HABIS) e teve, como proposta inicial, o desenvolvimento do projeto de uma escola para o assentamento rural Mário Lago (Ribeirão Preto – SP). Apesar das intenções iniciais, durante o desenvolvimento das atividades a proposta se ampliou diante da identificação de um conjunto de outras demandas de infraestrutura e equipamentos no próprio assentamento.

 

 

Fortalecendo os laços da FCFRP / USP com a sociedade

O objetivo do trabalho foi fortalecer os laços da FCFRP com os egressos e com a sociedade por meio de contato via mídias sociais (Instagram e Linkedin) e elaboração de material e vídeos informativos a serem veiculados nestas mídias, levando informações de qualidade e curiosidades das diversas áreas das Ciências Farmacêuticas.

 

 

Futebol e promoção da saúde na adolescência

Pesquisas recentes indicam uma associação positiva entre prática de atividade física e promoção da saúde, com benefícios importantes ao indivíduo e à sociedade.

 

 

Futuro do Pretérito: a primeira revista estudantil da Faculdade de Educação da USP

No âmbito das ações de cultura e extensão da USP, a Futuro do Pretérito surge como a primeira revista de divulgação científica produzida por estudantes na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FEUSP). Criada em 2019, por iniciativa da estudante Millena Miranda Franco, expandiu-se e, atualmente, conta com a participação de mais de 30 estudantes.

 

 

Gameficação e a Inclusão de Jogos na Educação: Uma Nova Forma de Ensinar Voltada ao Campo das Ciências da Natureza

Com o advento da Era digital, e com a chegada dos smartphones, é perceptível um grande avanço na criação de novas tecnologias e o maior acesso a elas. Conduzido por esse processo, ocorre também um crescimento na área dos jogos, excepcionalmente após os jogos pervasivos, popularizando ainda mais o celular para a nova geração.

 

 

GESP – 32 anos de Extensão – Comunicação rural junto à Agricultura familiar em São Pedro, SP

 O Grupo de Extensão de São Pedro (GESP) iniciou em 1989, a partir de um financiamento a fundo perdido da Legião Brasileira de Assistência a 38 agricultores familiares do alto da serra de São Pedro. O objetivo era: propiciar aos estudantes dos diferentes cursos de graduação e pós-graduação da ESALQ/USP, um laboratório de vivências em extensão/comunicação junto aos agricultores familiares; desenvolver uma organização dos(as) produtores(as) na região. adquirir autonomia para as decisões,

 

 

GINÁSTICA RÍTMICA NA UNIVERSIDADE: UMA PROPOSTA DE INTEGRAÇÃO ENTRE O ENSINO, A PESQUISA E A EXTENSÃO

A Ginástica Rítmica (GR) une o movimento corporal ao manejo dos aparelhos e à música. A GR é oferecida pelo Programa de Extensão em Ginásticas na Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto, desde 2018.

 

 

Grupo Criativo e as ferramentas virtuais – mantendo os laços grupais e as possibilidades de trocas sociais durante a pandemia de COVID-19

Este trabalho visa apresentar as alternativas criadas para manutenção dos laços grupais entre pessoas com deficiência e/ou sofrimento psíquico participantes do Grupo Criativo, durante as medidas de distanciamento físico impostas pela pandemia de COVID-19.

 

 

Grupo de Ação FLORUSP

O objetivo deste trabalho é relatar a criação e as atividades do Conselho de Gestão Participativa para a Floresta, do qual auxilia a traçar estratégias para diagnóstico do estado funcional da Floresta da USP-RP e a propor ações para a mesma, bem como criar mídias sociais.

 

 

Grupo de Consumo Agroecológico Sepé Tiaraju

O Grupo de Consumo Agroecológico Sepé Tiaraju (GCA) surgiu a partir de uma articulação entre Embrapa Meio Ambiente, agricultores(as) do Assentamento Sepé Tiaraju e estudantes da USP de Ribeirão Preto, como um sistema de comercialização baseado na co-gestão.

 

 

Grupo Reflexivo de Apoio à Permanência na Universidade de São Paulo (GRAPUSP)

Em 2019, frente a uma demanda institucional de ansiedade dos estudantes e desistências dos cursos, inscrita em um momento sociopolítico de desarticulação dos coletivos, intensificado com o início da pandemia, o GRAPUSP (Grupo Reflexivo de Apoio à Permanência na Universidade de São Paulo) surge com a busca de refletir sobre a permanência e fortalecer os vínculos na e com a Universidade.

 

 

Grupos de Extensão com Gestão de Estudantes como Ação Integradora e Promotora de Saúde Mental: uma experiência no ICMC/USP

Esse trabalho descreve a formalização institucional de grupos de extensão com gestão por estudantes dos cursos de graduação e pós-graduação e tutorados por docentes, com o objetivo de promover integração entre estudantes e potencialmente minimizar o impacto da saúde mental. O Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC), da Universidade de São Paulo, publicou uma portaria reconhecendo grupos de extensão como atividade oficial e oferece apoio institucional na forma de infra-estrutura, pessoal e outros para os grupos ativos.

 

 

GRUPOS MUSICAIS DA ESALQ/USP E TALENTOS NA PANDEMIA

Congressista: Giulia Cardoso da Silva Martins Benites Unidade USP: Escola Superior de Agricultura – Luiz de Queiroz –   Título: GRUPOS MUSICAIS DA ESALQ/USP E TALENTOS NA PANDEMIA Coordenador: Francisco …

 

 

GUIA DE ORIENTAÇÃO AOS PAIS DE CRIANÇA COM TEA

Introdução: A importância desse trabalho se deu pela oportunidade de trazer os conceitos científicos sobre o tema para uma linguagem mais simples e tornar prática orientações aos pais que apresentam filhos com diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista (TEA). Objetivo: O objetivo desse trabalho foi elaborar material instrucional sobre sinais e característinas do TEA e realizar orientações quanto a identificação, diagnóstico e tratamento. Metodologia: Foi realizada a busca nas principais bases de dados a fim de atualizar sobre as últimas informações do tema e foi criado um guia prático na plataforma online canvas para a orietação dos pais em relação as principais características e sintomas do TEA a fim de ajudar os pais no diagnótico precoce. Conclusão:

 

 

Guimarães Rosa: Canto, Encanto e Leveza. Uma construção coletiva

Este Curso de Difusão Cultural dá continuidade às atividades da Oficina de Leitura Guimarães Rosa, que vão além da leitura em voz alta e em grupo.

 

 

História da Medicina em tempos de pandemia: as experiências do Museu Histórico da FMUSP na comunicação virtual de seu acervo

A pandemia de COVID-19 tem demandado uma profunda reconfiguração das atividades desenvolvidas por diversos setores da sociedade brasileira, incluindo as instituições acadêmicas e culturais, para que sejam empreendidas as necessárias medidas de distanciamento social capazes de preservar a saúde e a vida. Atento a isso e mantendo seu compromisso com a criação de conteúdos históricos baseados em sólidas pesquisas e sua missão de difundir conhecimentos sobre a história das práticas médicas e de Saúde, o Museu Histórico organizou um projeto específico para os atuais tempos de pandemia intitulado “Museu Virtual da Faculdade de Medicina em tempos de pandemia”.

 

 

Horta Comunitária USP de Ribeirão Preto: um projeto de sustentabilidade ambiental e social

O projeto foi idealizado e desenvolvido por alunos e docentes dos cursos de Biologia, Farmácia, Nutrição e Terapia Ocupacional da Universidade de São Paulo, Campus Ribeirão Preto, e por um aluno do curso de Engenharia Agronômica da Universidade Estadual Paulista,

 

 

HORTA VERTICAL NO CRUSP – CAMPUS BAURU COM A REUTILIZAÇÃO DE MATERIAIS PLÁSTICOS

O projeto da horta vertical visou proporcionar aos moradores do CRUSP uma alimentação saudável e de forma acessível, assim como a reutilização de material plástico. A horta foi construída na parede do CRUSP do Campus USP Bauru, local arejado e exposto ao sol, a partir da reutilização de garrafas PET.

 

 

Horto Medicinal da FCFRP: trilhas informativas e ilustradas com plantas de interesse farmacêutico

O Horto Medicinal situa-se na FCFRP-USP e tem por fim auxiliar atividades de extensão, de pesquisa e didáticas. Conta com 40 espécies de plantas, distribuídas em uma área de 600 m2 e em uma casa de vegetação com 50 m².

 

 

HUMANIZAÇÃO NA AMBIÊNCIA DAS ÁREAS DE AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA DO ICR

O Instituto da Criança e do Adolescente da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – ICr – HCFMUSP é um hospital terciário que atende pacientes em duas primeiras décadas de vida e desenvolve há quase uma dez anos um projeto de Humanização intitulado Diagnóstico Amigo da Criança.

 

 

I Ciência em Jogo do EIC: uma experiência gamificada sobre a Covid 19

O Espaço Interativo de Ciências (EIC-USP), promovido pelo Centro de Pesquisa e Inovação em Biodiversidade e Fármacos (FAPESP), propôs a realização do “I Ciência em Jogo do EIC”, evento de atividades remotas dirigido a estudantes do ensino médio. Buscou-se abordar um assunto científico que fosse relevante e despertasse o interesse dos participantes, sendo escolhida a temática Vacinas e o sistema imunológico. A gamificação foi a abordagem utilizada no preparo das atividades, a fim de promover o engajamento, a motivação e o foco. O evento durou 2 semanas e foi dividido em 5 níveis.

 

 

IEB Minecraft

O jogo IEB Minecraft tem como objetivo a ampliação da difusão do Instituto de Estudos Brasileiros da USP para um público novo, já habituado à linguagem digital e ao mundo dos games. São os jovens de 12 a 20 anos de idade, alvo principal do maior evento da Universidade: a Feira USP e as Profissões.

 

 

Impacto da Pandemia da COVID-19 em Pacientes com Transtornos Alimentares

Os pacientes com Transtornos Alimentares (TAs) configuram-se como um grupo de risco nesse momento de pandemia, devido às suas sintomatologias físicas e psíquicas. Este projeto busca compreender os efeitos iniciais da pandemia na saúde mental e física de pacientes com TAs. Participaram deste estudo 13 pacientes (9 com Anorexia e 4 com Bulimia) do sexo feminino atendidas em um serviço especializado em TAs. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, descritiva e exploratória.

 

 

Impacto da Pandemia nas atividades de extensão na ESALQ/USP

Com o advento da pandemia da Covid-19, a realidade com a qual todos da Universidade estavam acostumados foi alterada drasticamente. Dada a enorme diversidade de vertentes, áreas e formas de atuação dos grupos de extensão da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (ESALQ), a pandemia afetou diretamente a dinâmica dos grupos e as atividades de extensão desenvolvidas.

 

 

Impactos da criação da Liga Acadêmica de Vegetarianismo da Faculdade de Saúde Pública da USP

Com o propósito de disseminar conhecimento seguro sobre a alimentação vegetariana e sua relação com a saúde e o meio ambiente – através de aulas, palestras, mídias sociais e eventos, a Liga Acadêmica de Vegetarianismo (LAVeg) da Faculdade de Saúde Pública da USP (FSP/USP) busca ampliar a compreensão acerca da nutrição vegetariana aos estudantes da graduação e à população. Em seu tempo de atuação, temos que os participantes da liga classificaram com unanimidade a LAVeg como “ótima” para suas formações profissionais.

 

 

Incentivo a Moradias Sustentáveis

O presente trabalho tem como objetivo demonstrar os resultados obtidos até o presente pelos integrantes do projeto Moradias Sustentáveis, projeto que integra o Programa USP Recicla, que tem como foco difundir e conduzir hábitos sustentáveis e difundir tecnologias ambientais acessíveis à comunidade do campus “Luiz de Queiroz” e da cidade de Piracicaba.

 

 

Índice de capacidade para o trabalho de enfermeiros hospitalares envolvidos na assistência direta a pacientes diagnosticados com COVID-19

O enfrentamento da pandemia da COVID-19 trouxe desafios para os profissionais de enfermagem. Estudo transversal, descritivo, teve por objetivo identificar o Índice de capacidade para o trabalho (ICT) de enfermeiros hospitalares que atuaram em unidades de atendimento exclusivo a pacientes acometidos pela COVID-19.

 

 

Iniciativa Sábados Azuis: colaboração e compartilhamento de conhecimentos e soluções para territórios turísticos

A colaboração e o compartilhamento de conhecimentos e soluções para problemas comuns de territórios turísticos é o principal objetivo da Iniciativa Sábados Azuis, que une o setor público, privado e a academia, em mentorias online gratuitas.

 

 

Inovando na Pandemia com Atividades à Distância

O LEDA (Laboratório de Estudos sobre Desenvolvimento e Aprendizagem/ IPUSP) tem como uma de suas principais contribuições sociais o Programa de Intervenção com Jogos para grupos de crianças do Fundamental I com dificuldades escolares. A pandemia do Covid-19 afetou diretamente este programa, implicando em mudanças. Este trabalho apresenta uma síntese do que foi realizado em 2020 para manter o vínculo com o público e dar seguimento ao programa.

s

 

Insetos na Escola: um projeto do Instituto de Biociências (USP) para empréstimo de material didático para escolas da Grande São Paulo

Os insetos fazem parte do nosso cotidiano desde muito cedo, gerando grande curiosidade. Professores exploram o universo dos insetos para ensinar diversos conteúdos em inúmeras oportunidades.

 

 

INSIGHT: Educação Empreendedora

O INSIGHT tem como objetivo apresentar metodologias que possam somar aos conteúdos abordados por disciplinas da área da saúde, voltadas para o ensino das temáticas de inovação e empreendedorismo, a fim de ampliar e aprimorar o conhecimento dos graduandos e pós-graduandos.

 

 

INSPIRE – Ventilador Pulmonar de Baixo Custo Aberto, Atividades de Treinamento Realizadas

O advento do COVID-19 e seu contágio exponencial causou o colapso no sistema de saúde, tendo como principal causa a falta de ventiladores pulmonares. A equipe liderada pela Escola Politécnica da USP, em conjunto com a Marinha do Brasil e o Instituto Federal de São Paulo, organizou esforços para o desenvolvimento, produção e cessão de ventiladores pulmonares Inspire para hospitais de atendimento público do país.

 

 

Integração de Dados Espaciais dos Municípios da Região Metropolitana de São Paulo para Suporte ao Planejamento e Embasamento de Políticas e Ações Públicas – Guararema

O Projeto “Integração de Dados Espaciais dos Municípios da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) para Suporte ao Planejamento e Embasamento de Políticas e Ações Públicas” objetiva a coleta, o tratamento e o georreferenciamento de dados de municípios da RMSP, de interesse de estudos urbanos e regionais. Os dados de cada cidade são integrados numa base digital geográfica que, além de reverter ao município, pode embasar estudos, políticas e ações para toda a Região.

 

 

IntegraFÍSICA – Integração de Estudantes de Escolas Públicas ao Instituto de Física da Universidade de São Paulo

A principal motivação deste projeto foi promover a visita de alunos de ensino básico e ensino médio de 1º e 2º anos, de escolas públicas, ao instituto de Física da Universidade de São Paulo (IFUSP). Em 2019 (2o sem), alunos de escolas de Louveira, Vinhedo, Valinhos, Campinas e Jundiaí foram trazidos para o IFUSP para realização de atividades.

 

 

Integrando ciência e conhecimento entre a universidade e a sociedade

Resumo:  Uma nova vertente de ensino tem buscado integrar ciência com a tecnologia, sociedade e a cidadania, todos associados para a formação intelectual dos envolvidos. Espera-se que a comunidade acadêmica seja capaz de desenvolver soluções a problemas ou incógnitas que ajudam a evolucionar as ideais e a vida comum.

 

 

Intervenção em Psicologia do Esporte na atenção à Saúde Mental: práticas corporais como dispositivo terapêutico em Hospital psiquiátrico

A proposta deste Projeto foi ofertar práticas corporais, numa perspectiva fenomenológica em Psicopatologia e Psicologia do Esporte, para complementação do programa terapêutico do Hospital Dia (HD) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

 

 

Intervenção terapêutico ocupacional com crianças e adolescentes dos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos

Este trabalho refere-se ao projeto guarda-chuva (PUB/Aprender na Comunidade/ODS). Nasceu em 2017 no curso de Terapia Ocupacional (FMRP) e se expandiu (profissões e unidades). Esta etapa refere-se ao atendimento à crianças e adolescentes de territórios vulneráveis (Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos). Crianças e adolescentes que se desenvolvem em comunidades pouco assistidas enfrentam desafios na aquisição de habilidades para conviver, cooperar e realizar atividades cotidianas (escola, família comunidade).

 

 

Introdução ao cinema como arte

Este projeto de formação de público, contemplado pelo edital Santander 2020-21, consistiu na primeira etapa de elaboração de uma cartilha de linguagem audiovisual voltada para alunos de escolas públicas do ensino médio, a fim de introduzi-los à ideia do cinema como arte e do audiovisual como importante instrumento de manipulação de discursos e informações através de imagens e sons dispostos de determinadas formas.

 

 

Introduzindo conceitos sobre a vacina genética para prevenção de COVID-19 para alunos do Ensino Médio

Com a declaração da Organização Mundial de Saúde em Março de 2020 da Pandemia COVID-19 (do inglês COronaVirus Disease 2019) e motivados com a reforma da Base Nacional Comum Curricular que estabelece 26 habilidades que o Ensino de Ciências deve promover aos estudantes do Ensino Médio propusemos um projeto de pesquisa intitulado: “Vacina Genética para prevenção de coronavirus (SARS-CoV-2)”

 

 

Inventário e Utilização de Placas QR Code nas árvores do  Campus “Luiz de Queiroz”

O projeto é uma parceria entre o Laboratório de Silvicultura Urbana do Departamento de Ciências Florestais da ESALQ/USP e a Prefeitura do campus “Luiz de Queiroz”, e tem por objetivo o recadastramento das árvores do Parque do campus. Esse inclui o inventário quali-quantitativo e a fixação de placas QRCode nas árvores, que, por sua vez, possibilitam o acesso às informações levantadas para todos os usuários do campus. Essa iniciativa pode influenciar positivamente no interesse das pessoas pelas árvores do câmpus e pelo meio-ambiente de forma geral.

 

 

KIDS SAVE LIVES BRASIL

Com a pandemia da Covid-19, o KIDS SAVE LIVES BRASIL enfrentou inúmeros desafios mas também oportunidades. Em 2020-2021: (a) 793 treinamentos presenciais de crianças, adolescentes e adultos, (b) 938 treinamentos de adultos remotos, (c) 1 Guia Prático, (d) 3 gibis de atividades, (e) 4 cartões instrutivos para instagram, (f) manutenção do site kidssavelivesbrasil, (g) entrevistas com docentes, graduandos e sobreviventes de PCR extra-hospitalar e vídeos demonstrativos de ações em situações de AVC,

 

 

Lab_Arte (Laboratório Experimental de Arte, Educação e Cultura)

O Lab_Arte estrutura-se em núcleos de vivência e experimentação destinados a estudantes da universidade, professores da rede pública e comunidade externa, e realiza atividades que objetivam e promovem:

 

 

Laboratório Empreendedorismo-Escola (Labee): Formação de Empreendedores Utilizando Conceitos de Pré-Incubação

Frente à lacuna existente entre a oferta de disciplinas de empreendedorismo nas universidades brasileiras e o apoio dado por ambientes institucionais denominados habitats de inovação há um caminho a ser percorrido.

 

 

Laboratórios Astrofísicos On-line

Idealizado a partir de um grupo de estudos, o projeto surgiu a partir da necessidade observada de criar certos conteúdos digitais a serem disponibilizados na web de forma a melhor informar e divulgar a infraestrutura, os cursos e as práticas do IAG, assim propiciando maior interação com a sociedade geral. Os materiais foram confeccionados pelo respectivo aluno e discutidos no grupo de estudos orientado pela professora Jane.

 

 

Lectures Littéraires Contemporaines : Écrivaines Francophones

Cada vez mais, a separação entre língua e literatura que tem marcado a didática do francês como língua estrangeira se vê questionada pelos pontos de intersecção constitutivos desses dois campos formalmente criados.

 

 

Leguenoma no MZUSP: atividade acadêmica transposta em jogo no museu

A adaptação ao ensino remoto, açodada pela pandemia da Covid-19, trouxe uma série de desafios a estudantes e professores. Neste contexto, elaboramos um jogo empregando o Tour Virtual do Museu de Zoologia da USP, no qual quatro participantes devem atuar de forma colaborativa para responder diversos desafios relacionados à evolução. Nessa atividade, são exploradas distintas habilidades comuns a um pesquisador da área de Biologia, tais como lógica, observação, análise morfológica comparada, descrição (ex., de animais e cenários) e trabalho em equipe.

 

 

Leitura e escrita Braille: uma perspectiva para inclusão educacional

O Projeto tem como objetivo a oferta de um curso à comunidade externa que visa desenvolver habilidades de escrita e leitura Braille para o atendimento e inclusão de pessoas com deficiência visual nos mais diversos espaços culturais e educacionais, sobretudo na educação básica, problematizando seus aspectos teóricos, técnicos e éticos, tomando como público-alvo professores, estudantes de graduação, familiares, amigos de pessoas com deficiência visual e pessoas interessadas na temática.

 

 

Levantamento epidemiológico da condição de saúde bucal das crianças indígenas da Reserva Tupi Guarani – Aldeia Rio Silveiras

A finalidade do Projeto foi realizar atividades preventivas e restauradoras nas crianças indígenas, de 3 a 12 anos, visando à promoção de saúde bucal. O objetivo foi comparar a condição de saúde bucal destas crianças por meio de levantamento epidemiológico realizado em duas edições do projeto.

 

 

LIDERANÇA E MOBILIZAÇÃO SOCIAL: ESTIMULANDO A COMPREENSÃO DA PARTICIPAÇÃO SOCIAL EM SAÚDE EM ALUNOS DO ENSINO PÚBLICO FUNDAMENTAL

A participação social em saúde é ferramenta fundamental para a ação democrática.

 

 

Liga Acadêmica de Odontopediatria da FORP/USP: um projeto de potencialização universitária para a sociedade

A Liga Acadêmica de Odontopediatria da FORP/USP possui como principal objetivo o aprofundamento e o aprimoramento sobre assuntos mais específicos da Odontopediatria por meio de atividades baseadas no tripé universitário ensino, pesquisa e extensão.

 

 

Liga de Cuidados à Saúde da Mulher: desempenho no primeiro ano da pandemia da COVID-19

Na pandemia, as atividades de extensão universitária desenvolvidas pelas Ligas Acadêmicas foram adaptadas, pela inclusão de Tecnologias da Informação e Comunicação. Objetivo:  apresentar a experiência de atuação da Liga de Cuidados à Saúde da Mulher durante o primeiro ano da pandemia da COVID-19, apresentando as dificuldades e facilidades.

 

 

Liga Interprofissional de Genética e Genômica na Saúde Humana: as lives como um potente instrumento para a cultura e extensão universitária

Introdução: As lives realizadas pela LIGGen possuem o caráter de integração dos conhecimentos acadêmicos construídos com as vivências de pacientes, familiares, estudantes, profissionais e redes de apoio.

 

 

Literatura Lgbtqia+ na Formação de Professoras: A Experiência do Clube de Leitura ‘Literatura e Diversidade’

O trabalho apresenta as atividades do projeto de Cultura e Extensão “Clube de Leitura ‘Literatura e Diversidade’” e sua contribuição na promoção de diálogos entre professoras(es) formadas e em formação acerca das temáticas das diversidades sexuais e de gênero, tendo a leitura literária como recurso pedagógico interdisciplinar.

 

 

LudicaMente-USP – Aprender e Jogar com a Família on-line: um breve relato da construção à avaliação

Com a pandemia da Covid-19 levando a universidade para o modo remoto, o desafio dos cursos comunitários foi estabelecer meios de manter o vínculo com o seu público. Assim, nasceu o projeto LudicaMente-USP: Aprender e Jogar com a Família on-line, com o objetivo de manter o vínculo com as crianças do curso de extensão comunitária Aprendendo a Nadar da EEFE-USP.

 

Machado de Assis: primeiras edições e raridades

Este projeto busca apresentar uma exposição permanente, em plataforma digital, dos exemplares das primeiras edições da obra de Machado de Assis pertencentes à coleção da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), a fim de garantir o acesso público, gratuito e universal ao mais importante acervo de livros machadianos sob a guarda de uma instituição pública no Estado de São Paulo.

 

 

Mania de Ensinar: apoio ao ensino a distância

“Mania de Ensinar” foi criado em 2020 visando auxiliar pais e alunos nas tarefas escolares feitas em casa. A equipe  conta com estudantes do Bacharelado em Astronomia atuando como monitores no atendimento remoto a alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

 

 

Manutenção Corretiva para a Iluminação Viária na Cuaso

A iluminação viária da CUASO é o objeto considerado no presente trabalho. Ela migrou de lâmpadas a descarga para a tecnologia SSL (Solid State Lighting). A partir de uma amostra de pontos apagados em agosto de 2021, foi calculada uma taxa de falha superior a 10 %, sendo que a taxa de falha considerada típica e aceitável é próxima de 3 % e este fato reforça a premissa da necessidade de uma intervenção corretiva imediata para restabelecer os requisitos de iluminação estabelecidos e que visam assegurar o bem-estar e a segurança das pessoas.

 

 

Manutenção de sítio na internet e Monitoramento de dados do Observatório da criminalização da Pobreza e dos Movimentos Sociais no Brasil entre 2020 e 2021

Trata-se de projeto de extensão, realizado com auxílio do Programa Unificado de Bolsas (PUB), cujo objetivo principal era manter em atividade o site e as redes sociais do Observatório da Criminalização da Pobreza e dos Movimentos Sociais, ampliando a interface deste grupo de pesquisa com a sociedade em geral.

 

 

Mapeamento e construção de fluxograma e guia de Acessibilidade na Universidade

Este projeto teve como objetivo o entendimento do Programa USP Acessível em seus moldes atuais e propor uma nova organização com o objetivo de tornar o Programa mais presente dentro e fora da Universidade de São Paulo e contribuir para a extinção das barreiras de acessibilidade e fortalecimento da inclusão.

 

 

MARIIAS: transformando realidade através de tecnologias imersivas em educação

Existe uma sub-representatividade feminina nas ciências exatas. Este cenário se deve à falta de estímulo, propagação de estereótipos, e preconceito que as mulheres da área são expostas. No contexto do empreendedorismo social, este projeto constitue uma plataforma para recursos de aprendizado inclusivos e interativos que combinam ferramentas integradas de baixo custo envolvendo digitalização, realidade virtual e aumentada, e sonificação.

 

 

Marketing e produção de Conteúdo: Coordenação dos Boletins MarkEsalq

O Boletim MarkEsalq se trata de uma publicação mensal no qual é produzido conteúdo para uma publicação online com código de validade internacional, o ISSN 2318-9819. Esta publicação é desenvolvida por alunos e profissionais e tem como objetivo divulgar informações e ações de marketing relacionadas aos mais variados produtos e serviços disponíveis no mercado.

 

 

MATEMATECA: um acervo de objetos matemáticos

Todos que trabalhamos com Matemática sabemos o quanto é difícil conversar sobre o que fazemos com leigos. A linguagem logo se torna um empecilho na comunicação se nosso interlocutor não a domina. A partir de 2003, aventuramo-nos por uma forma de quebrar essas barreiras na divulgação da Matemática: a confecção de objetos interativos. Aos poucos, nosso acervo, que denominamos Matemateca, foi tomando corpo. Participamos de exposições e fomos nos dando conta de que nosso material despertava muita curiosidade e seria um veículo interessante e divertido para a divulgação da Matemática entre leigos ou colegas, crianças ou adultos.

 

 

Material de divulgação sobre o Campus Fernando Costa e FZEA para escolas de Ensino Fundamental de Pirassununga e Região, visando inclusão social, cultural e educacional

Foi elaborado material em formato de história em quadrinhos (Revistinha: Usp na Escolinha) para ser disponibilizado para escolas do ensino fundamental I de Pirassununga e Região.

 

 

MATERIAL EDUCATIVO PARA PROMOÇÃO DA SAÚDE NA FIBROMIALGIA: DA ELABORAÇÃO À DI-VULGAÇÃO NO METRÔ DE SÃO PAULO – SP

A fibromialgia é considerada um problema de saúde pública e a educação do paciente é recomendada. Material educativo é uma das melhores e mais efetivas maneiras de informar o paciente, a família e a população em geral.

 

 

Material educativo sobre transtornos psicóticos e cuidados em saúde mental

Estratégias educativas para informar sobre a psicose e incentivar a busca precoce pelo tratamento podem ser úteis para combater o estigma e promover um melhor prognóstico.

 

 

Material instrucional para reserva ecológica da USP: “Plantas notáveis do Parque CIENTEC”

O Parque de Ciência e Tecnologia da USP está inserido na Unidade de Conservação ‘Parque Estadual das Fontes do Ipiranga’, e tem como objetivo divulgar a ciência para a população, trabalhando a aprendizagem de forma didática e lúdica.

 

 

MED NA ESCOLA: a graduação medicina e os adolescentes do ensino médio

Med Na Escola é um projeto de extensão universitária de alunos da graduação da FMUSP, voltado à conscientização em saúde e qualidade de vida de adolescentes do Ensino Médio de escolas públicas e particulares da cidade de São Paulo;

 

 

Medicina culinária: da horta comunitária ao ensino sobre alimentação saudável

Estudos de diferentes lugares no mundo mostram que estudantes de medicina apesar dos conhecimentos adquiridos durante a graduação não se consideram aptos ao aconselhamento de seus pacientes na mudança de hábitos alimentares para prevenção e tratamento de doenças crônicas não transmissíveis.

s

 

Meditando no Laboratorio

Objetivo: compartilhar essa pratica com os colegas de trabalho para trazer benefícios de rendimento no trabalho e melhoria no relacionamento pessoal tanto no ambiente de trabalho como fora do trabalho.

 

 

Melhorando a prevenção e controle da infecção para resposta ao COVID-19 no  Brasil (PREVCOVID-BR)

Com a pandemia de COVID-19 vem sendo exigido das instituições hospitalares a realização de ações de prevenção efetivas, rápidas e aplicadas em tempo oportuno.

 

 

Melhoria da Gestão de Águas Pluviais dos Campi da USP Através de Jardins de Chuva: Dispositivo de Solução Baseada na Natureza com Potencial Pedagógico

Soluções Baseadas na Natureza permitem a adaptação dos ambientes urbanos em cidades sustentáveis. Dentre os desafios envolvidos podem ser citados gestão a drenagem, a melhoria da qualidade de águas urbanas, a restauração de habitats para espécies, recuperação do solo e melhoria das condições sociais e de saúde.

 

 

Meninas na Ciência: Ampliando Espaços e Abrindo Caminhos

O projeto Meninas Ciência é uma iniciativa feminina que visa trazer o sentimento de pertencimento e empoderamento a jovens mulheres para áreas de ciência e tecnologia, que são dominadas majoritariamente por homens, mostrando que todas podem ser o que quiserem, independente de qualquer característica. Tendo como público-alvo meninas que estejam no nono ano do ensino fundamental e ensino médio, busca-se através de diversos meios digitais apresentar conteúdos de cunho científico e protagonismo feminino, em todas as áreas, de maneira cativante para que elas tenham prazer em abordar esses assuntos, participando das atividades propostas.

 

 

Mergulho na Ciência USP virtual transpondo as barreiras geográficas

A divulgação da Ciência para além dos muros das universidades, mostrando à sociedade a atuação das mulheres cientistas e a importância da Ciência para o desenvolvimento do país, são necessidades colocadas pela sociedade e por organizações nacionais e internacionais que visam o desenvolvimento mundial mais produtivo e igualitário. Nesse contexto, o Mergulho na Ciência USP tem o objetivo central de inserir crianças e jovens na Ciência, ao falar sobre vários temas científicos atraentes, mostrar a importância da Ciência para o desenvolvimento do país e desmistificar a figura de uma cientista.

 

 

Metodologias Ativas para o Empreendedorismo de Mulheres Jovens, Adultas e da Terceira idade: o empoderamento com o cacau “Bean to Bar”

Estudante de Engenharia de Engenharia de Alimentos pela Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos, em Pirassununga, interior de São Paulo.

 

 

Metodologias Ativas: aproximando Universidade, Escola e Comunidade

Para colaborar com o processo de ensino e aprendizagem, utilizadas pelos professores, propõe-se a inserção de Metodologias Ativas, pautadas na construção de Recursos Didáticos de apoio ao professor, oferecidos pelo Clube de Ciências Luiz de Queiroz da ESALQ. Com isso, o objetivo é desenvolver novas metodologias ativas de ensino valorizando os Jogos, Kits Educacionais e Recursos Didáticos para promover maior interação da Comunidade com a Universidade.

 

 

Microscópio digital e lâminas histológicas para escolas da rede pública de ensino

O incentivo ao ensino de ciências para alunos e professores do ensino fundamental, médio e técnico da rede pública de ensino é um dos propósitos dos projetos realizados pelo Departamento de Biologia Celular e do Desenvolvimento do ICB/USP.

 

 

Mídias Sociais – Programa USP Diversidade

s mídias socias do Programa USP Diversidade tem por objetivo divulgar as ações realizadas pelo programa, bem como datas e marcos importantes ao longo do ano. Utilizamos as mídias sociais para divulgar e promover maior acesso a informações de inclusão e diversidade dentro da Universidade de São Paulo.

 

 

Modelo de Análise de Questões-Problemas em Políticas Públicas: da Dimensão de Disponibilidade da Informação à Dimensão Cognitiva

Apesar da discussão sobre populações LGBTQIA+ ocupar cada vez mais o âmbito da sociedade civil e nos debates em instituições públicas, o tema ainda é negligenciado no que diz respeito aos dados oficiais, informações e políticas públicas.

 

 

Modelo de Análise de Questões-Problemas em Políticas Públicas: Da Dimensão de Disponibilidade da Informação à Dimensão Cognitiva

Apesar da discussão sobre populações LGBTQIA+ ocupar cada vez mais o âmbito da sociedade civil e nos debates em instituições públicas, o tema ainda é negligenciado no que diz respeito aos dados oficiais, informações e políticas públicas.

 

 

Modos de existência de projetos coletivos na interface arte, saúde e cultura: compartilhando saberes e experiências

O presente trabalho visa apresentar um projeto de cultura realizado no contexto das ações de extensão do Laboratório de Estudos e Pesquisa Arte, Corpo e Terapia Ocupacional (PACTO) da USP.

 

 

Monitoramento Da Dinâmica Populacional Do Carrapato-Estrela Amblyomma Sculptum Em Áreas De Influência Direta E Indireta Da Presença De Capivaras No Campus Luiz De Queiroz /Esalq-Usp Em Piracicaba-Sp Como Subsídio Ao Seu Controle

O carrapato-estrela (Amblyomma sculptum) é o principal vetor da Rickettsia rickettsii, bactéria que causa a Febre Maculosa em humanos. No câmpus “Luiz de Queiroz”, o principal hospedeiro do carrapato é a capivara, que também serve como hospedeiro para a bactéria. Medidas preventivas e de controle vem sendo adotadas na ESALQ nos últimos 15 anos, para reduzir a incidência da Febre Maculosa.

 

 

Mostra Ecofalante USP e a Agenda 2030: o audiovisual como ferramenta para a discussão dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

A “Mostra Ecofalante USP e a Agenda 2030” é um evento anual e gratuito realizado pela Superintendência de Gestão Ambiental da USP desde 2018. Com o objetivo de difundir conhecimentos por meio da veiculação de conteúdos audiovisuais acompanhados pela realização de debates e atividades educativas, a Mostra procura estimular a reflexão sobre os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da ONU. Ao longo de suas quatro edições, foram realizadas sessões e debates em diversos campi e unidades da USP, consolidando-se em um espaço dialógico com a sociedade e de reflexão sobre a sustentabilidade em suas dimensões social, econômica e ambiental.

 

 

Mudanças e adaptações do Programa USP 60+ na pandemia e resultados obtidos em termos de engajamento virtual nas plataformas, assim como vagas oferecidas pelos cursos online

O ponto que norteia este estudo é a análise dos resultados obtidos com as mudanças no oferecimento de atividades regulares, oferecidas pelas unidades de cultura e extensão da Universidade de São Paulo ao público idoso, através do Programa USP60+.

 

 

Mulheres na Engenharia

Women’s research Engineers Network (WREN) was launched in 2021 and started as a collaboration between researchers at the University of Wollongong (UOW) – Australia, professors from University of São Paulo (USP) and USP Women’s office – Brazil. WREN was supported by the Commonwealth through the Council on Australia Latin America Relations (COALAR) and was established to support women in engineering through their academic careers by fostering international collaborations, which are closely linked to successful grants and promotions. By generating more opportunities for women to find these collaborations, the network mission is to narrow the still present gender gap felt by women in later career stages.

 

 

Museu em contexto virtual: Cantinho do Brincar

Este trabalho foi proposto pelo Museu da Educação e do Brinquedo – MEB no contexto pandêmico, como forma de superar o desafio de reinventar as atividades educativas desenvolvidas presencialmente pela instituição, que agora seriam oferecidas de forma virtual. Em parceria com a EAFEUSP, foram proporcionadas oficinas intituladas “Cantinho do Brincar”, com o intuito de promover ações educativas com os alunos sobre acervo do MEB. Para isso, foram programadas um conjunto de atividades síncronas e assíncronas como contação de histórias e confecção de brinquedos, essas disponibilizadas em vídeo pelo canal do MEB no YouTube.

 

 

Música como instrumento de promoção de saúde a idosos do Grupo Nova Idade: uma experiência musical online em contexto de pandemia do COVID-19

Trata-se de um estudo descritivo do tipo relato de experiência. A atividade foi desenvolvida com idosos funcionalmente independentes, participantes das atividades virtuais do grupo de extensão Nova Idade, da EERP/USP, proposto em contexto de pandemia e isolamento social.

 

 

Música de Câmara telemática: performance e criatividade no ambiente virtual

A música de câmara telemática é um novo campo de criatividade, pesquisa e ensino, que estende as possibilidades da música de câmara tradicional e cria perspectivas interdisciplinares para uma colaboração internacional. Esse artigo apresenta o projeto de música de câmara telemática realizado em 2021 em colaboração com a Universidade da Califórnia- Riverside, focando em aspectos da tecnologia e dos benefícios pedagógicos, artísticos e sociais.

 

 

Música na pandemia: relato de experiência do Centro Cultural do Campus USP de Bauru

O presente trabalho apresenta o relato de experiência de atividade cultural virtual, realizada pelo Centro Cultural do Campus USP de Bauru “Maria de Souza Campos Artigas”, durante a pandemia da Covid-19, desenvolvendo conteúdos digitais sobre música, publicados semanalmente nas redes sociais: Facebook e Instagram.

 

 

Neurociência sob uma perspectiva do cotidiano

O cérebro é a mais complexa e fascinante estrutura dos seres vivos e desperta curiosidade e interesse notórios na população em geral. Assuntos da Neurociência são facilmente aproximados do cotidiano das pessoas nos aspectos da comunicação, aprendizagem, memória e emoções, importantes no convívio social e na Educação.

 

 

Neurociência, bem-estar e envelhecimento no cotidiano do idoso

A Neurociência compreende as relações entre o cérebro, o organismo e o comportamento. Aponta caminhos para melhorar a capacidade de aprender e de usar o conhecimento como uma ferramenta de desenvolvimento individual e da sociedade. No Brasil, pessoas com mais de 60 anos representam 18,9% da população (IBGE).

 

 

Noite com as Estrelas

O “Noite com as Estrelas” é um evento de divulgação científica desenvolvido com o público em geral no Observatório Abrahão de Moraes do IAG/USP em Valinhos-SP. Consiste em observações do céu noturno através de telescópios em um final de semana por mês, o mais próximo possível do quarto crescente da Lua. Nesse mesmo contexto, realizamos também, o evento “Férias com mais estrelas”: noites de observações e oficinas, sobretudo para crianças, durante o dia, ao longo de 5 dias em julho.

 

 

Nome Social: vídeo-animação e curta-metragem para inclusão e diversidade

Contribuir com as políticas institucionais de inclusão e de diversidade na USP, considerando as recomendações da legislação vigente, por meio da divulgação de ações de Programas e Órgãos da PRCEU e atividades realizadas em âmbitos institucionais e acadêmicos, difundindo o compromisso da USP com a igualdade na diversidade, e contribuindo no desenvolvimento individual, coletivo e institucional; o Programa USP Diversidade, o Instituto Cultural Barong e UNAIDS, produziram o curta em formato de vídeo-animação – “Nome”, com informações objetivas e claras sobre o uso do Nome Social e sua retificação nos registros civis. O projeto usa a metodologia de Archer e animação 2D de Winder e Dowlatabadi.

 

 

Normalização Técnica ABNT de “Cidades e Comunidades Sustentáveis

Congressista: Alex Kenya Abiko Unidade USP: Escola Politécnica   Título: Normalização Técnica ABNT de “Cidades e Comunidades Sustentáveis” Coordenador: Alex Abiko | Vice-coordenador: Iara Negreiros Área Temática: Engenharias Participantes: Alex …

 

 

Notícias de Ciência e Tecnologia

Um projeto de divulgação cientifica. Textos de Ciência e Tecnologia publicados no Portal do IFSC-USP

 

 

Núcleo de Apoio à Difusão de Informações sobre a Comissão Nacional da Verdade (Brasil) – NACE CNV-Brasil

Vinculado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão (PRCEU) e ao Instituto de Relações Internacionais (IRI), o NACE CNV-Brasil se propõe a promover a disseminação de informações sobre a Comissão Nacional da Verdade (CNV), que funcionou no Brasil de 2012 a 2014 e teve por finalidade a apuração das graves violações de direitos humanos ocorridas entre 1946 e 1988, especialmente no período da ditadura militar, de 1964 a 1985. Para atendimento de seu objetivo, o NACE CNV-Brasil disponibiliza em ambiente virtual único informações e documentos relacionados ao funcionamento da CNV e seu relatório final.

 

 

Núcleo de Artes Afro-Brasileiras. Notórios saberes e o conhecimento grafado no corpo

Apresentamos neste trabalho as ações e desdobramentos dos Programas de Dança Afro-Brasileira, Capoeira Angola e Percussão, desenvolvidos pelo Núcleo de Extensão e Cultura em Artes Afro-Brasileiras da Universidade de São Paulo.

 

 

Núcleo de Práticas Pedagógicas Dandara

O Núcleo de Práticas Pedagógicas Dandara é um projeto de extensão idealizado e conduzido desde 2019 pelo Coletivo Feminista Dandara, da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

 

 

Núcleo de Tradução Jurídica e Divulgação Histórica (TradJur)

O Núcleo de Estudos de Tradução Jurídica e Divulgação Histórica (TradJur) é um grupo voltado à tradução de textos jurídicos históricos (teóricos e/ou técnicos). A proposta do Núcleo é trabalhar com duas abordagens complementares: (i) teoria, i. e., textos que familiarizem os(as) alunos(as) com aspectos conceituais da tradução e (ii) prática, i. e., realização de tradução de textos jurídicos em língua estrangeira (“língua-fonte”) para o português brasileiro (“língua-alvo”), de forma a difundir este conhecimento para o público universitário e para a sociedade brasileira, em especial para o meio jurídico brasileiro.

 

 

O devaneio em Clarice Lispector

O curso foi baseado no resultado da pesquisa de mestrado em Literatura e Crítica Literária, na PUC-SP. A pesquisa elegeu o conto de Clarice Lispector, Devaneio e embriaguez duma rapariga, como corpus de investigação, buscando averiguar possíveis correspondências entre o conceito literário de fluxo de consciência e o que se entende por devaneio nos estudos da psicanálise.

 

 

O Festival da Química na construção da relação universidade e sociedade

Neste trabalho abordou-se o projeto Festival da Química adaptado ao formato remoto em 2021 pelos grupos PET Química do Estado de São Paulo. Trata-se de um projeto que visa a desmistificação da química de forma a aproximá-la da sociedade, através da apresentação de experimentos.

 

 

O Funcionamento do Arquivo de uma Orquestra Sinfônica

Este projeto PUB tem funcionado desde 2019 e consiste em oferecer treinamento a cada ano a três estudantes do Departamento de Música para aprofundarem-se na atividade da orquestra sinfônica, mais especificamente, em como administrar um arquivo de partituras.

 

 

O impacto do programa Bolsa Atleta nas carreiras esportivas do tênis de mesa brasileiro

Este trabalho transversal observacional buscou investigar os impactos do Bolsa Atleta na manutenção das carreiras esportivas do tênis de mesa brasileiro. A coleta de dados foi realizada por meio de questionários gerados na plataforma Google Forms. Verificou-se, a partir da percepção dos seus contemplados, que o programa federal representa uma fonte de renda essencial àqueles inseridos nessa modalidade, cuja falta de tradição e visibilidade resulta em escassez de patrocinadores privados e, consequentemente, maior influência do Estado. Ademais, também foi possível concluir que o Bolsa Atleta extrapola o seu propósito inicial ao suprir demandas alheias ao esporte de alto rendimento, possibilitando até mesmo um sentimento de ascensão social. Sendo assim, trata-se de uma política pública que não apenas auxilia as carreiras esportivas do tênis de mesa brasileiro, mas, também, configura-se como principal responsável pela continuidade destas.

 

 

O livro Noções de Oceanografia: um marco no ensino, cultura e extensão do IOUSP

O livro “Noções de Oceanografia” foi concebido a partir do Curso de Difusão Cultural com o mesmo nome, ministrado semestralmente desde 1993, por docentes, pós-graduandos, pós-doutorandos e técnicos do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (IOUSP), de forma voluntária, nas manhãs de domingo.

 

 

O nascimento do Mosaico EducoFlorestal Agroecológico de Itatinga como promotor de expressão e diálogo com a sociedade

Resumo:  São evidentes os crescentes ataques sofridos pelas instituições públicas, especialmente pelas universidades públicas. A partir disso, é possível fazer um recorde em maio de 2014, quando a Secretaria de Planejamento do Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo enviou um ofício ao Departamento de Ciências Florestais da ESALQ/USP.

 

 

O oferecimento de uma sequência de cursos de extensão visando à capacitação da comunidade para a compreensão das vicissitudes da Literatura Infantil e Juvenil  durante vínculo docente temporário

Nesta comunicação pretende-se, a partir de uma análise de registros de opiniões, pensamentos e crenças por partes dos discentes nos fóruns de discussões que ocorreram junto aos cursos assíncronos, cuja utilização foi por eles consentida mediante assinatura de Termo de Consentimento Livre e Esclarecido, registrar suas opiniões e intuições iniciais acerca da LIJ e dos temas específicos a ela pertencentes abordados nos programas dos cursos e ao final do percurso de ensino-aprendizagem, de modo a apontar mudanças de atitude dos participantes com relação ao objeto de estudos em questão, visando à desconstrução de preconceitos e à subsequente formulação de conceitos (re)elaborados após aquisição de conhecimentos e desenvolvimento de competências básicas de leitura crítica.

 

 

O papel e a contribuição das universidades na localização dos ODS na cidade de São Paulo, Brasil

O fortalecimento de parcerias e meios de implementação são considerados essenciais para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, conforme refletido no ODS 17. As metas 17.16 e 17.17 reforçam a importância de se dar atenção às questões sistêmicas e às parcerias multissetoriais que possibilitem a mobilização e o compartilhamento de conhecimentos, competências, tecnologias e recursos para cumprir a Agenda 2030.

 

 

O papel transformador de estudantes de graduação além dos muros da universidade

No Instituto Oceanográfico da USP (IOUSP), a disciplina intitulada “vertebrados aquáticos” faz parte da grade curricular do curso de bacharelado em Oceanografia. É um curso ministrado no terceiro semestre letivo desde 2014 pelos três autores deste trabalho. São quatro horas semanais ministradas em São Paulo, divididas em aula teórica e prática, e contando com o apoio de uma viagem a campo para o município de Cananeia. Em comum acordo com 5 turma de estudantes, decidiu-se que um dos objetivos desse curso seria aprender com a experiência.

 

 

O Projeto EAMar na Década do Oceano: capacitação de professores do Ensino Médio, produção de material didático e Ciência Cidadã

O Projeto “Educação Ambiental Marinha (EAMar): Um Olhar Multidimensional Para a Década do Oceano” tem objetivo de divulgar a ciência oceânica e capacitar professores do Ensino Médio para que incluam assuntos a respeito dos princípios da cultura oceânica em sala de aula, com foco em professores e alunos do 2º ano do Ensino Médio de escolas pública de Ubatuba-SP.

 

 

O que são animais de laboratório? Como eles vivem? Para que são utilizados?

O uso de animais de laboratórios em pesquisas auxiliam na difusão da ciência e tecnologia, porém, a maioria das pessoas desconhecem conceitos éticos preconizados na ciência de animais de laboratório.

 

 

O sistema alimentar paulistano: Como divulgar e conectar atores e iniciativas sustentáveis em uma cidade global?

São Paulo é a cidade mais populosa da América Latina. É considerada uma cidade global, com relevante papel econômico. Para atender a demanda de alimentos em uma cidade com essa magnitude, é importante observar a complexidade de seu sistema alimentar, já que apesar dos incontáveis pontos de venda de alimentos na capital paulista, ainda há significativa desigualdade no acesso aos alimentos saudáveis.

 

 

O TRIPÉ PESQUISA, ENSINO E EXTENSÃO NO PAINEL USP de GÊMEOS

Um dos maiores desafios das Universidades de nível mundial no século XXI será a verdadeira integração das atividades de Pesquisa, Ensino e Extensão. A demanda da Sociedade por uma maior integração entre estas atividades e as necessidades da comunidade que financia as Universidades nunca foi tão intensa.

 

 

O USO DE TELESCÓPIOS NA ESCOLA PARA A DIVULGAÇÃO DA ASTRONOMIA

O projeto Telescópios na Escola (TnE, http://www.telescopiosnaescola.pro.br/) utiliza a astronomia como popularização e difusão do ensino de ciências, utilizando telescópios robóticos para obtenção de imagens dos astros em tempo real, permitindo que alunos e professores de escolas do ensino básico, fundamental e médio possam desenvolver pequenos projetos científicos e educacionais.

 

 

Observações sobre a elaboração e a recepção do minicurso “Uma introdução à teoria da demonstração de Aristóteles”

O tratado dos Segundos Analíticos de Aristóteles faz parte do seu Órganon, um conjunto de reflexões sobre a lógica que serve como instrumento para sua filosofia.

 

 

Observando democracias e eleições pela ótica das Relações Internacionais:  as eleições presidenciais chilenas de 2021

O Observatório da Democracia no Mundo é um laboratório didático, constituído por estudantes da graduação e da pós-graduação, majoritariamente, mas não exclusivamente, do Instituto de Relações Internacionais da USP.

 

 

Oficina de Turismo Social – Viver São Paulo | USP60+ | EACH | USP

Projeto da vertente extensão viabilizado pelo Programa Unificado de Bolsas de Estudo para Apoio e Formação de Estudantes de Graduação (PUB-USP) da Universidade de São Paulo (USP).

 

 

Oficinas de Brincar e Conviver – encontros de repertórios

Este trabalho relata o projeto Oficinas de brincar e conviver oferecidas semanalmente para que estudantes do curso de Licenciatura em Pedagogia possam vivenciar jogos e brincadeiras dançadas e cantadas para crianças da Educação Infantil e dos primeiros anos do Ensino Fundamental.

 

 

Oficinas de Orientação Profissional virtuais – inovação da Feira USP e as Profissões

Durante a pandemia a Feira USP e as Profissões foi realizada virtualmente. Para este formato o estande da Orientação Profissional  desenvolveu um modelo de  cinco oficinas  virtuais com os seguintes objetivos: perceber as dificuldades de escolha em tempos de crise; auxiliar  a realização do autodiagnostico do  processo de escolha; compreender que para uma escolha de curso superior  é necessário: autoconhecimento e exploração das possibilidades e desenvolver um plano de ação. As oficinas foram gravadas , cada uma com temática diferente que se somavam , mas que podiam ser feitas individualmente com ganhos para o participante.

 

 

Onde o Acaso Não Tem Vez

Produzida em português, inglês e espanhol, “Onde o acaso não tem vez” é uma revista que discute artisticamente os mitos e estereótipos sobre a velhice e o envelhecimento no Brasil. A publicação, com aproximadamente 160 páginas, teve por base os mitos e estereótipos reunidos em uma revisão de literatura realizada no curso de graduação em gerontologia. Ensaios fotográficos, experimentos gráficos, visuais, literários e de diagramação foram empregados para ilustrar os mitos e estereótipos encontrados, assim como propor novos repertórios de compreensão e combate a essas visões generalizadas, negativas e prejudiciais no que tange à velhice e ao envelhecimento. A revista foi disponibilizada gratuitamente na internet, ultrapassando a marca de mil acessos um mês após sua publicação. Ela pode ser acessada em: https://sites.usp.br/grupoeaps/mitos-e-estereotipos-sobre-a-velhice-e-o-envelhecimento/

 

 

Organização Museológica como potencialidade para o âmbito da pesquisa

O presente trabalho foi desenvolvido com o intuito de estimular a pesquisa e facilitar o acesso ao acervo do Centro de Memória da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (CEMEERP/USP) por meio de um banco de dados online, formulado a partir da ferramenta Tainacan e da plataforma WordPress.

 

 

Os desafios e aprendizagens na organização de uma Olimpíada de Química virtual

A ORQ é uma competição colaborativa, com temas sempre atentos aos pressupostos da CTSA (Ciência, Sociedade, Tecnologia e Ambiente), realizada em duas fases que duram quase todo o ano letivo, composta por grupos de alunos e com o diferencial de ser a única no país a realizar provas prática em laboratório.

 

 

Os primeiros passos da  Assessoria Jurídica da Clínica de Direitos Humanos das Mulheres (CDHM – USP)

A Clínica de Direitos Humanos das Mulheres (CDHM – USP) é um projeto de ensino, pesquisa e extensão atrelado ao acesso à justiça e aos direitos humanos das mulheres, sobretudo no que concerne à prevenção e proteção da violência contra mulheres em situação de vulnerabilidade.

 

 

Paisagismo funcional, bem-estar e segurança alimentar: Uma abordagem integrada

Uma das problemáticas levantadas para o campus da EACH-USP Leste foi a falta de espaços verdes, hortas e áreas de convivência. Pensando nisso, este projeto busca criar uma área onde as pessoas possam ficar, com plantas nativas, a partir do paisagismo funcional, integrando a beleza proporcionada pelas plantas, com a solução de problemas localizados na região.

 

 

Papel social dos Cientistas dos Alimentos exercido por meio da disseminação dos seus conhecimentos

Resumo:  Os principais objetivos do presente projeto foram: (1) elaborar livretos informativos em uma linguagem de fácil compreensão em todos os níveis sociais; (2) levar estes conhecimentos até os alunos do Ensino Médio e Técnico por meio de interações em ambiente virtual; (3) possibilitar aos alunos de graduação do curso de Ciência dos Alimentos da ESALQ/USP o convívio o compartilhamento de conhecimento e a prática de extensão e exercerem o seu papel social; (4) elaborar vídeos e material digital para a divulgação dos temas de forma remota ou à distância para atingir a sociedade como um todo.

 

 

Para Além dos Muros da Universidade: Descontrução de Fake News como Recurso Avaliativo no Curso de Pedagogia

Neste trabalho, apresentamos a experiência de uma atividade de extensão utilizada como estratégia avaliativa de uma disciplina oferecida remotamente para alunos do curso de Licenciatura em Pedagogia da Universidade de São Paulo, visando um melhor aproveitamento dos conteúdos abordados, destacando a importância da divulgação científica e que o conhecimento produzido na academia ultrapasse os muros da Universidade.

 

 

Participação de estudantes de graduação na assistência de enfermagem a indivíduos em seguimento em um ambulatório de primeiro episódio psicótico e seus familiares no contexto da pandemia de COVID-19

Intervenções efetivas para indivíduos no primeiro episódio psicótico e seus familiares são fundamentais para o sucesso do tratamento e prognóstico do paciente.

 

 

Passeio virtual também pode ser legal! – Inovação a favor da manutenção da relação Parque CienTec-Sociedade em tempos de pandemia

A situação de pandemia trouxe desafios contundentes, inclusive para dinâmica de espaços de ensino não-formal, como o Parque CienTec da USP. A partir da paralisação das atividades presenciais, buscamos formas alternativas para a manutenção da estreita relação entre o Parque e a Sociedade em geral.

 

 

Pedagogia Hospitalar no Setor de Hemodiálise Infantil: Promovendo o Atendimento Pedagógico Escolar

O objetivo deste projeto de extensão, que ocorre desde 2013, foi dar continuidade ao atendimento pedagógico-escolar às crianças e aos adolescentes com doença renal crônica (DRC) em tratamento hemodialítico. Os dados aqui compartilhados são do 2º. Semestre/2020 ao 1º. Semestre/2021.

 

 

Percepção da comunidade sobre serviços de atividade física durante a pandemia Covid-19

A prestação de serviços de atividade física e esporte por meio de entidade pública pode ser considerada um bem social e deve ser avaliado no sentido de garantir sua qualidade (CHELLADURAI; CHANG, 2000; KO E PASTORE, 2004; MARIANO, 2017; AMARAL; ROCCO JR.; BASTOS, 2018).

 

 

Periferia Livr@: Fortalecendo produção, discussão e ensino de literatura periférica

A Literatura é um elo entre cultura, educação e (re)construção de subjetividades. Nas bordas de São Paulo, inúmeras famílias são afetadas pelo fazer literário (como saraus, slams, produção de livros), seja econômica, social ou simbolicamente.

 

 

PERMAUSP: PERMACULTURA E GEOCIÊNCIAS NA CIDADE DO SOL

O PermaUSP é um núcleo de estudos em permacultura dos estudantes da USP, e foi criado para promover a permacultura na cidade de São Paulo. O projeto consiste em levar a permacultura para a comunidade de Heliópolis por meio de atividades que estão sendo desenvolvidas de forma colaborativa.

 

 

Perspectivas de ensino e aprendizagem por meio de projetos com temas geradores e Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC)

Este trabalho apresenta a contribuição do Grupo de Pesquisa “Difusão Científica em Apoio à Educação Básica” do IEA/USP/Polo São Carlos em parceria com escolas públicas estaduais introduzindo as Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação com temas geradores como recursos didáticos que levam à aprendizagem através de projetos de pesquisa desenvolvidos por alunos com mediação de professores responsáveis pelo projeto na escola. Visou-se aprimorar o conhecimento técnico pedagógico dos professores quanto às possibilidades de planejamento e execução do ensino-aprendizagem com temas relacionados à disciplina de Ciências, nos anos finais do ensino fundamental e médio.

 

 

Perspectivas de um isolamento: ação de engajamento cultural em tempos de pandemia por meio da linguagem fotográfica

Esta publicação apresenta ação cultural “Perspectivas de um isolamento” promovida pelo Centro Cultural USP Bauru da Prefeitura do Campus USP de Bauru. Com a chegada da pandemia, houve a preocupação de que o vínculo entre o serviço e os usuários do campus se perdesse, uma vez que as pessoas já não poderiam frequentar presencialmente as atividades oferecidas.

 

 

Planejamento, Projeto, Produção e Montagem da Exposição: A Trajetória de Jorge Caron

projeto de extensão teve o objetivo de realizar a pesquisa e digitalização do Acervo Jorge Caron, que desde 2006 está sob a salvaguarda da Biblioteca do Instituto de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo.

 

 

Plano de urbanização e regularização fundiária do Banhado – Jardim Nova Esperança, São José dos Campos-SP

O objetivo é apresentar o plano que motivou a publicação em cartilha (impressa e digital) dos resultados do projeto de urbanização e regularização fundiária desenvolvido para a comunidade do Jardim Nova Esperança, conhecido como Banhado (São José dos Campos-SP).

 

 

Plantão Institucional: uma estratégia de formação para equipes profissionais da saúde, educação e assistência social

O Plantão Institucional é um projeto de extensão universitária realizado pelo Serviço de Psicologia Escolar do Instituto de Psicologia da USP que oferece um espaço de formação e de supervisão para equipes de profissionais que atuam em instituições públicas que trabalham no campo educativo.

 

 

Podcast Ciência em Fato

Divulgar através de Podcasts, no formato de entrevista, os resultados de pesquisa científica nacional. Possibilitando o contato com uma mídia digital eficiente na comunicação da ciência e de fácil acesso ao público, promovendo o conhecimento produzido dentro das Universidades brasileiras, principalmente dentro de um contexto pandêmico, onde há a necessidade de divulgação de fatos.

 

 

Podcast Sala TUSP

Podcast do Teatro da Universidade de São Paulo – uma sala virtual onde a gente conta histórias da História do Teatro, em conversas com artistas e pesquisadores convidados.

 

 

Poemas do Romantismo na sala de aula

A elaboração do trabalho foi o resultado do projeto “Análise de poemas do Romantismo no Brasil” (no. 3092), oferecido pelo Programa Unificado de Bolsas (vertente Cultura e Extensão), entre 2020 e 2021, com a coordenação do Prof. Dr. Ricardo Souza de Carvalho, da área de Literatura Brasileira, e a participação do bolsista Lucas Viana Gregório, aluno de graduação em Letras.

 

 

Pontapé Empreendedor

O projeto Pontapé em si, se caracteriza como um plano de ensino de empreendedorismo para alunos do nono ano e ensino médio da rede pública. Vale lembrar que esse plano em questão é totalmente gratuito sendo realizado pelo trabalho voluntário dos membros do Núcleo de Empreendedores

 

 

Portal de Inteligência do Turismo dos Municípios Paulistas

O desenvolvimento do Portal de Inteligência do Turismo dos Municípios Paulistas faz parte do programa USP Municípios e é de responsabilidade de alunos e docentes da Escola de Comunicações e Artes.

 

 

Posvenção: desenvolvimento de um curso de formação para o apoio inicial a enlutados por suicídio

A posvenção apresenta elevado potencial para o manejo de vivências após uma morte por suicídio, sendo uma vertente ainda pouco explorada na área da saúde. Os profissionais de saúde podem fazer a diferença nas abordagens sobre a posvenção, embora ainda existam lacunas nos processos de formação e capacitação sobre a temática. O presente projeto teve como objetivo promover um curso de extensão universitária com foco na formação e capacitação de profissionais da área da saúde para a posvenção do suicídio, por meio do desenvolvimento da telessimulação.

 

 

Potencializa: Potencialização de jovens multiplicadores em contextos periféricos

O Potencializa foi um programa de potencialização para jovens multiplicadores em contextos periféricos que tivessem o desejo de atuar no campo sociopoliticoambiental.

 

 

Práticas do canto coral na pandemia: um relato sobre a criação e desenvolvimento de técnicas de ensaio e gravação de vídeos no Coral da USP de Ribeirão Preto e de São Carlos

O período da pandemia na atividade coral exigiu a criação e desenvolvimento de técnicas para gravação de vídeos em formato “mosaico”. O Coral da USP de Ribeirão Preto e o Coral da USP de São Carlos, através de seus monitores-bolsistas PUB e seu diretor artístico, desenvolveram técnicas de ensaio e de gravação de áudios e de vídeos redundando em trabalhos vocais mais conscientes.

 

 

Prêmio Econoteen de Ensaios

O Projeto Econoteen é uma iniciativa do Departamento de Economia da FEA/USP que tem buscado criar canais de comunicação com a sociedade, visando superar os muros da Universidade e diminuir a distância entre o ensino de Economia e as pessoas que a constroem e a vivenciam.

 

 

Preparando o caminho para a adoção

Esta cartilha foi elaborada por estudantes de graduação e pós-graduação do projeto de Cultura e Extensão Grupos Reflexivos com Pretendentes à Adoção, orientado e supervisionado pela Profª Titular Isabel Cristina Gomes, do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo.

 

 

Prescrição do Dia: Infusão de Alegria. A Proposta da Cia do Riso para Crianças e Adolescentes Hospitalizados

No cuidado à criança e ao adolescente hospitalizado, o processo diagnóstico e terapêutico convencional pode ser ampliado com a incorporação de terapias e métodos complementares com o intuito de privilegiar, também, as suas necessidades emocionais, sociais e culturais. Com este movimento de ampliação do processo, busca-se o cuidado atraumático (provisão de cuidados terapêuticos com intervenções que minimizem o desconforto psicológico e físico experimentado pelas crianças, adolescentes e familiares).

 

 

PREVENÇÃO DA INCIDÊNCIA DA FEBRE MACULOSA BRASILEIRA EM  PIRACICABA,SP: ASPECTOS SOCIAIS

A febre maculosa brasileira (FMB) causa óbitos e este documento mostra questões do tema em Piracicaba, SP. FMB é causada pela bactéria Rickettsia rickettsii, tendo como  vetor o carrapato-estrela (Ambliomma sculptum), sendo alguns de seus hospedeiros a capivara, os equinos, sendo os gambás também atacados. O objetivo aqui é demonstrar as motivações dos frequentadores dos locais onde há a presença de capivaras e gambás,  observando-se que tais espaços oferecem alguma atração para recreação e lazer em Piracicaba, porém são áreas de risco de contágio com a  FMB.

 

 

Prevenção e orientação em saúde frente à pandemia COVID19: um aprendizado  prático inserido em ações sociais em saúde

Esta proposta visa a produção de kits de higiene pessoal (sabonete líquido e álcool em gel) e material de orientação em saúde pelos estudantes da FCFRP-USP para distribuição em comunidades carentes como uma ação de prevenção e combate ao novo coronavirus.

 

 

Prevenção e Tratamento Jurídico para Pessoa em Situação de Endividamento em Ribeirão Preto – SP: Acolher, Esclarecer e Apoiar

O projeto de extensão “Prevenção e Tratamento Jurídico para Pessoa em Situação de Endividamento” foi criado em 2015 com o objetivo de esclarecer a população sobre prevenção e efeitos do endividamento.

 

 

Prevenção e Tratamento Jurídico para pessoa em situação de endividamento em Ribeirão Preto-SP: acolher, esclarecer e apoiar

O esclarecimento do endividamento para a população geral é de suma importância para compreensão dos efeitos jurídicos e consequências que o inadimplemento pode ocasionar na vida das pessoas.

 

 

Pró-UBAS USP: aplicação web para ampliação do acesso à saúde e promoção do bem-estar

Nota-se o crescente fomento à sustentabilidade, tanto no âmbito geopolítico, como também nas Universidades, por meio do estabelecimento de Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).O presente estudo tem como intuito desenvolver uma aplicação web a fim de otimizar o acesso dos usuários aos serviços de atenção e promoção à saúde ofertados pela Universidade de São Paulo (USP).

 

 

Produtos de divulgação do patrimônio geológico do estado de São Paulo como estratégia de geocomunicação e geoconservação

Discutir o papel do homem como agente geológico, construindo e impactando paisagens, é uma oportunidade de divulgar e promover conceitos geocientíficos. O uso de recursos facilitadores desta comunicação gera uma conexão direta com o público, ou seja, transmitem a linguagem científica de forma acessível. A elaboração de produtos de divulgação a partir de propostas gráficas, digitais e interativas é apresentada neste trabalho por meio de dois materiais interpretativos: i) o livro “Patrimônio Geológico Paulista: uma viagem no tempo geológico em 50 geossítios” e ii) uma série de Geo Cartões. Esses dois recursos estão vinculados à pesquisa básica resultante do projeto de Inventário do Patrimônio Geológico do estado de São Paulo organizado pelo Grupo de Pesquisa em Geoconservação do Instituto de Geociências (IGc USP). Através destas estratégias para fomentar e promover atividades de pesquisa, debate e extensão nas áreas de Patrimônio Geológico,

 

 

Produzindo Vídeos sobre Arqueologia do Mediterrâneo Antigo

Trata-se de um relato de experiência sobre a execução do Projeto PUB “Produção de Vídeos em Arqueologia do Mediterrâneo Antigo” (edital 2020-2021) que articula conhecimentos da Arqueologia e do Audiovisual para fins de divulgação de conhecimentos sobre Arqueologia do Mediterrâneo Antigo para a sociedade em geral.

 

 

Programa de condicionamento físico com games interativos para crianças obesas e/ou sobrepeso “Projeto Exergames Jogando pela Vida”

São vários os males que afetam a humanidade, porém são indiscutíveis o avanço do sedentarismo e as mazelas que o acompanha no terceiro milênio. Não se pode negar que o aumento do sedentarismo em âmbito mundial está relacionado, de certa forma, aos avanços tecnológicos. Por mais paradoxal que possa parecer, os mesmos avanços que contribuem para a melhora da qualidade de vida,

 

 

Programa de Cooperação com Empresas: Contribuindo com a Tecnologia e a Economia do País

Os benefícios da parceria entre centros de pesquisa e empresas vão além do desenvolvimento de um produto, mas podem aquecer a economia, fomentar a produção de alta tecnologia brasileira, e gerar empregos e tributos.

 

 

Programa de Educação e Orientação sobre Traumatismos Dentários: Professora, machuquei meu dente! E agora?

Os traumatismos dentários podem ter um grande impacto na qualidade de vida, não só pela situação de urgência que acarreta, mas pelo envolvimento emocional da criança e de seus familiares. O primeiro atendimento, a conduta correta frente aos diferentes tipos de traumas e a agilidade para encaminhar o caso ao especialista são de extrema importância para o prognóstico favorável.

 

 

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO FÍSICA PARA IDOSOS DA USP: RESULTADOS E REFLEXÕES EM EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

Apresentamos resultados do Programa de Educação Física para Idosos da USP e reflexões associadas a ele. O projeto iniciou em 2013 (primeiro na EEFERP para comunidade externa à Unidade) e consiste em aulas de Educação Física (três horas por semana) e avaliações de saúde, inclusive análises genéticas e epigenéticas (850 k sítios de metilação e 640 k de genotipagem por amostra),

 

 

Programa de Educação Patrimonial na Casa de Dona Yayá

Em 2019, iniciou-se no Centro de Preservação Cultural (CPC/USP) a reorganização das atividades do setor educativo, contemplando a elaboração de um Programa de Educação Patrimonial que visava orientar e nortear a ação educativa a partir de princípios e fundamentos teóricos coerentes e articulados.

 

 

Programa de Extensão de Serviços à Comunidade (PESC): 20 Anos de História

O Programa de Extensão de Serviços à Comunidade (PESC), vinculado à Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Atuária da Universidade de São Paulo (FEA/USP), completa 20 anos de aplicação do conhecimento acadêmico junto a entidades do terceiro setor por meio de de-senvolvimento de projetos de impacto social.

 

 

Programa de formação sobre Pagamento por Serviços Ambientais para catadores de material reciclável e servidores municipais

O presente trabalho trata de uma pesquisa qualitativa, incluindo ações de extensão sobre o tema Pagamento por Serviços Ambientais para catadores de materiais recicláveis, tendo como objetivo principal a capacitação de catadores cooperados ou associados e técnicos da prefeitura municipal de São Paulo.

 

 

Programa Empreendedorismo-Escola: A Trilha para Disseminar a Cultura Empreendedora na Universidade

O presente artigo aborda, por meio de um estudo de caso realizado na Universidade de São Paulo (USP), as maneiras pelas quais a cultura do empreendedorismo vem sendo disseminada e, as ações em prol do empreender no tripé ensino, pesquisa e extensão, que veem sendo realizadas.

 

 

Programas para alunos pré-universitários e público em geral via YouTube: contribuindo para a educação e divulgando a ciência

O ensino de ciência no Brasil vem demonstrando sua importância todos os dias, em contextos diversos, na forma como a população encara seus dilemas e desafios em comparação com o conhecimento científico vigente.

 

 

Projeto 3 vezes 22

O projeto 3 vezes 22 está alicerçado na convicção de que a Universidade de São Paulo deve estreitar seus laços com a sociedade, permitindo que as barreiras existentes entre o grande público e o universo científico e acadêmico seja suprimido.

 

 

Projeto Biguá: preparação dos alunos do ensino fundamental II para o ensino médio técnico

O Projeto Biguá foi realizado no ano de 2019 na Escola Estadual Prof. Joaquim Ferreira Pedro de Lorena, tendo como público-alvo estudantes do 8º e 9º ano do ensino fundamental II. O objetivo foi motivar e preparar os estudantes dessa escola localizada na periferia do município de Lorena para o ingresso em escolas técnicas de nível médio.

 

 

Projeto Cinema e Corpo: desde 2011 formando público no CINUSP Paulo Emílio

O Projeto Cinema e Corpo, uma parceria do CINUSP Paulo Emílio e do Grupo PULA (EEFE- USP), visa aproximar reflexões das áreas do Esporte, da Educação Física e do Lazer a outras áreas do conhecimento, tendo o cinema, o corpo e o movimento como pontos de intersecção

 

 

Projeto Crianças do CRUSP

Iniciado em 2003, por estudantes da USP, em parceria com AMORCRUSP, SAS, Creches/Pré-escolas da USP e desde 2009, sob coordenação da Profa. Dra. Patrícia Prado, FEUSP, pelo PUB-USP, este Projeto de cultura e extensão em Educação não formal desenvolve propostas educativas, lúdicas e artísticas, por educadores de diversas licenciaturas, com crianças moradoras do CRUSP – cerca de 30 crianças, de 2 a 12 anos, de 2ª a 6ª feira, das 19h às 21h e em finais de semana especiais, em uma sala equipada com brinquedos, livros e jogos no CRUSP, a Salinha das Crianças, além das áreas livres próximas, visitas às praças e museus da Universidade, passeios e viagens.

 

 

Projeto de Acessibilidade do Monumento Nacional Ruínas Engenho São Jorge dos Erasmos (PRCEU USP, Santos): maquete tátil e mapa tátil

Projeto de elaboração de maquete e planta táteis da Base Avançada de Cultura e Extensão, objetivando ampliar atendimento a pessoas com deficiências visuais, dentro de uma política de inclusão.

 

 

Projeto de Apoio Psicológico Online: uma estratégia de acolhimento ao sofrimento psíquico em tempos pandêmicos

O Projeto Apoio Psicológico Online (PAPO), foi criado no contexto da pandemia de Covid-19, em março de 2020, tendo por objetivo oferecer à comunidade uspiana um espaço de apoio e elaboração psíquica para os sofrimentos e angústias desencadeados ou intensificados pelas vivências no período pandêmico.

 

 

Projeto de Cultura e Extensão sobre Ética para Crianças e Adolescentes

Trata-se de proposta direcionada pelo Programa Unificado de Bolsas, que visa trabalhar com os alunos do ensino fundamental de escolas públicas, temáticas que delineiam a atualidade do corpo social, introduzindo uma concepção prático-teórica no desenvolvimento de conceitos que são fundamentais para a construção de um pensamento crítico e social. O posicionamento do jovem frente ao mundo é fundamental para a manutenção do estado democrático de direitos, conseguindo reconhecer seus direitos e mudar a sua realidade e da comunidade.

 

 

Projeto de Extensão Universitária Biocientista Mirim em Prol da Alfabetização Científica Cidadã

O Projeto Biocientista Mirim (BM) se conecta e justifica aos princípios que norteiam a extensão universitária ao aproximar a universidade à sociedade, viabilizando a formação da comunidade acadêmica nos processos de desenvolvimento sustentável e fortalecimento da cidadania, e contribuindo na formação de um profissional completo e socialmente consciente.

 

 

PROJETO DE INCENTIVO À LEITURA: CIRCULANDO LIVROS E SABERES

O Projeto visa incentivar na universidade e na comunidade de Piracicaba ações de incentivo a leitura. As ações buscam o incentivo a doação e a circulação de livros, para sejam instrumentos vivos e promotores de processos de criação, educação e construção. Os livros recebidos no campus de Piracicaba são triados e distribuídos em espaços de leitura dentro do campus (carrinho itinerante, nas estantes da central de aulas, entre outros) e em bibliotecas públicas e comunitárias de diversos bairros de Piracicaba.

 

 

Projeto de modernização do Acervo Coralusp

O Projeto de Modernização do Acervo Coralusp implementado com a ajuda da Pró Reitoria de Cultura e Extensão e com o auxilio da bolsa PUB visa mostrar que o Acervo tem características ricas e próprias que observam as particularidades de cada material: partituras, fotografias, documentos, mídias, etc

 

 

Projeto Dente de Leite, apoiado pelo Santander e Pró Reitoria de Cultura e Extensão Universitária, leva promoção de saúde em Odontopediatria a pessoas de diversos países, estados e cidades

O objetivo desse trabalho foi produzir, gravar e disponibilizar gratuitamente músicas infantis voltadas para educação/promoção de saúde em Odontopediatria e avaliar o público alcançado por meio das redes sociais. Metodologia: As canções foram escritas pela Prof.ª Dr.ª Alexandra Mussolino de Queiroz e pós-graduanda Paôla Caroline da Silva Mira. Todas as canções visaram estimular a aproximação da criança e de temas de saúde bucal de forma lúdica, divertida e artística. Após produção musical, as canções foram disponibilizadas em redes sociais e os dados gerados foram utilizados para avaliação  do alcance de público.

 

 

Projeto Desenvolver: Liderança e Ambiente de Trabalho Seguro

O clima organizacional influencia a segurança e saúde do trabalhador Proteger os funcionários de acidentes e problemas de saúde, além de ser um dever legal e ético, é sinal que a organização cuida dos seus A má liderança pode resultar em riscos de saúde e insegurança ocupacional Logo, o objetivo foi desenvolver os enfermeiros que ocupam cargos de liderança com foco na gestão da segurança em saúde ocupacional.

 

 

Projeto Editorial e Produção de Ferramenta Educativa: “ Guia de Aves do Engenho dos Erasmos”

O Projeto consistiu na elaboração do “Guia de Aves do Engenho dos Erasmos”, sítio arqueológico sob a guarda da PRCEU USP, em Santos (SP), que abriga a mais antiga evidência física preservada da colonização portuguesa em território brasileiro.

 

 

Projeto Exercício Coração (LAHAM/EEFEUSP): Ação remota durante a pandemia do COVID-19

O Projeto Exercício e Coração tem por objetivo dar subsídios para prática de atividade física para a saúde através de atuação presencial em um parque público

 

 

Projeto Extensão Solidária

O Projeto Extensão Solidária, atualmente vinculado à Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto – USP é um Projeto de Extensão que busca proporcionar uma maior interação entre os estudantes da universidade e a população das comunidades carentes da região.

 

 

Projeto Fênix-USP: Promoção e intervenções em saúde mental no contexto da pandemia da Covid-19

O cenário de pandemia da Covid-19, juntamente com o distanciamento social, trouxeram impactos na saúde mental da população, como a geração de emoções negativas e a diminuição de emoções positivas. Assim, o Projeto Fênix-USP tem o objetivo de promover e intervir em saúde mental no contexto de pandemia oferecendo um espaço de escuta, acolhimento e atendimento psicológico breve a crianças, adolescentes, adultos e famílias que apresentam sofrimento devido aos efeitos da pandemia da Covid-19 e do distanciamento social.

 

 

Projeto Floki

O projeto consiste no design e construção de uma embarcação tripulada e certificada pela Marinha para o Desafio Solar Brasil – competição para barcos movidos exclusivamente a energia solar. Casco, propulsão e demais sistemas serão projetados integralmente pelas equipes responsáveis, garantindo um protótipo inovador e sustentável.

 

 

Projeto Horta Comunitária da FSP-USP: estratégia educativa para abordar sistemas alimentares sustentáveis e a educação ambiental, alimentar e nutricional

O tema da sustentabilidade tem tido um papel central na reflexão acerca das dimensões do desenvolvimento e das alternativas que visam garantir equidade e articular ações entre o global e o local.

 

 

Projeto Horti+: A importância de valorizar aquilo que é bom

O Horti+ visa ser um projeto replicável que promova uma alimentação saudável pautada na agricultura regional, possibilitando condições mínimas de permanência dos agricultores locais, por meio do desenvolvimento de um espaço otimizado. Assim, o projeto tem como principal objetivo a criação de um aplicativo de delivery de modo que estes agricultores tenham maior autonomia em suas vendas e divulgações.

 

 

Projeto Intervenção Educativa como Ferramenta da Gestão de Resíduos Sólidos no Campus “Luiz de Queiroz”

Resumo:  O projeto visa a realização de intervenções educativas com a intenção de avaliar/melhorar o sistema de coleta seletiva no campus “Luiz de Queiroz” bem como desenvolver ações que estimulem a redução da geração de resíduos, usando a educação ambiental. São levantadas informações dos departamentos e setores do campus a respeito dos problemas e questionamentos sobre a correta destinação dos resíduos sólidos produzidos.

 

 

Projeto Laika

O Projeto Laika consiste no desenvolvimento de um veículo lançador, movido á propulsão sólida e capaz de atingir 500 metros de apogeu acima do nível do solo, sendo inteiramente consolidado por membros recém ingressos no grupo de extensão TOPUS Projetos Aeroespaciais.

 

 

Projeto MINIMUS INTERDISCIPLINAR: Grego e Latim, Filosofia, História e Arqueologia da Antiguidade Clássica na Rede Pública de Ensino Fundamental

O Projeto Minimus, ano IX: Grego e Latim no Ensino Fundamental, para o qual já foram concedidas 08 bolsas PUB, visa a orientação e coordenação de alunos da USP que ministrarão, como monitores na EMEF Desembargador Amorim Lima, aulas de Língua Grega I e Língua Latina I (que são matérias obrigatórias, inseridas na grade curricular da escola desde o início do projeto Minimus em 2013), para aproximadamente 200 alunos do 5o e 7o anos (EF1 e EF2).

 

 

Projeto Saberes

O Projeto Saberes teve início em 2019, buscando fornecer um espaço de escuta terapêutica aos alunos do cursinho popular FEAUSP, que apresentavam queixas crescentes de ansiedade em relação à vivência associada ao vestibular. Está associado ao psiA (Laboratório de Pesquisas e Intervenções em Psicanálise), associado ao Departamento de Psicologia Clínica do IPUSP, e foi contemplado com bolsa PUB.

 

 

Projeto Santuário: Promoção de saúde através da educação humanitária

O Projeto Santuário é uma atividade de extensão da FMVZ-USP. Criado em 2009, atua na educação e promoção da Saúde Única na comunidade através de palestras, jogos, teatro, e histórias em campanhas de castração e outras iniciativas de nossos parceiros. Devido à pandemia de covid-19, tais ações tiveram de ser suspensas, dando espaço para o Projeto buscar outras formas de comunicação com a população.

 

 

Projeto Sociologia em Movimento: Oficinas de Sociologia em escolas públicas

O presente texto visa apresentar as atividades do Sociologia em Movimento desde sua fundação até o presente momento, e compartilhar nossos resultados com um público mais amplo. O Sociologia em Movimento é um grupo de extensão ligado à Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo.

 

 

Projeto Tatame Amigo

O projeto Tatame amigo apresenta como objetivo oferecer um espaço de vivência prática aos discentes do curso de bacharelado em Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo (EEFERP/USP), em intervenções pedagógicas voltadas a iniciação esportiva para crianças de seis a 10 anos, num ambiente extra-muros do campus universitário, além de buscar aproximar a Policia Militar e a Universidade de São Paulo da comunidade a partir da oferta de atividades esportivas sistematizadas,

 

 

Projeto Travessia: um relato sobre o caminho percorrido

O Projeto Travessia atua desde 2018 oferecendo atendimento psicoterapêutico para os estudantes do cursinho pré-vestibular Florescer. O trabalho realizado pelo projeto é atravessado por sofrimentos decorrentes de questões de classe, raça e gênero, sendo a motivação principal o apoio ao seu público-alvo durante esse específico momento de suas vidas, atendendo a demanda do cursinho Florescer e promovendo a permanência de seus estudantes.

 

 

Promoção da saúde mental de crianças e cuidadores em contexto de deficiências no distrito de Parelheiros, São Paulo

No Brasil, 23,9% da população têm algum tipo de deficiência, dessas, 7,5 % são crianças de até 14 anos de idade, em São Paulo, cerca de 1 milhão de pessoas.

 

 

Promoção de cheerleading no Campus USP de Ribeirão Preto

O projeto intitulado “Promoção de cheerleading no Campus USP de Ribeirão Preto” tem como público alvo alunos de graduação e a comunidade externa, tendo como objetivo promover a prática de Cheerleading e oportunizar o aprendizado e a qualificação dos discentes. Os monitores do projeto de cheerleading são responsáveis pela organização e montagem das aulas e também participam de reuniões e grupos de estudo semanais.

 

 

PROMOÇÃO DE SAÚDE COMO ESTRATÉGIA DE EMPODERAMENTO DE PESSOAS IDOSAS DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19: Grupo Nova Idade

Objetivo: Fomentar atividades multidisciplinares que estimulem o empoderamento e envelhecimento saudável de idosos no período de isolamento social devido a pandemia da Covid-19. Método: Estudo descritivo do tipo relato de experiência em um grupo de extensão desenvolvido pelo Núcleo de Pesquisa em Geriatria e Gerontologia-NUPEGG.

 

 

Promoção de saúde mental em pandemias e situações de desastres: Desenvolvimento de uma cartilha educativa para o cuidado em saúde mental

Eventos estressantes, como desastres e pandemias, se caracterizam por serem situações críticas com significativos efeitos na saúde mental da população. O presente trabalho teve como objetivo o desenvolvimento de um material educativo com foco na promoção de saúde mental em situações de pandemia e desastres.

 

 

Promoção de Saúde Mental para Mulheres Privadas de Liberdade nas Penitenciárias Femininas da Região de Ribeirão Preto, Sp

O encarceramento do Brasil aloja quase 38 mil mulheres, dentre as 1.507 unidades prisionais, sendo considerado o 4° país com a maior população carcerária do mundo. A limitação de liberdade, interrupção de laços familiares e baixo acesso às estratégias de inserção social, podem aumentar a vulnerabilidade da saúde mental destas mulheres e contribuir para o desenvolvimento de transtornos psiquiátricos, tais como ansiedade e depressão.

 

 

Propaga Química – O canal de divulgação científica

O projeto visa a produção de conteúdo digital para as redes sociais criadas para o “Propaga Química” em diferentes plataformas e formatos. Em específico, concentrou-se as atividades na produção de conteúdo audiovisual na forma de “lives”, vídeos para o Youtube e publicações nas redes Facebook e Instagram; e com apenas um ano e meio de exposição, contem muitos seguidores externos ao público USP, com grande número de visualizações do público geral (entre seguidores e não seguidores).

 

 

Proposta Educativa para prevenção e redução da morbimortalidade por Doenças Cardiovasculares: uma estratégia conjunta de política pública entre a USP e AREPAH a nível municipal

A abordagem intensiva dos Fatores de Risco Cardiovasculares(FRC) justifica-se pela etiopatogenia, cronicidade, necessidade de controle permanente e intervenções precoces no tratamento de comorbidades. Neste sentido são necessárias ações educativas permanentes que visam uma intervenção e diagnóstico precoce para prevenir ocorrências e eventos futuros com sérias implicações econômicas e sociais a nível pessoal, familiar e governamental

 

 

Protagonismo feminino no MAE-USP

Apresentam-se os projetos de extensão relacionados ao Projeto PUB: “Concepção de conteúdos digitais dos processos museológicos do MAE- USP”, surgidos da necessidade do Museu de maior atuação no ambiente virtual em decorrência da pandemia em 2020. O primeiro é o “Projeto Meninas: Arqueólogas, Etnólogas, Museólogas e o que mais quiserem”, que envolve conversas virtuais com meninas do ensino fundamental II e ensino médio bem como indicações de leitura semanais, em nossas redes sociais, de obras voltadas ao público e temática do projeto, dando preferência a livros de autoria feminina.

 

 

Psicologia e povos indígenas: parcerias para a promoção do bem-viver

Nossas ações envolveram, especialmente, três comunidades indígenas: Tekoa Yyrexakã, da Terra Indígena Tenonde Porã, São Paulo/SP; Tekoa Tangara, em Itanhaém/SP; Tekoa Pyau, na Terra Indígena Jaraguá, São Paulo/SP. Elaboramos uma cartilha implementada como material didático dos cursos de língua e cultura Guarani; em parceria com preceptores indígenas, realizamos dezenas encontros interétnicos virtuais entre comunidades indígenas e o público-alvo; elaboramos um folheto e um vídeo sobre cultura Guarani para divulgação em escolas; fomentamos a reflexão nas comunidades envolvidas, sobre turismo de base comunitária, construção e manutenção da infraestrutura,

 

 

Psicologia Escolar e Práticas Institucionais

Realizamos um estágio no campo da psicologia escolar a partir da disciplina Psicologia Escolar e Práticas Institucionais, juntamente com o Serviço de Psicologia Escolar do IP e a EMEF Desembargador Amorim Lima. Tivemos contato virtual com a diretora, uma visita presencial à escola, supervisões e aulas teóricas. Foi uma experiência muito enriquecedora em termos de formação, e um modelo potente em termos de extensão.

 

 

PSICOLOGIA PARA CRIANÇAS: PSICOEDUCANDO CRIANÇAS A PARTIR DE BIBLIOTERAPIA

Durante a infância, marcos essenciais acontecem, e é importante facilitar o desenvolvimento da capacidade de compreensão emocional nessa fase.

 

 

Qualificação profissional na Atenção Primária à Saúde: Oficina de Promoção da Alimentação Saudável e da Atividade Física e Práticas Corporais

Relato de experiência da realização de uma oficina para educação permanente em saúde com profissionais de nível superior. A oficina de promoção da alimentação adequada e saudável e da atividade física e práticas corporais é uma qualificação de 30h composta por 6 módulos. Foram ofertadas 36 vagas para os municípios que compõem o Grande ABC Paulista.

 

 

QUER SABER? ENTÃO VAMOS BRINCAR!!!!!

A hospitalização na infância é geralmente considerada um evento estressante e, por vezes, fora de controle para a criança, o adolescente e sua família. Envolve  a necessidade de procedimentos diagnósticos e terapêuticos considerados ameaçadores e desconhecidos, o que pode gerar medo e ansiedade aos envolvidos.

 

 

Química Animal: um jogo digital de divulgação científica

Jogos proporcionam uma alternativa interessante para a diversificação da exposição de temas científicos e tecnológicos em uma linguagem acessível e contemporânea.

 

 

Recomendações para projetos acadêmicos em periferias e favelas: considerações a partir do censo realizado pelo IEA-USP

Este trabalho visa apresentar recomendações para o desenvolvimento de projetos acadêmicos em periferias e favelas a partir de uma iniciativa de pesquisa e extensão desenvolvida pelo IEA-USP. Trata-se de um conjunto de reflexões sistematizadas por moradores de territórios pesquisados que atuaram como articuladores locais de um censo populacional realizado em comunidades vizinhas a dois campi universitários. Essas reflexões são fruto de uma experiência de dois anos de participação no trabalho de campo, reuniões de equipe e diálogos entre universidade e comunidades.

 

 

Registro histórico por meio de relatos biográficos de docentes aposentados: valorizando e reconstruindo a história da FEUSP (parte 1)

A primeira parte deste projeto de pesquisa visou o estudo e coleta de dados biográficos de docentes aposentados da Faculdade de Educação da USP, cujo objetivo foi dar início a criação de um registro histórico público.

 

 

Relato de experiência de uma liga acadêmica de pesquisa científica instalada em uma instituição de ensino superior

Uma Liga Acadêmica é uma entidade sem fins lucrativos. A Liga Acadêmica de Pesquisa Científica, presta assistência à saúde na modalidade científica, incentivando à docência; pesquisa científica e iniciação científica; facilitação do conhecimento metodológico científico e proximidade com atualizações e inovações da ciência, bem como colaborar na orientação de trabalhos científicos, promover cursos, palestras e debates, propiciando o desenvolvimento de seus membros como futuros profissionais da saúde. Assim, este estudo tem como objetivo analisar e descrever a experiência de inserção de alunos,

 

 

Relevância de programas de Extensão da FOUSP no processo de ensino e aprendizagem

A Universidade Pública deve ser canal de comunicação entre Ciência e Sociedade. O Setor de Urgências da Faculdade de Odontologia (SUO-FOUSP) tem como missão atender a população com queixa dolorosa por livre demanda.

 

 

Remama ON: Programa de Atividades Físicas Multicomponentes para Mulheres Sobreviventes de Câncer de Mama

O Remama é um projeto de extensão universitária que recebe mulheres sobreviventes de câncer de mama para treinamento de canoagem dragon boat na raia olímpica da Universidade de São Paulo (USP). Com a interrupção das atividades presenciais em decorrência da pandemia de COVID-19, viu-se a necessidade de uma alternativa para as alunas se manterem ativas.

 

 

REMAMA-ON: tele condicionamento físico para sobreviventes de câncer de mama

O programa Remama, que oferece canoagem para sobreviventes de câncer de mama, teve suas atividades interrompidas em março de 2020 pela pandemia da COVID-19.

 

 

Repositório de Educação Integral para a Sexualidade, HIV/aids e Diversidade

O Repositório de Educação Integral para a Sexualidade, HIV/aids e Diversidade é uma iniciativa do Programa USP Diversidade e consiste em uma plataforma digital interativa que reune e dissemina a produção acadêmica (científica, artística e técnica) e outros conteúdos, com base nas mais recentes evidências científicas, sobre temas relacionados à promoção da saúde sexual e reprodutiva, prevenção do HIV/aids, diversidade e direitos humanos.

 

 

REPRODUÇÃO EM MODELOS TRIDIMENSIONAIS (3D) DOS PRÉ-ESTÔMAGOS DE  BOVINO

Resumo:  O presente trabalho teve o objetivo de produzir uma réplica 3D e material digitalizado interativo 3D baseado em uma peça original de estômago de bovino. O material produzido poderá servir para auxiliar as aulas de anatomia veterinária.  Utilizou-se um estômago de bovino desenvolvido pela técnica de repleção estomacal, pertencente ao Museu de Anatomia Veterinária – MAV – FMVZ/USP.

 

 

Ressuscitação cardiopulmonar: conhecimento dos professores e funcionários da educação básica de uma cidade do interior do estado de São Paulo

Objetivo. Avaliar o conhecimento sobre Suporte Básico de Vida (SBV) com o uso do Desfibrilador Externo Automático (DEA) dos professores e funcionários do ensino básico,

 

 

Revisitando o passado e vislumbrando o futuro: as produções inéditas da OSUSP para o Projeto 3 X 22

A Orquestra Sinfônica da USP (OSUSP), ao ser fundada pelo eminente compositor Camargo Guarnieri como órgão da Universidade de São Paulo, nasceu predestinada a dedicar-se intensamente ao fomento da produção nacional de vanguarda.

 

 

Revista Digital Piracicaba a gosto, homenagem aos 253 anos de Piracicaba

Revista digital com 31 imagens e 31 textos poéticos da cidade de Piracicaba em homenagem ao aniversário de Piracicaba.

 

 

RIOS URBANOS – Urbanização, meio ambiente e inclusão social

O presente trabalho tem como finalidade apresentar o projeto de urbanização e de planejamento ambiental no combate às desigualdades sociais, vulnerabilidades ambientais e em favor da con-cretização dos direitos humanos em assentamentos precários do Estado de São Paulo. Com essa finalidade, o trabalho parte das ocupações irregulares, informais ou ilegais de fundos de vale, localizadas ao longo de rios e com altas taxas de violência, segregação social e pobreza para um trabalho extensionista de planejamento e projeto com envolvimento com a comunidade.

 

 

RoboWeekend

O RoboWeekend é um evento de robótica, realizado durante um final de semana, que traz temas atuais e relevantes na área para toda a sociedade. É uma iniciativa do Grupo SEMEAR, um grupo de robótica de graduação da USP, em parceria com o Centro de Robótica da USP São Carlos (CRob).

 

 

Roda de conversa Let’s Talk Business and Economics

Resumo:  O objetivo do projeto foi propiciar uma atividade, que foi denominada como roda de conversa, em que os participantes pudessem praticar conversação em língua inglesa, principalmente no que se refere a negócios e economia.

 

 

Roda de Saberes da Capoeira: relato de uma experiência pedagógica virtual

Com o advento da pandemia de Covid 19 e a impossibilidade de realização de atividades presenciais e com o objetivo de dar continuidade, de forma virtual, às ações do projeto da Capoeira do CEPEUSP, foi dado início ao projeto “Roda de Saberes da Capoeira” com o intuito de oferecer aos alunos a oportunidade de construir conhecimentos no ambiente virtual à partir da interação com pesquisadores, praticantes, Mestres e Mestras desta arte, que abordaram, nas 14 “rodas” promovidas, aspectos culturais, históricos, educacionais e sociais relacionados à Capoeira. Consideramos que os resultados do projeto foram positivos, atendendo ao objetivo de fazer da Roda de Saberes da Capoeira um espaço dialógico com a sociedade.

 

 

Roteiro Geoturístico Virtual – As Rochas que Construíram o Centro Velho de São Paulo: Geodiversidade no Patrimônio Construído

Este trabalho consiste na publicação de um roteiro virtual do Centro Velho de São Paulo aberto à comunidade extra-acadêmica, no qual se destaca o uso de várias rochas ornamentais nos monumentos históricos. O projeto foi desenvolvido no Núcleo de Apoio à Pesquisa em Patrimônio Geológico e Geoturismo (GeoHereditas – USP).

 

 

Saberes em Diálogo: comunidade, escola e universidade na construção da educação quilombola no município de Barra do Turvo-SP

Este projeto visa contribuir na construção da educação quilombola em Barra do Turvo, a partir da articulação dos saberes das comunidades, a prática dos professores do ensino básico e os saberes da universidade. Em 2019 realizamos 21 oficinas (culinária, infância, agricultura quilombola, artesanato e devoção) nas comunidades, com cerca de 600 alunos, 30 professores, 60 auxiliares de ensino, cerca de 100 integrantes das comunidades e 11 membros da USP.

 

 

São Carlos: Arte, Ciência, Cultura e Tecnologia no Centro Cultural e TUSP

O projeto São Carlos: Arte, Ciência, Cultura e Tecnologia no Centro Cultural e TUSP , na perspectiva de cumprir com a missão estabelecida pela PRCEU, de contribuir na formação cultural da comunidade universitária, da cidade e da região, elaborou um programa de ações culturais de  caráter colaborativo, implantado em fases, sob a coordenação do Grupo Coordenador das Atividades de Cultura e Extensão Universitária (GCACEx), do Centro Cultural da USP e do Teatro da Universidade de São Paulo – TUSP.

 

 

Saúde Mental e Projetos de vida: Promoção da saúde em Instituições de Ensino

A Promoção da saúde mental na adolescência tem mostrado boas práticas para desenvolver habilidades emocionais para os adolescentes enfrentarem situações desafiadoras em sua rotina.

 

 

Saúde mental e relações de trabalho solidárias: apoio à implementação do comércio eletrônico dos empreendimentos do Ponto de Economia Solidária e Cultura do Butantã como forma de buscar a viabilidade econômica no cenário da COVID-19

O Ponto de Economia Solidária e Cultura do Butantã é um espaço da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Paulo inaugurado em março de 2016, e tem como diretriz a inclusão social de usuários da rede de saúde mental através de projetos de geração de renda no campo do cooperativismo e da autogestão.

 

 

SEMANA DA EDUCAÇÃO FEUSP 2020

A Semana da Educação (SE) surge em 1983 e, após um intervalo, o corpo discente reassume sua organização em 2017 com o apoio da Comissão de Graduação. Pautada pelo desejo coletivo de calouras(os) do ano de 2016 de ampliar, aos/às estudantes da Faculdade de Educação da USP (Feusp), o acesso aos espaços de formação universitária, para além do cumprimento dos créditos em disciplinas e atividades de pesquisa, a SE sempre ensejou a democratização do acesso ao ensino a partir do constante diálogo entre Universidade e sociedade civil.

 

 

Semana da óptica – Semóptica

A Semana da Óptica – Semóptica, é um evento realizado pelo Grupo de Óptica “Milton Ferreira de Souza”, do IFSC, desde 1996. Com o objetivo principal de atingir o grande público no que diz respeito à ciência e tecnologia, realizamos anualmente aulas, palestras e exposições científicas em locais públicos.

 

 

Semântica na Escola!

Neste trabalho, defendeu-se a hipótese de que a Semântica Formal oferece recursos para que o significado das sentenças e as relações lógicas entre elas sejam analisadas sob um ponto de vista diferente do usual, considerando-se a língua como um conjunto de regras que se aplica recursivamente.

 

 

Semântica para o Ensino Fundamental: material digital

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) estabelece a análise linguística/semiótica como uma das áreas temáticas do ensino de língua portuguesa. Entretanto, esse conteúdo, além de superficial, encontra-se disperso entre os diversos temas voltados principalmente aos gêneros discursivos.

 

 

Serviço de Fisioterapia Especializada do Ambulatório de Disfunção Temporomandibular e  Cefaleia do CER/HCFMRP: características e demanda

Objetivos: Divulgar a atividade de extensão realizada pelo Ambulatório de DTM e Cefaleia, mostrar a demanda do serviço e as características dos pacientes. Métodos: Descrição dos pacientes que foram encaminhados do ACEF com disfunções musculoesqueléticas devido as cefaleias para a fisioterapia especializada.

 

 

SHOW DE CIÊNCIAS: ESTIMULANDO O ENSINO DE CIÊNCIAS NO CICLO BÁSICO DE LORENA E REGIÃO

O Show de Ciências da EEL USP fundamenta-se na realização de atividades de extensão promovendo a integração, aproximação e parceria da universidade e da comunidade, visando à articulação do ensino e pesquisa com as demandas da sociedade. Trata-se de um projeto em 7ª ed. que busca a continuidades das ações iniciadas em 2012 com a criação do curso de Engenharia Física.

 

 

Sistema de descarte correto de medicamentos: estratégia para uso racional de medicamentos e identificação do perfil de descarte

A expansão do desenvolvimento e comercialização de medicamentos leva ao aumento das “farmácias caseiras”, com acúmulo de medicamentos nas residências.

 

 

Sistemas Cársticos e a Importância das Águas Subterrâneas para a comunidade de Iraquara na Chapada Diamantina

A presente pesquisa tem como principal objetivo promover o intercâmbio dos saberes culturais e científicos, entre a comunidade acadêmica e os atores sociais do município de Iraquara – BA. Escolheu-se como técnica de coleta de informações a entrevista semiestruturada.

 

 

Smartphones como tecnologia assistiva para pessoas com deficiência auditiva: elaboração de uma cartilha informativa

Tendo em vista as dificuldades de comunicação impostas pela deficiência auditiva , muitas pessoas  não procuram as soluções tradicionais fornecidas pelos dispositivos de amplificação.

 

 

SolloNews: ferramenta de comunicação digital técnico-científica em ciências agrárias e ambientais

Congressista: Sabrina Aparecida dos Santos Silva Unidade USP: Escola Superior de Agricultura – Luiz de Queiroz –   Título: SolloNews: ferramenta de comunicação digital técnico-científica em ciências agrárias e ambientais …

 

 

Sorrindo na Infância com Saúde – PET Odontologia FOB/USP e HEB

Sorrindo na Infância com Saúde” do PET Odontologia FOB-USP é um projeto interdisciplinar que conta com alunos de graduação em medicina e alunos de graduação e pós-graduação em odontologia, atuando na ala pediátrica do Hospital Estadual de Bauru (HEB).  O projeto visa a integração dos 3 pilares da Universidade, a partir de duas ações: a educação em saúde pediátrica e odontológica tanto para os pais responsáveis quanto para as crianças e a recreação com os pacientes internados. Tais atividades em conjunto têm por objetivo a promoção de uma saúde integral, focada na horizontalidade e empatia, experiência que tem importância, também, para fomentar uma formação mais ampla e humanizada aos alunos participantes.

 

 

Sustentabilidade e Conscientização Ambiental: um projeto para a Escola de Engenharia de Lorena

O projeto aqui apresentado surgiu com o intuito de unir as atividades do Programa Prato Limpo (PPL) e do Projeto Árvores EEL, ambos ligados a temática de educação ambiental.

 

 

Sustentarea: impactando positivamente nos hábitos alimentares e na formação de profissionais

O Núcleo de Apoio às Atividades de Cultura e Extensão (NACE) Sustentarea é formado por uma equipe multidisciplinar, composta por 52 pessoas, que estudam, pesquisam, e constroem um diálogo horizontal de compartilhamento sobre alimentação sustentável. O objetivo foi avaliar o impacto dos participantes no Sustentarea na sua formação profissional e na mudança dos seus hábitos alimentares.

 

 

Tá com a máscara arriada?:  animações sobre a Covid-19 integram universidade e comunidade no combate à desinformação

Nesta iniciativa foram desenvolvidas 19 animações de divulgação científica sobre a covid-19 que foram distribuídas por aplicativos de mensagens e redes sociais. A elaboração dos vídeos ocorreu de maneira colaborativa com a participação de habitantes de comunidades rurais para as quais os vídeos eram direcionados e com a equipe do Laboratório de Etologia, Desenvolvimento e Interação Social da USP (LEDIS).

 

 

TELECONSULTA EM TERAPIA OCUPACIONAL: Cuidado a idosos em distanciamento social por conta da pandemia COVID-19

Os idosos tiveram sua saúde mental impactada neste contexto e a teleconsulta viabiliza o acesso à processos de cuidado em saúde. Método: Em um período de seis meses, foram realizadas teleconsultas semanais a quatro idosos. Os idosos foram encaminhados pelos serviços de saúde do Butantã. Realizou-se supervisões semanais, em conjunto com a terapeuta ocupacional vinculada ao CECCO Previdência. Resultados: As teleconsultas enfatizaram a escuta atenta e qualificada.

 

 

Território, Ciências da Natureza e Arte para a sustentabilidade: USP e Escolas juntas

O objetivo é levar a USP a essas escolas, em uma proposta interdisciplinar construída em conjunto por seus espaços educativos (Estação Biologia – IB, GEPEq – IQ ou MAC, entre outros dez grupos que vem colaborando em projetos associados) e, principalmente, através dos estudantes de graduação, que, sob supervisão, realizam oficinas ou organizam clubes do conhecimento nestas escolas.

 

 

Todos pelo Turismo: livretos participativos em Ibitinga

Os livretos da coleção “Todos pelo Turismo”, desenvolvidos pelos integrantes do projeto de turismo da Escola de Comunicação e Artes da USP (ECA/USP) do Programa USP Municípios, foram criados como proposta de discussão do trabalho desenvolvido pelo projeto no município de Ibitinga, de modo a apresentar dados referentes ao turismo e iniciar o processo de definição de estratégias para o seu desenvolvimento sustentável na região. Além disso, tem a intenção de fomentar a participação, envolvendo a população nos assuntos relativos ao turismo da cidade.

 

 

Todos podem aprender: construindo caminhos para a inclusão

Congressista: Isabela de Oliveira Bertone Unidade USP: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto   Título: Todos podem aprender: construindo caminhos para a inclusão Coordenador: Daniela Gonçalves de …

 

 

Travessias (im)prováveis: Ensino de Antropologia em Inglês

O projeto “Travessias (im)prováveis: ensino de antropologia em inglês”, coordenado pela professora Laura Moutinho, é uma iniciativa que realizamos junto a disciplinas obrigatórias de antropologia na qual oferecemos a alunas e alunos do Bacharelado em Ciências Sociais da Universidade de São Paulo oficinas de capacitação para leitura de textos antropológicos em língua inglesa.

 

 

Treina Micro: Cultura e Extensão Universitária na Ação de Formação e Geração de Renda de Jovens do entorno da Universidade

Entre os anos de 2000 e 2005, o Programa Avizinhar (CECAE), diagnosticou a demanda dos jovens do entorno do Campus Butantã por atividades e serviços que atendessem a faixa etária de 15 a 18 anos na especificidade de uma introdução ao mercado de trabalho. Assim, o Programa criou o Projeto “Ação de Formação de Jovens e Geração de Renda”, no qual foram desenvolvidos cursos de formação técnica na área de informática envolvendo 120 jovens, num período de 5 meses com atividades diárias em período de contraturno escolar.

 

 

Triagem de indivíduos com síndrome gripal no Prédio dos Ambulatórios do Hospital das Clínicas da FMUSP para prevenção da COVID-19

A triagem consiste na identificação de sintomas e sinais clínicos característicos da COVID-19. Nesse sentido, o presente trabalho visou descrever e analisar uma experiência de triagem de sintomas gripais ocorrida em 2020 com pacientes ambulatoriais durante a pandemia da COVID-19.

 

 

Tudo são Ondas: uma atividade multidisciplinar no Parque Cientec-USP

“Tudo são Ondas” consiste em um roteiro de apresentação da área externa do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade de São Paulo (CienTec). Partiu-se de uma abordagem multidisciplinar e da utilização diferenciada de atrações já existentes no parque com o intuito de estabelecer uma relação com diversos tipos de ondas. No momento de pandemia, ela está sendo oferecida no formato virtual, mas será implementada presencialmente por ocasião da reabertura do Parque ao público.

 

 

Turismo de Base Comunitária em Comunidades Indígenas

Resumo:  A Rede Indígena é um serviço do IP-USP, constituída como uma articulação sucessora de atividades desenvolvidas pelo Instituto nas Tekoa paulistas. Seus trabalhos iniciam-se em 2012, onde houve a organização de rodas de conversa com jovens para a conscientização sobre álcool e demais drogas. Em função das vulnerabilidades às quais são expostos e à pressão sobre as comunidades faz-se necessário o suporte psicossocial e o apoio ao desenvolvimento de projetos para assegurar bem-estar nas aldeias.

 

 

Turma Boa pra Cachorro: um livro sobre bem-estar animal e anatomia veterinária como produto da extensão universitária ao Ensino Médio

Resumo:  Este trabalho relata a experiência da ação da FMVZ-USP junto à comunidade acadêmica do Centro Educacional SESI 077 de Carapicuíba-SP. Para isso, seguiram-se as seguintes etapas: I) discussão inicial; II) escolha do tema e definição do problema; III) formação dos grupos; IV) escolha dos professores orientadores; IV) elaboração do plano de pesquisa; V) investigação e registro das atividades; VI) análise dos resultados; VII) conclusões; VIII) produção e entrega do relatório de pesquisa; IX) apresentação do produto

 

 

UNIVERSITÁRIO POR UM DIA: RESPONSABILIDADE SOCIAL E INCLUSÃO NA USP

Projetos de extensão universitária de inclusão social, que oportunizam ações de aproximação de alunos do ensino médio público às universidades públicas, são essenciais para incentivar e favorecer o ingresso no ensino superior e estimular a formação e permanência estudantil universitária.

 

 

Urbanicidades | Ciclo de Cinema e Debates

Urbanicidades, Ciclo de Cinema e Debates que articula um debate entre arquitetura e cinema, constituindo-se enquanto um exercício epistemológico sobre a observação da cidade como uma realidade e ideação em constante transformação.

 

 

Uso Racional de Benzodiazepínicos – Caracterização do perfil dos pacientes usuários de benzodiazepínicos na Rede Municipal de Saúde de Bauru/SP

Objetivos: Os principais objetivos são identificar e caracterizar pacientes usuários crônicos de Benzodiazepínicos (BZDs) e, a partir dos dados obtidos, elaborar propostas de intervenção para minimizar o uso indiscriminado e inapropriado, bem como os efeitos adversos, deste grupo farmacológico por estes pacientes.

 

 

USP Matching Job – Aplicativo de inclusão no mercado de trabalho

O Projeto “USP Matching Job” é uma iniciativa do Programa USP Diversidade, inovador que fortalece o papel de inclusão e responsabilidade social da Universidade de São Paulo.

 

 

Utilização do acervo do Museu “Luiz de Queiroz” como ferramenta de ensino

Congressista: Isaac Bonatto Cordeiro Unidade USP: Escola Superior de Agricultura – Luiz de Queiroz –   Título: Utilização do acervo do Museu “Luiz de Queiroz” como ferramenta de ensino Coordenador: …

 

 

Vacinação contra COVID-19 – participação dos estudantes de medicina da FOB USP

Este trabalho tem como objetivo apresentar a participação dos estudantes do Curso de Medicina da FOB USP, nas atividades de apoio a contenção da pandemia de COVID-19 no município de Bauru, por meio da campanha de vacinação.

 

 

Verificar a viabilidade de utilização de fios reciclados, a partir de aparas  de confecção, na fabricação de produtos têxteis e de moda

Este estudo surge como uma proposta de minimizar os impactos negativos do sistema produtivo industrial têxtil e de moda, que descartam de forma indevida seus resíduos sólidos. Buscou-se verificar a viabilidade da utilização das aparas têxteis descartadas pelas confecções de Ibitinga-SP, para a fabricação de fios reciclados e a posterior reintrodução no mercado como produtos sustentáveis, seguindo o modelo de economia circular, neste notório parque fabril, até então, verticalizado.

 

 

Viagem ao mundo dos Micro-organismos e Parasitas Humanos: aproximando a Ciência da sociedade

O #Adote é um método que utiliza redes sociais para o ensino de Microbiologia. A vertente “Adote um Micro-organismo”, destinada ao ensino médio, vem sendo aplicada a alunos do Instituto Federal de São Paulo e inclui a atividade de difusão “Viagem ao Mundo dos Micro-organismos e Parasitas Humanos”. Os alunos realizam uma visita ao ICB – USP, percorrendo quatro estações: Bactérias, Fungos, Vírus e Parasitas, que apresentam atividades práticas diversas, visitam laboratórios de pesquisa e participam de atividades lúdicas desenvolvidas pelos mediadores do projeto.

 

 

Vídeos educativos do Museu de Anatomia Veterinária da FMVZ USP: desafios e potencialidades para difusão do acervo durante a pandemia

Resumo:  Desde o início da pandemia causada pela Covid-19, a partir de abril de 2020, o Museu de Anatomia Veterinária da FMVZ desenvolveu um conjunto de vídeos educativos com a dupla finalidade. Por um lado, o objetivo foi de manter o programa de atividade educativas do Museu ativo junto ao seu público, mesmo com o distanciamento social, com informações elaboradas a partir do seu acervo. Por outro, buscou-se desenvolver estratégias inovadoras para o programa educativo do Museu

 

 

Viva Melhor Sabendo: Prevenção e Diagnóstico Oportuno de Infecções Sexualmente Transmissíveis

A infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) permanece um desafio para a saúde pública, mundialmente. O número de adultos adquirindo HIV tem aumentado entre profissionais do sexo, pessoas transgêneros, pessoas privadas de liberdade, homens que fazem sexo com homens, denominados como população-chave na literatura. No Brasil, mais de 40 mil pessoas foram infectadas pelo vírus e 10.450 morreram de aids no ano de 2019.

 

Vivências de mulheres com transtornos alimentares com idade superior a 30 anos

Os transtornos alimentares (TAs) são distúrbios psiquiátricos prevalentes na população feminina adolescente, mas há evidências em mulheres fora dessa faixa etária.

 

 

Vulnerabilidade social e educação formal: possibilidades de intervenção do  terapeuta ocupacional com adolescentes escolares

A vulnerabilidade social pode ser entendida como sendo a exposição de pessoas ou populações a determinadas situações que as colocam em risco para seu desenvolvimento integral.

 

 

Vulnerabilidade: A Garantia da Reabilitação do Nascituro com Deficiência

Este trabalho teve como objetivo demonstrar a incidência do direito à reabilitação do nascituro com deficiência, conferindo-lhe além das proteções para seu pleno desenvolvimento intrauterino, a garantia de que tanto durante a gestação, quanto após seu nascimento, o mesmo tenha o efetivo recebimento de todos os procedimentos para sua reabilitação.

 

 

Wikipédia no Ensino: uma ferramenta de difusão científica para a comunidade

Em vista da carência de conteúdos sobre audição e equilíbrio disponíveis na Wikipédia em português, realizou-se a edição e criação de verbetes sobre o tema. Como motivação para o trabalho destaca-se a relevância da Wikipédia para comunicação em saúde, a incidência de presbiacusia e de sintomas auditivos e vestibulares na COVID-19. O trabalho avaliou o impacto da expansão e criação de conteúdos relacionados à temática.

 

 

XVII Semana de Geografia: resistências e possibilidades para o estágio supervisionado em ensino e material didático em tempos de pandemia

A Semana de Geografia é reconhecida como o projeto de extensão mais longevo da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. Com a pandemia do Novo Coronavírus, o projeto viu-se obrigado a adaptar sua exitosa metodologia de trabalho para melhor responder às demandas da sociedade e do público que participa de suas atividades, mantendo sua perspectiva de valorização da produção de conhecimento das escolas públicas e necessidade de coordenação entre ensino básico e ensino superior a partir de uma relação horizontal.

 

 

ZMV em Foco: Divulgação científica dos resultados e serviços gerados pelo Departamento de Medicina Veterinária

Congressista: Camila Gomes dos Santos Unidade USP: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos   Título: ZMV em Foco: Divulgação científica dos resultados e serviços gerados pelo Departamento de Medicina …

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.